Análise Press Start – Street Fighter V



Fevereiro tem sido um mês bastante movimentado na indústria dos games, e um grande responsável por isso é o game que vamos conferir da Análise Press Start de hoje. Veja o que achamos de Street Fighter V.

O retorno triunfal de um clássico

Quando se fala de games de luta, alguns nomes surgem instantaneamente em nossas cabeças. Uns vão se lembrar de um personagem aqui, outro ali. Mas, sem sombra de dúvida, as memórias mais marcantes vêm de um dos jogos da franquia Street Fighter.

Seja um lutador em especial, ou até mesmo um dos famosos golpes que são aplicados no jogo, Street Fighter sempre foi nossa referência quando se trata de games de pancadaria.

E por falar no gênero, é cada vez mais raro se ver lançamentos de qualidade, deixando um pouco os fãs dos games de luta órfãos. Mas Street Fighter V chega com a missão de mudar isso radicalmente.

Apostando em gráficos modernos, jogabilidade bastante acessível, e algumas novidades na interação entre PS4 e PC, a Capcom põe suas fichas em Street Fighter V.

Hadoken e shoryuken para todos!

Street Fighter V consegue a proeza de ser um game acessível para todos os tipos de jogadores. Seja você um iniciante ou um veterano, a sensação vai ser sempre de se estar à vontade com o controle na mão.

Essa estratégia acaba atraindo novos seguidores, com golpes mais simplificados, e especiais bem mais simples de serem aplicados no combate.

Mas as mudanças não tornaram o game infantil. Pelo contrário. O lado competitivo das lutas em SFV ficou ainda melhor, forçando os gamers a terem cada vez mais estratégias na manga.

Novidades no combate, o V-Trigger, V-Reversal e o V-Skill prometem agitar e revolucionar cada luta. Os familiares ataques ‘Super’ agora são chamados de Critical Arts, e são os mais poderosos do jogo, mas ainda assim simples de serem executados.

Street Fighter nunca foi tão belo

Talvez o que mais chame a atenção de um jogador ao experimentar Street Fighter V seja a parte gráfica. A Capcom fez um trabalho excepcional neste quesito, fazendo ótimo uso do potencial do PS4 e dos PC’s.

Cada um dos 16 personagens disponíveis no lançamento são incrivelmente detalhados. Roupas, cabelos e acessórios se mexem fluidamente com cada movimento de corpo, aumentando o realismo do game. As expressões faciais em cada golpe aplicado ou recebido também merecem um destaque.

Isso tudo é feito ainda mantendo a tradição da série, portanto, os personagens são um tanto caricatos, com os já conhecidos pés gigantescos dos lutadores, por exemplo.

Os cenários dos combates também ganharam um trabalho de primeira. Cada um deles tem suas peculiaridades, inclusive o que é ambientado no nosso querido Rio de Janeiro.

Suporte importante da Capcom

Como já se tornou frequente, os jogos de hoje são lançados ‘incompletos’, e recebem bastante atualizações de conteúdos através de DLC’s.

Mas a Capcom já prometeu um suporte em longo prazo, atualizando o elenco de lutadores, e com mais outras novidades, como novos cenários e roupas, por exemplo.

Algo que já está confirmado é o lançamento de um modo história mais robusto. Previsto para junho de 2016, ele chegará com uma narrativa envolvendo os personagens de SFV.

Por enquanto, todo esse conteúdo adicional será gratuito. E todos os lutadores e roupas extras poderão ser adquiridos com a Fight Money, moeda conquistada dentro do próprio jogo, através de seus esforços.

Os modos de jogo de Street Fighter V

Atualmente, Street Fighter V conta com alguns modos, tanto para aqueles que gostam de se divertir com os amigos, na mesma tela, ou para os que preferem se aventurar nas batalhas online.

Na parte offline, os modos versus e sobrevivência são os destaques, mas há também o modo treino, que traz algumas novidades, incluindo pré-estabelecer a posição inicial e os golpes de seu adversário.

Mas a grande emoção de Street Fighter V está no mundo online. Dividido basicamente em lutas competitivas e casuais, tudo isso dentro da Capcom Fighters Network.

A CFN reúne todas as informações da parte online de SFV em um só lugar. Estatísticas e um sistema de ranking são a base do lado eSports do game. Apenas em março a rede estará totalmente disponível, trazendo as seguintes funcionalidades:

  • Um mapa de cores mostrará onde estão sendo realizadas as lutas ao redor do mundo
  • Perfis dos jogadores e estatísticas detalhadas
  • Matchmaking entre jogadores de mesmo nível
  • Seguir seus jogadores favoritos
  • Pesquisar e assistir lutas e arquivos
  • Enviar convites de batalhas online
  • Feed de notícias

CONCLUSÃO:

Street Fighter V atinge facilmente seu objetivo de voltar a dominar o mercado dos games no gênero de luta. Os gráficos são espetaculares, a jogabilidade mais acessível e o suporte da Capcom promete ser muito interessante.

PONTOS POSITIVOS:

  • Gráficos realmente da ‘nova geração’
  • Jogabilidade refinada e simplificada
  • Conteúdo gratuito prometido pela Capcom

PONTO NEGATIVO:

  • Ausência do modo história completo e da CFN no lançamento

NOTA: 9,5/10

Gostaríamos de agradecer à Capcom, que nos cedeu uma cópia de Street Fighter V para PlayStation 4, plataforma utilizada nesta análise.

 

 



MaisRecentes

Análise Press Start – Terra-Média: Sombras da Guerra



Continue Lendo

Bethesda divulga trailer de lançamento de Wolfenstein II: The New Colossus



Continue Lendo

Expansão Corridas Metamorfose já está disponível para GTA Online



Continue Lendo