Brasileiro vence campeonato internacional 1×1 de League of Legends



O brasileiro Lucas “Gregio” Vernier é o novo campeão do Red Bull Player One, campeonato internacional de League of Legends no formato 1×1. Após superar o português Miguel “Fearless” Santos e o brasileiro Júlio “Nosferus” Cruz na fase de grupos, ele derrotou na grande decisão Walid “Cipher” Osman, dos Emirados Árabes Unidos, e faturou o título da competição.

São Paulo recebeu, no último sábado (18), a grande decisão da quarta edição do Red Bull Player One, campeonato internacional de League of Legends no formato 1×1 que contou com a participação de jogadores amadores de quatro países: Brasil, Chile, Emirados Árabes Unidos e Portugal. O brasileiro Lucas “Gregio” Vernier, que teve como técnico o player pbo, da CNB, foi quem levou o título de melhor jogador de LoL individual, depois de superar Walid “Cipher” Osman, dos Emirados Árabes Unidos, na partida final.

Todos os jogadores disputaram partidas classificatórias online para garantir uma vaga presencial na final, realizada nos estúdios da ESL, na capital paulista. Na decisão, os players passaram por uma fase de grupos, no formato melhor de três. Walid “Cipher” Osman, representante dos Emirados Árabes Unidos, e o brasileiro Lucas “Gregio” Vernier levaram a melhor na mid lane do Red Bull Player One e se enfrentaram na decisão do título.

No formato melhor de cinco da final, o brasileiro começou se impondo, vencendo a primeira partida em cerca de três minutos, com o campeão Miss Fortune. Seguindo a mesma estratégia, ganhou as outras duas partidas, desta vez com Jayce e Kalista, respectivamente, tornando-se o campeão do Red Bull Player One 2017.

– Sinto que fui evoluindo psicologicamente durante o torneio, o que me ajudou a vencer. Agora, quero treinar ainda mais para, quem sabe, me tornar um profissional. Mesmo sendo um campeonato 1×1, minha estratégia foi apostar no ad carry – afirmou o campeão “Gregio”.

Com uma proposta nova, essa foi a primeira vez que o Red Bull Player One não contou com pro players na final do torneio, tendo como foco os jogadores amadores e dando a eles a oportunidade de viverem como verdadeiros profissionais. Durante a fase qualificatória, quatro brasileiros passaram uma semana “incubados” nas Gaming Houses dos times CNB e Red Canids, treinando e recebendo dicas. Ao final desses sete dias, o paulista Lucas “Gregio” Vernier e o goiano Júlio “Nosferus” Cruz, que foi eliminado na fase de grupos de sábado (18), foram escolhidos para representar o Brasil na final do campeonato.



MaisRecentes

GOTY: Zelda é eleito o melhor jogo de 2017. Confira todos os vencedores



Continue Lendo

Análise Press Start – LEGO Marvel Super Heroes 2



Continue Lendo

Com recorde de audiência, título da SK Gaming é visto por mais de um milhão de usuários em transmissão online



Continue Lendo