Análise Press Start – The Sims 4



A Análise Press Start de hoje é sobre uma das franquias de maior sucesso na história dos videogames. Dessa vez, vamos falar sobre a chegada (finalmente!) de seu mais recente lançamento aos consoles. Confira o que achamos de The Sims 4.

The Sims 4 foi lançado  para PC há mais de 3 anos. Agora, finalmente, o jogo desembarca no PS4 e no Xbox One, e vamos descobrir se essa versão realmente vale a pena, considerando o tempo que demorou para que ela chegasse aos consoles.

Vamos começar falando que, se você já joga The Sims 4 no PC, não há absolutamente motivo algum para comprar a versão de consoles. O jogo comercializado é “cru”, sem nenhum dos conteúdos adicionais que já estão presentes nos computadores. Estamos falando de 21 pacotes de DLC, que você deverá desembolsar uma quantia alta para adicionar ao seu game.

Agora, se você ainda não teve contato algum com The Sims 4 e não tem um PC para isso, pare o que você estiver fazendo agora e corra para a loja mais próxima para garantir o seu. Mas o que é The Sims 4? Assim como todos os outros jogos da série, você controla sims, ou seja, pessoas virtuais. E cabe a você decidir o futuro delas de acordo com as decisões que você as faz tomar. É possível construir casas e prédios, famílias e relacionamentos, tudo que você imaginar. As possibilidades são praticamente infinitas.

Com isso dito, o principal fator que ajuda a vender The Sims 4 é o fator longevidade do game. É virtualmente impossível fazer tudo dentro do jogo. Cada nova história possui desdobramentos diferentes e isso te faz voltar no dia seguinte, e no dia depois desse, e assim por diante.

Voltando a inevitável comparação com a versão de PC, temos que dizer que The Sims 4 é um jogo perfeito para ser jogado com mouse e teclado, já que possui grande parte de sua experiência baseada em estatísticas. A adaptação para consoles e controles não é tão fluida e intuitiva quanto a original. Os gráficos nos computadores ainda são ligeiramente superiores, o que já era de se esperar, mas a performance é outro ponto onde o PS4 e o Xbox One deixam a desejar, apresentando quedas de framerate e telas de loading bem demoradas e longas.

CONCLUSÃO

The Sims 4 finalmente chegou aos consoles, mas com uma versão inferior a que já temos no PC desde 2014. Se você tem um computador capaz de rodar o game, nem pense em comprar a versão de PS4 ou Xbox One. Mas, se esse não é seu caso, saiba que vai encontrar um jogo absolutamente viciante e divertido, com potencial infinito de possibilidades.

PONTOS POSITIVOS

– Virtualmente impossível de se esgotar as possibilidades in-game
– Centenas de horas de gameplay

PONTOS NEGATIVOS

– Inferior a versão de PC
– Problemas de performance

NOTA – 7/10

Gostaríamos de agradecer à EA, que nos cedeu uma cópia de The Sims 4 para PS4, plataforma usada nesta análise.



MaisRecentes

OneShot é oficialmente lançado no Brasil



Continue Lendo

Showmatch de PUBG atrai fãs e lota arena de eSports na Comic Con Experience 2017



Continue Lendo

e-Sports: Flamengo fecha com importante parceiro



Continue Lendo