Jogo bom. No Brasil



Teve a final da Taça Guanabara outro dia, um 3 a 3 eletrizante. E neste fim de semana aconteceu clássico entre Santos e Palmeiras. São dois exemplos do que se vem falando há tempos: os clássicos dos estaduais, atualmente, são muito maiores do que os próprios campeonatos. São por causa deles que estes torneios ainda despertam algum interesse.

E esta percepção ficou clara de novo no excelente duelo de domingo na Vila Belmiro. O Palmeiras foi o vencedor, mas não seria surpresa se o Santos vencesse ou se houvesse um empate com muitos gols.

É interessante quando se assiste a uma partida e a proposta de jogo de cada time está bem clara. O Peixe foi fiel à sua característica e manteve a posse de bola. Sempre tentou sair jogando de dentro da sua área, tentou construir seus ataques. O Palmeiras apostou no jogo reativo: deixou o adversário ter o domínio das ações para contra-atacar em estocadas perigosíssimas. Eduardo Baptista parece ter encontrado até aqui uma forma de atuar contra adversários que tentam agredir.

E que bom que este ótimo jogo aconteceu horas depois de outro jogaço na Premier League entre o Manchester City de Guardiola e o Liverpool de Jurgen Klopp. Também as propostas estavam claras na mesa: o City com a posse de bola, o Liverpool jogando nos contra-ataques.

As lições depois de Santos x Palmeiras são muitas: a primeira é a de que existem várias formas e se vencer uma partida. A segunda é a de que nem sempre um time que perde jogou mal. O Santos fez uma boa partida, mas seu rival foi melhor. Outro ensinamento: temos também no Brasil jogos bem jogados. Dentro de campo o clássico da Vila não deveu em nada ao badalado City x Liverpool. O ponto negativo foi o público muito baixo para um evento tão interessante.

Felipe Melo

O jogo teve muitos pontos a serem analisados. Mas muita gente preferiu dar destaque à declaração de Felipe Melo ao final, fazendo uma provocação ao Santos que levou pouca torcida à Vila. Tirando a falta de público em si, o que o bom jogador palmeirense falou é só uma provocação, que deveria estar abaixo de tudo o que aconteceu de interessante na partida.



  • Rafael

    Uma pena que um jogo com tanta qualidade (que já era de se esperar pelo histórico recente das equipes) foi visto ao vivo somente pelo baixo publico da Vila Belmiro e por assinantes do pay per view.

MaisRecentes

E se der tudo errado?



Continue Lendo

Muita calma com Rueda



Continue Lendo

Muitos jogadores, nenhuma ideia



Continue Lendo