Sem individualismo, vitória coletiva



O São Paulo passeou ontem no Morumbi, balançou as redes de várias formas diferentes, mas correu alguns riscos no início da partida. Isso porque Piris fez marcação individual no perigoso atacante Osvaldo.

Apesar da correria do jogador cearense, o paraguaio foi bem. O problema foi o buraco que surgiu na direita, já que Osvaldo se movimentava por todo o campo. Por ali, o Tricolor levou um sufoco no início do jogo, o que fez Rogério Ceni deixar sua meta para passar instruções para Wellington lá no meio.

Atento, Adilson Batista cancelou a marcação individual. A partir daí, foi um baile no Morumbi. E com belos gols. Destaque para a presença dos laterais como elementos surpresos na área rival. Também é necessário valorizar a doação dos jogadores, que pensaram na equipe e se entregaram em campo.

Quando parou de perseguir Osvaldo, Piris marcou um gol e o São Paulo construiu a goleada (Foto: Tom Dib)

Depois de Juan fazer de cabeça, foi a vez de Piris aproveitar. Despreocupado com Osvaldo, ele disparou para o ataque e recebeu passe precioso de Casemiro.

Casemiro que, mesmo como volante, quase não chegou perto dos zagueiros. A presença constante no campo ofensivo deu resultado também na segunda etapa, com um belo chute na gaveta.

A torcida que pedia Rivaldo desde o início do jogo, foi atendida. E o craque não decepcionou. Não só pelo gol de voleio, mas também pela cadência que deu no jogo. Com a vitória garantida, ele pôs a bola no chão e comandou a garotada.

Nada melhor que um 4 a 0 antes de enfrentar o rival Corinthians.



  • Com todo respeito acho que o Rivaldo, tem que jogar neste time porque ele tem experiência e qualidade e um bom toque de bola ajuda muita a dar experiência para esta garotada que e muito boa de bola espero que o Adilson Batista veja isto e deixe ele continuar no time ele sabe como cadenciar um jogo.

  • Alan Aníbal

    O time ideal do São Paulo seria: Ceni; Piris, Rodholfo, J. Felipe e Juan; Denilson, Casemiro, Lucas e Rivaldo; Dagoberto e L. Fabiano. Com este time comandado por Ceni, Rivaldo e Fabuloso o Sampa iria longe com certeza!!!

    • Vanderley Cruz Junior

      Com certeza Alan, e ainda de quebra teríamos o argentino que eu coloco muita fé, para o segundo tempo caso Rivaldo estivesse cansado. Vamos esperar os próximos dias para ver o que vai acontecer no sampa. Abraços!!!

  • Concordo com o Alan Anibal, só tiraria o Juan q pra mim é horrivel ele ate marca bem e tal, mais com a bola no pé só faz trapalhada.

  • Thiago Ibanez

    Meu time ideal (contando q todos estejam à disposição)4-2-3-1: ROGÉRIO CENI, PIRIS, J. FILIPE, RHODOLFO, JUAN, DENÍLSON, CASEMIRO, LUCAS, MARLOS, DAGOBERTO, LUÍS FABIANO. Rivaldo é ótimo jogador, mas nao aguenta 90 minutos, Canete dizem que é bom mas prefiro esperar ele provar no campo, Cícero até agora não sabe se é atacante, meia ou volante, fora C. Paraíba(tem q ser banco). Li muitos comentários colocando o Wellington no time titular, bom marcador, mas já repararam como é ruim passando? Como a saída de bola dele é horrivel? até por isso o Adilson coloca o Denilson como 1° volante justamente pra q a gente tenha uma saída de bola mais qualificada, é como no Milan q o técnico tinha q prender o Pirlo e deixar o Gattuso como segundo volante, pra q a saída de bola fosse qualificada e nao perdesse tbm em marcação. eu jogaria com esse time Lucas na direita, Marlos na esquerda e Dagoberto solto pra deslocar pro lado que a jogada estiver se desenvolvendo, temos q ter essa velocidade nas pontas porque com o Fabuloso dentro da área aquelas bolas q passavam por toda área adversária nas jogadas de fundo do SP agora se tranformaram em gols.

  • onédio conrado

    a ordem seria essa:Ceni;Pires,J.felipe,Rodolfo,Juan,Denilson,Casemiro e Rivaldo.Lucas Dagoberto e Luiz fabiano.um abraço nação trcolor…………

    • gostei dessa escalação também

  • paulo Ricardo Mendes

    Para falar a verdade, acho que o São Paulo não fez mais que a obrigação. o time do ceara errou muitos lances de finalização, e acabou pagando por isso quando achamos 2 gols. depois foi só administrar nos contra-ataques. Más, o jogo chave é quarta, contra a CORNAIADA, o time da CBF, que sempre que demonstra fragilidade ganha uma maozinha da arbitragem, que toda hora expulsa um jogador adversario para beneficiar o BANDO-DE-BOI. vamos torcer para que os juizes de futebol sejam mais imparciais, não só para o São Paulo, más para todos os 20 clubes. porque, já ta ficando previsivel de mais o campeonato brasileiro.

MaisRecentes

‘Hudson é um bad boy elegante’



Continue Lendo

Quando se faz jus ao termo trabalho



Continue Lendo

São Paulo e as expulsões a base de anti-inflamatório



Continue Lendo