Fabrício fica no banco pela primeira vez



Fabrício, que não entra em campo desde 8 de abril e ainda não completou 90 minutos pelo São Paulo, volta.

É a primeira vez dele no banco. Nas outras três oportunidades em que jogou, começou como titular, mas foi substituído ante do fim. Contra o Ituano atuou por 45 minutos e foi seu recorde.

No início do ano, o volante sofreu com uma tendinite no tornozelo direito. Agora, por último, se recuperou de lesão na panturrilha.



MaisRecentes

‘Hudson é um bad boy elegante’



Continue Lendo

Quando se faz jus ao termo trabalho



Continue Lendo

São Paulo e as expulsões a base de anti-inflamatório



Continue Lendo