Análise Press Start – Batman: The Telltale Series – Episódio 1



Todo mundo já quis ser um super-herói, não é mesmo? Pois na Análise Press Start de hoje, nó vamos conferir um game que te coloca na pele de nada mais, nada menos do que o Homem-Morcego. Veja o que achamos de Batman: The Telltale Series.

Telltale + Batman = Combinação perfeita!

Quando nós soubemos que a Telltale estava produzindo um game do Batman, o hype instantaneamente foi lá no alto. Era óbvio que viria coisa boa pela frente, e, agora que estamos com o produto final nas mãos, o resultado corresponde a todas as expectativas.

A Telltale apostou forte na narrativa do game. E o que nós temos acaba sendo até mais puxado para o lado de um filme do que de um jogo, em si.

Mas aí é que entra um dos grandes fatores que contribuem para o sucesso de Batman: The Telltale Series. Você comanda o roteiro desse ‘filme’. Suas decisões afetam diretamente o que vem na sequência, e são possíveis vários finais apenas para este primeiro Episódio.

São cerca de duas horas envolvidos até o pescoço nas tramas políticas da frenética Gotham City. Desta vez, Bruce Wayne deve sair de uma situação que pode por em risco o nome e a tradição de sua família.

Mas como é a jogabilidade desse ‘filme’?

Como já era de se esperar, a jogabilidade de Batman: The Telltale Series é a tradicional da produtora. Algo que pode ser definido como ‘Aponte e clique’.

Nela, você decide qual será a próxima interação do personagem com o cenário, dando sequência à história da maneira que você achar melhor. Você é o diretor e o protagonista dessa super-produção.

A jogabilidade característica da Telltale recebeu um adicional muito bacana chamado Crowd Play. Ela transforma a jogatina em algo muito mais social, permitindo que outros jogadores opinem nas suas decisões.

E como estão os gráficos?

Mais uma forte característica da Telltale se vê presente no game. Tudo é feito no estilo animação, com linhas bem definidas e colorações mais escuras, realçando todo o lado sombrio que sempre acompanha o Homem-Morcego.

Todo o cenário é muito bem construído e bonito. Valorizando ainda mais o tempo que o jogador passa com olhos na tela, decidindo qual será a próxima cena a se desenrolar.

Vale dizer que em nosso tempo com o game, reparamos que ocorrem pequenas falhas na movimentação do personagem quando intervimos em cenas que requerem uma sequência de botões.

CONCLUSÃO: 

Batman: The Telltale Series começou muito bem com o primeiro Episódio. O estilo ‘filme’ implantado pela produtora é algo que não vemos com frequência e funcionou muito bem com o Homem-Morcego. Por custar apenas R$ 15,50, é uma excelente alternativa para os gamers de plantão.

PONTOS POSITIVOS: 

  • Trama envolvente
  • Vários finais
  • Crowd Play

PONTOS NEGATIVOS:

  • Animação robótica em alguns momentos
  • Sem dublagem em português

NOTA: 9/10

Gostaríamos de agradecer à Warner Brasil, que nos cedeu uma cópia de Batman: The Telltale Series para PS4, plataforma usada nesta análise.

 



MaisRecentes

VR GAMER sediará 1º Torneio Internacional de Beat Saber entre Arcades VR em SP



Continue Lendo

Pistolou! Craque do Manchester United reclama por sua aparência no Fifa 19



Continue Lendo

Inscrições abertas para as Classificatórias do Circuito Desafiante



Continue Lendo