Pelé e Beatles “nasceram” no mesmo fim de semana



No dia 6 de Julho de 1957 John Lennon e Paul McCartney se conheceram durante uma festa em uma igreja no subúrbio de Liverpool. Foi o “nascimento” dos Beatles, a banda mais importante da história do rock.

Exatamente um dia depois, em 7 de julho de 1957, Pelé estreou pela Seleção Brasileira, no Maracanã, em derrota contra a Argentina por 2 a 1 (gol dele). Foi o “nascimento” do Rei do futebol para o mundo.

Deve haver alguma explicação ainda desconhecida pela humanidade para que no espaço entre dois dias tenham surgido dois ícones celestiais. Fato é que desde meados dos anos 50 até hoje a história do entretenimento mundial não pode ser contada sem citação a Pelé e Beatles.

Em campo, Pelé foi tão espetacular que virou sinônimo de excelência em qualquer área de atuação. Michael Jordan é o “Pelé” do basquete, Schumacher é o “Pelé” da Fórmula 1, Einstein foi o Pelé da Física. Os Beatles foram o “Pelé” da música pop. Quantas vezes já se ouviu a frase: “Como Pelé (ou os Beatles) nunca vai ter igual.”

Se um jogador faz um golaço, ele fez um “gol de Pelé”. Se Fulano faz uma grande jogada, mas erra na conclusão dizemos que “fez jogada de Pelé, mas concluiu como Fulano”. Se um sujeito acerta um gol do meio-de-campo, foi o “gol que Pelé não fez” (em alusão ao lance em que o camisa 10 da Seleção chuta do meio-de-campo contra o gol da Tchecoslováquia na Copa de 70, mas a bola passa raspando a trave de Viktor).

Uma bactéria invadiu o corpo de Pelé e o levou ao hospital duas semanas depois de outra internação. Deixou todo mundo em estado de alerta e trouxe à tona esta questão de como em um único fim de semana nasceram dois ícones mundiais e de como o Rei do Futebol está presente em nosso cotidiano sem que a gente perceba. Como uma música dos Beatles, que toca no rádio e, quando a gente se dá conta, está cantando.



MaisRecentes

O clássico esvaziado e o golpe da CBF



Continue Lendo

Mimimi ou verdadeiro?



Continue Lendo

Acharam um novo culpado: a religião



Continue Lendo