Análise Press Start – NBA 2K17



A Análise Press Start de hoje é histórica. O game que avaliamos tem potencial para ser um dos mais bem feitos de todos os tempos, e foi um privilégio testá-lo. Confira o que achamos de NBA 2K17.

O melhor game de esportes da história!

Para quem acompanha e joga os games da franquia NBA 2K, não é surpresa a qualidade que nos é entregue a cada ano. Os produtores e desenvolvedores estão em constante evolução e todo lançamento consegue superar o anterior.

Mas desta vez a coisa atingiu patamares absurdos. NBA 2K17 não só é o melhor jogo de esportes da história, como tem potencial para entrar na briga de uma das produções mais sensacionais da indústria dos videogames.

Nós estamos falando de um game absolutamente impecável, com gráficos que flertam com a realidade, uma jogabilidade leve, dinâmica e fluida, e modos de jogo que agradam a todos.

Quem curte basquete e quer ter a melhor experiência possível no videogame, tem que aplaudir de pé e agradecer a todo mundo na 2K pelo trabalho de excelência que foi realizado em NBA 2K17.

Separando os homens dos meninos

NBA 2K17 é um passo ousado e corajoso da 2K. Isso porque sua jogabilidade vai exigir, em alguns aspectos importantes do game, que você seja realmente bom no controle.

Vamos começar pelo mais importante. Todo tipo de arremesso, seja ele da linha dos três pontos, da cabeça do garrafão ou até mesmo uma bandeja, requer o timing perfeito para ser realizado.

Os dribles foram completamente redesenhados, exigindo não só a técnica para fazê-los como um uso de estratégia, já que ao abusar da alavanca direita nossa energia é drenada, afetando diretamente nos passes, arremessos e na movimentação dos jogadores.

Além disso, o ritmo do jogo é muito mais acelerado, assim como na vida real. Os jogadores controlados pela inteligência artificial fazem as rotações defensiva e ofensiva de maneira mais objetiva, ampliando seu arsenal de opções e realmente criando uma ‘batalha de xadrez’ dentro de quadra.

Você ainda pode comandar seu ataque e defesa de maneira personalizada, mas a própria IA sabe o que fazer, e se adapta às situações da partida para proporcionar um gameplay mais fluido.

O que mais chama a atenção ao jogar NBA 2K17 é o fato de que cada aspecto do basquete é recriado de maneira perfeita. É satisfatório demais tentar um chute de 3, como Stephen Curry cansou de fazer na última temporada, ou demolir defesas batendo pra dentro do garrafão no melhor estilo LeBron James. Nada parece ser aleatório, e você sente que realmente fez a diferença para que a bola caia ou não na cesta.

Parece a vida real

Desde sempre os jogos da 2K foram referência no quesito gráficos. Mas o que nós vemos em NBA 2K17 é algo de outro planeta. Parece clichê, mas quem vê uma partida tem claramente a sensação de estar assistindo a uma transmissão na TV.

Isso só ganha força com uma das novidades de NBA 2K17. Cada arena teve seu ‘som’ gravado e recriado dentro do jogo. O quique da bola, o grito da torcida, o barulho da rede em uma cesta… Tudo é absolutamente fiel à realidade.

Fora isso, o sistema de iluminação recebeu um upgrade, se assemelhando ainda mais da vida real. É incrível ver um replay de uma jogada e perceber cada detalhe no corpo dos jogadores, seja uma tatuagem, o corte de cabelo ou até mesmo o suor escorrendo no rosto.

Outra novidade é que a equipe de transmissão das partidas está bem maior do que de costume, ampliando a variedade de comentários que ouvimos, e evitando a mesmice que atinge os games com o passar dos tempos.

Modos de jogo para todos os gostos

Uma das virtudes que diferencia a 2K das demais produtoras é sua capacidade de ouvir os fãs. Mais do que isso, ela realmente coloca em prática aquilo que é pedido.

Se na versão do ano passado, o modo MyCareer recebeu críticas, o que temos em NBA 2K17 é muito perto do ideal. Ao começar com uma versão gratuita, que foi disponibilizada antes mesmo do lançamento oficial do game, e nos permitia vivenciar a parte da faculdade de nosso jogador.

Com o jogo completo, a variedade de conteúdo é absurda. Você pode treinar seus arremessos, ficar monstrão na academia, namorar, ir a eventos de publicidade, sair com os amigos… E ainda tem aquela partezinha de jogar na NBA.

Isso tudo com um roteiro muito bacana, contando com a participação de estrelas do cinema, como Michael B. Jordan, que interpreta seu colega de time Justice Young, e é parte fundamental da nova mecânica ‘Dynamic Duo’ de NBA 2K17.

MyGM e MyLeague mais uma vez merecem atenção. Em ambos os modos a jogabilidade foi aprofundada, oferecendo ainda mais opções e funcionalidades. Realmente não sei o que falta…

E no mundo online, o que temos de bom? MyTeam, é claro! O popular modo de jogo chega mais afiado, com novidades interessantes e a diversão de sempre.

As ‘seeds’ se foram e deram lugar às Ligas, que se assemelham às divisões do Ultimate Team de Fifa. Não há mais restrições no elenco, e seu desempenho determina seu destino e suas recompensas.

Todo o visual do MyTeam ganhou uma repaginada, deixando tudo mais simples e acessível. As mudanças não são só estéticas e melhoram no gerenciamento do seu time, por exemplo.

CONCLUSÃO:

Como dissemos acima, NBA 2K17 é o mais completo game de esportes de todos os tempos. Não falta nada: a jogabilidade é impecável, os gráficos são absolutamente realistas e os modos de jogo são diversão garantida.

PONTOS POSITIVOS:

  • Apresentação mais realista possível
  • Jogabilidade fluida e desafiadora
  • Modos de jogo para todos os gostos

PONTOS NEGATIVOS:

  • Não há!

NOTA: 10

Gostaríamos de agradecer à 2K, que nos cedeu uma cópia de NBA 2K17 para PS4, plataforma usada nesta análise.

 



MaisRecentes

Cinco vezes campeão do Super Bowl e lenda da NFL, Tom Brady estampa capa do Madden 18



Continue Lendo

Electronic Arts e Maxis realizam pré-lançamento de The Sims Mobile no Brasil



Continue Lendo

Dreamfall Chapeters Já está disponível para Playstation 4 e Xbox One



Continue Lendo