Messi tem retrospecto negativo contra o Brasil - Toco y me voy

Messi tem retrospecto negativo contra o Brasil



Messi disputou a final da Copa América em 2007

Na noite desta terça-feira, às 21h30, Brasil e Argentina se encontrarão no Mineirão por uma vaga na final da Copa América 2019. Além de vencer o maior clássico entre seleções, os torcedores argentinos depositam toda sua confiança no talento indiscutível de Lionel Messi. Aos 32 anos, o craque sonha em levantar uma taça para o seu país.

Este será o décimo duelo de Messi contra a Seleção Brasileira, tendo como retrospecto três vitórias, um empate e cinco derrotas. Em nove partidas, a Pulga soma quatro gols contra a verde e amarela. Levando apenas os confrontos oficiais, as cifras são ainda mais negativas: três derrotas e um empate.

Em setembro de 2006, com apenas onze partidas disputadas pela Argentina, Messi jogou pela primeira vez contra o Brasil. Ambas equipes haviam sido eliminadas nas quartas de final do Mundial da Alemanha e choque terminou com uma goleada do time de Dunga por 3 a 0. O astro do Barcelona fez dupla de ataque com Carlos Tevez e os gols foram marcados por Elano (2) e Kaka.

Comandada por Alfio Basile, a albiceleste chegou à final da Copa América da Venezuela, em 2007, como candidatada ao título. O placar foi o mesmo: 3 a 0 para o Brasil com direito a gol contra. Julio Baptista abriu o placar aos quatro minutos, Roberto Ayala após um erro ampliou para a canarinho, e um jovem Daniel Alves surgiu para selar o resultado.

Já em 2012, sob comando de Alejandro Sabella, Messi desencantou e balançou as redes do Brasil. Este foi o melhor partido do “ET” contra a Seleção e com a camisa da Argentina. O capitão marcou três gols na vitória por 4 a 3 em Nova Jersey. O quarto gol do histórico de Messi foi anotado em 2010, na vitória por 1 a 0 num amistoso disputado no Qatar.

No último encontro entre as seleções, também no Mineirão, o Brasil goleou a Argentina de Messi por 3 a 0. O duelo aconteceu em 2016, pelas eliminatórias da Copa do Mundo da Rússia. Foi o primeiro jogo da Seleção após o 7 a 1 no estádio, nas semifinais do Mundial de 2014. A equipe comandada por Tite venceu por gols de Coutinho, Neymar e Paulinho.

 

 



MaisRecentes

Os gritos de gol foram inesquecíveis segundos de liberdade



Continue Lendo

No futebol moderno, os detalhes ganham partidas



Continue Lendo

‘Superclásico’: conheça o histórico de Boca x River na Libertadores



Continue Lendo
%d blogueiros gostam disto: