O cartão amarelo maroto de Valdivia



O que será contado abaixo poderia acontecer com qualquer clube no Brasil, em qualquer divisão. Por acaso, no sábado foi a vez de acontecer com o Palmeiras, no Brasil, na Série B do Campeonato Brasileiro. Aos 31 minutos do segundo tempo, Valdivia foi substituído. Mas não bastava o bom jogo que ele tinha feito até então para ajudar o clube. Ele precisa ainda executar mais uma tarefa, não exatamente esportiva, mas de esperteza: o meia chileno precisava levar um cartão amarelo. Parece estranho, mas é isso mesmo. Ele precisava levar o cartão, para ser suspenso e desfalcar o time na próxima rodada. Isso porque ele não poderá jogar pelo clube na próxima partida porque defenderá a Seleção do seu país em um amistoso contra o Iraque em Copenhaguem, Dinamarca, dia 14 de agosto. O raciocínio é simples: como ele já iria desfalcar o Palmeiras, o melhor é ser suspenso para “limpar”seus cartões.

A cena foi assim: substituído, Valdivia demorou para sair de campo até que o árbitro Antônio de Carvalho Schneider aplicou o cartão. A torcida aplaudiu como se fosse uma grande jogada de habilidade. Gilson Kleina sorriu no banco, satisfeito.

No fim do jogo, Valdivia deu entrevista explicando como foi que levou o cartão. “Se eu demorar para sair você vai me dar cartão?”, perguntou ao árbitro, que respondeu: “Vou”. Estava feito o arranjo.

Não há outra forma de interpretar o que aconteceu: transformou-se uma punição em um benefício. O óbvio neste e em qualquer outro caso semelhante seria aplicar a suspensão apenas em uma partida em que o jogador pudesse de fato atuar.

O futebol é um esporte feito de pequenas artimanhas que aturamos em graus diferentes. Cartões levados de propósito são dignos de aplausos e entrevistas divertidas na saída de campo. Simulação de faltas têm direito a dedo na cara de quem tentou trapacear e indignação geral. Analisadas com rigor, as duas coisas são atitudes malandras. A do cartão é considerada esperteza, a simulação de faltas é considerada safadeza.



  • SÉRGIO

    Parodiando o Romário, o Emerson Sheik com a boca fechada é uma latrina imunda!

  • Luiz

    CBF, Globo, STJD, Fifa e Corinthians… Quantas armações!!! Pênalti forjado contra Portuguesa por um lunático árbitro argentino. Armações contra a Ponte Preta em 77. Mundial da Fifa 2000 (kkk), Brasileirão de 2005 (kkkk)… Alguém já procurou comparar as estatísticas sobre pênaltis envolvendo jogos do Corinthians? Quem comparar vai se espantar com os números dos pênaltis marcados prós e contras nesses jogos e a diferença enorme para menos nos jogos que não interessam ao quinteto das armações…

  • Vicente Leite

    Tironi uma coisa é uma coisa outra coisa é outra coisa, não confunda alhos com bugalhos, quem marca uma rodada do brasileiro série A ou B para uma data FIFA é a CBF se isto não acontecesse não teria esta discussão. Ludibria e enganar são o antijogo e este deve ser combatido sempre, o jogo deve ser disputado com lealdade dentro de campo.

  • Samanta

    Hipocrisia eu enxergo nos comentaristas da outra TV que ao vivo, entregaram o Valdivia ao STJD como se fosse ele o primeiro e único jogador a fazer isso: forçar um terceiro cartão.E o mesmo jornalista”DEDO-DURO” nunca se arvorou de Paladino da Justiça para entregar os jogadores do seu time do coração: o SCCP.Pensando bem, exemplo de correção deve ser o Emerson Sheik- e nem vou comentar FORA das 4 linhas- mordendo o dedo de um adversário…isso é que É ÉTICA!!!!

  • Carlos

    Com esse nome só podia não gostar do Palmeiras e do Valdívia!
    Fora Tirone!

  • Luiz Donizete Ferrarezi

    É engraçado como a coisa acontece no meio da cronica esportiva, quando o Valdívia levou aquela entrada do Paulo Miranda e o arbitro não deu pênalti e ele machucou, contra o Figueirense o volante Nen vai de encontro com ele deixando-lhe o braço na cara e contra o Guara ele é puxado pela camisa recebe o pênalti o arbitro não da nada e ainda lhe da cartão amarelo ninguém da impressa esportiva perde tempo em fazer COMENTÁRIOS EM BLOG mas neste caso até o Emerson que compra carro de forma irregular mete o bedelho.

  • Fabrício

    Esse seu texto pode ser resumumido em 1 palavra: Hipocrisia.
    Então quer dizer que, levando em consideração seu raciocínio, quem simula um penalti deve ser punido. Um goleiro que cai pedindo atendimento sem ter nenhuma lesão deve ser punido. O atleta que retarda a cobrança de um lateral quando o time está vencendo, deve ser punido. Podiamos estender essa sua idéia aos juizes, que tal? Suspender aquele que invalida um gol legitimo, que não da um penalti descarado, que expulsa sem razão. Pronto, agora temos um futebol sem jogadores e sem juizes…porque afinal, TODOS fazem, mas poucos tem coragem de falar. O futebol será melhor no dia que não houver clubismo nos bastidores…e nas colunas esportivas.

  • Marco
  • Thiago Mariottoni

    Engraçado que as inovaçoes sempre sao feitas contra o Palmeiras.
    – Gol do Barcos é anulado na única vez que recurso eltrônico foi usado no futebol.
    – Em 84, o Palmeiras liderava o campeonato quando Mario Sergio foi pego no anti-doping. Até aí nada de anormal, se esse nao fosse O ÚNICO caso em que um clube perdeu pontos por isso…e claro perdeu o campeonato.
    – O repórter Sereto anulou gol do Edmundo em Mogi Mirim…estava la e ninguem venha me dizer que nao foi assim, porque eu vi.
    Agora essa historinha de punir o Valdívia?????? porque ninguém fez esse “aue” quando o Paulinho fez o mesmo????? Quantas outras centenas de vezes vimos isso acontecer sem a imprensa levantar polêmica?????

  • Mauricio

    Hipócrita.
    Todos os jogadores de todos os clubes utilizam a regra a seu favor. O que você faria no lugar dele??????
    O maior erro do Valdívia foi ser sincero, quando todos nós sabemos que a imprensa é parcial e que as críticas viriam, principalmente dos jornalistas sem expressão que buscam oportunidades para aparecer…

  • Leandro

    Tinha que ter um nome medíocre desse mesmo, estou curioso pra saber sua opinião quando o Paulinho forçou o amarelo e o Tite expôs para todos que foi proposital, que ele pediu pro jogador criar a situação? Ronaldinho Gaúcho, Réver e vários outros que já utilizaram dessa regra esdruxula e aposto que você nunca comentou sobre os fatos…

  • Rafael

    Ou eu li outra matéria ou interpretação de texto tá faltando para todos. Antes de começar a matéria tá escrito : ´´O que será contado abaixo poderia acontecer com qualquer clube no Brasil, em qualquer divisão.“ E ele fecha a matéria claramente com uma pergunta sobre safadeza e esperteza.. Tá dificil de entender!!!!!

  • Wagner

    Entrevista do Tite após uma partida antes da apresentação do Paulinho para uma convocação da seleção brasileira “Eu não sou hipócrita, pedi sim para o Paulinho forçar o terceiro cartão amarelo”, onde estava o procurador Shimidti neste dia, não houve denuncia ao Paulinho nem ao Tite, o Sheik se levantou para mostrar a falta de profissionalismo do paulinho e do tite, ué, cadê as vozes discordantes a esta malandragem,o tirone fez uma matéria a respeito?, cadê mas se pe com o Valdivia ou com o Palmeiras estamos aí no tribunal novamente, esta na hora da torcida fazer pressão no presidente da fpf que dizem tem grande influencia na cbf mas até só o vi defendendo interesses do corinthians e do são paulo.

  • Pelo teor da maioria dos comentários está decretado: Viva a safadeza e o me engana que eu gosto. Só não vale sair as ruas e nem entupir caixa postal e redes sociais com correntes de revoltados com o estado de coisas enquanto que defende o interesse do seu “umbigo”..
    Isto mostra bem a cara de muitos. Para o meu vale o dos outros é juiz comprado, dedo da Globo, cronista e jornalista vendido ou parcial e etc…
    Em outros, o argumento é pior ainda, só vale falar se publicar o mesmo quando o outro faz ou resumindo; se outros fazem, vale para o meu também.
    Depois querem futebol espetáculo e levantar o dedo acusador para os outros. Quanta incoerência!

  • Bruno

    Que comentário “isento” hein amigo! “parabéns”!

  • Giuseppe Bonella

    Parmeristas nosso Verdão perturba muita gente e podem ter certeza que irá causar muitos pesadelos em muitos, mas muitos pseudos-estagiários jornalistas….O Verdão causa e provoca isso e muito mais, isso é Palmeiras e não tem igual.

  • Bruno Gama

    Eu te pergunto Tironi, você escreveu uma coluna quando o Paulinho fez o mesmo em AGOSTO DE 2012? Se sim nos mostre… Se não parecerá que para você, o que importa não é o ato, mas sim o autor do ato…

  • Edson

    É impressionante como boa parte da imprensa desportiva é hipócrita. Agora os caras estão tentando “dimensionar” esperteza e/ou malandragem no futebol. Cara o Valdívia só usou o regulamento em beneficio próprio ou do time. Várias vezes vimos jogadores cavarem faltas na entrada da área na tentativa de simular pênalti, jogador dar dedada no outro pra forçar expulsão de adversário , o time entrar em campo com o time reserva dentre outros exemplos. Cara isso é futebol brasileiro onde a malandragem impera. Isso não vai parar.

  • Marco

    Houve polêmicas e textos como esse quando o ex-árbitro Gutemberg Fonseca fez denuncias sobre as arbitragens brasileiras?
    A imprensa se preocupou em explorar o caso com o objetivo de esclarecer o quê, o então árbitro, denunciou em entrevistas para emissoras de rádio e jornais?
    Não teria sido um excelente oportunidade para a imprensa e para o público entenderem o que de fato se passa no futebol nacional?
    Quando o treinador Tite declarou que orientou seu jogador Paulinho para forçar o terceiro cartão amarelo, houve alguma discussão?
    Quando tantos outros jogadores fizeram o mesmo, houve essa indignação?
    Se existe falta de ética, malandragem, tentativa de trapacear, isso está ocorrendo com parte da imprensa que fecha os olhos para seus times favoritos e adota a hipocrisia para seus desafetos.

  • Carlos

    Tremenda hipocrisia,isso só vale para o palmeiras??????

  • Jerson

    Tironi, faz o seguinte, recorta e cola os links das matérias que você escreveu sempre que um jogador usou dessa artimanha para ficar suspenso em um jogo. Vou aguardar.
    Se não houver, isso se chama incoerência e jornalismo incoerente é duro de engolir.

  • Ramon Perez

    Os jornalistas esportivos devem se preocupar com o jogador de Gana que quebrou o Ballack antes da Copa(Gana estava no mesmo grupo da Alemanha), e impediu que ele atuasse pela Alemanha. E não com o terceiro cartão do Valdívia, que bem como o Paulinho do Corinthians fez a mesma coisa e ninguém falou nada.

  • André Licati

    É impressionante como a imprensa é clubista. Parece que é a primeira vez na história que alguém faz isso. Todo jogo isso acontece, é natural, é de jogo. Se o Pato, o R.Augusto ou qualquer outro do curintia faz isso, aí é normal, é válido.

    Jornalista pode torcer, quando estiver em casa tomando cerveja. Na hora de comentar tenha um pouco de imparcialidade.

  • D.Pedrol

    TIRONI !!!! Vc tá de brincadeira ou não tem mais importante pra comentar !!! Vc tá começando agora no jornalismo !!! Nossa, nunca viu isso antes !!! Vai comentar briga de galo rapaz !!! Isso sempre existiu, a dona do futebol brasileiro (GLOBO) gosta é de fazer polêmica por causa de audiência e tem gente que entra de gaiato nisto !!! Sou fã da ESPN Brasil, sempre assisto, mais tem cada um !!!

  • Ryan

    Mesmo peso, duas medidas.

    CBF, STJD, Jornalistas hipócritas, tudo farinha do mesmo saco.

    http://www.gazetaesportiva.net/noticia/2012/08/corinthians/tite-revela-orientacao-pedi-para-o-paulinho-tomar-cartao-amarelo.html

  • REALMENTE O VALDIVIA DEVERIA SER BANIDO DO FUTEBOL……SÓ UMA PERGUNTA;QUANTOS JOGOS O FRED PEGOU DE SUSPENSÃO POR AGREDIR O JOGADOR DO VASCO ???? QUANTOS ELE JÁ CUMPRIU???? FUTEBOL BRASILEIRO É O MAIS SUJO DO MUNDO

  • OLHA,EU DETESTO O VALDIAVIA,MAS NESTA ELE ACERTOU.MANDA OS HIPOCRITAS,A CBF,A GLOBO PRO CARALHO,DALE CHILENO!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!E VAMOS PARAR DE MARICONADAS!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!E OLHA QUE SOU CORITHIANO.
    MARIO CARRANZA

  • J DONIZETE

    Isso existe desde que o mundo é mundo. Não consigo entender como os jornalistas esportivos têm tratado esse caso especificamente. Quase todos os jogos em quase todas as divisões dos campeonatos brasileiros, isso acontece toda semana. Menos meu caro jornalista.

  • Bruno MD

    Perdeu uma grande chance de ficar calado… O Valdivia so usou o regulamento pra fazer o que fez e mesmo assim nao prejudicou ninguem ja que o juiz poderia dar mais tempo de acrescimo.

  • Castilho

    Nossa como o futebol ta ficando chato… deixa o Valdivia ser malandro e para com essa frescura.. A graça do futebol ta na malandragem … olha q nem sou palmerense … mas me diverti com a torcida comemorando o cartão amarelo … rs

  • Márcio

    Na época em que havia mata-mata no Campeonato Brasileiro (isto ainda acontece nos estaduais), quando um time se classificava antecipadamente, era comum que os jogadores pendurados forçassem cartão na penúltima rodada da primeira fase, para cumprirem suspensão na última rodada e entrarem zerados na fase decisiva. Quem apoia esta atitude não pode criticar o Valdivia, por querer cumprir suspensão na data-FIFA, quando ele estará servindo a seleção chilena. Quem está totalmente errado nesta história é a CBF, que insiste em marcar rodadas em datas-FIFA.

  • Anderson

    Não me surpreende a hipocrisia das pessoas. Se fosse o Neymar ou qualquer outro jogador de qualquer outro clube que tivesse forçado um cartão pra jogar a final de algum campeonato ou pelo mesmo motivo visto, todos estariam o elogiando, dizendo que era um jogador inteligente e piriri e pororo. Agora como trata-se de Valdivia e Palmeiras a coisa muda de figura.
    Isto acontece o tempo todo, o cara vai ser punido por não ser falso e falar a verdade.
    A CBF deve ser punida por marcar jogos em datas FIFA.
    A Globo deve ser punida por marcar jogos as 22:00hs com o “sim senhora” da CBF.
    Etc…. etc…etc..

  • RAFAEL OTAVIO SERRA

    QUANTA HIPOCRISIA , O VALDIVIA NÃO FOI , NEM SERA O ULTIMO A TER TAL COMPORTAMENTO , O PROBLEMA , FOI A SRA. GLOBO NA ENTREVISTA DO JOGADOR ALGUNS DIAS ANTES , TER PROVOCADO O CHILENO COM A QUESTÃO DO CARTÃO E DEPOIS CRIAR A POLEMICA COM INTUITO DE PREJUDICAR O CLUBE E O JOGAdOR , COISA CORRIQUEIRA DESTA EMISSORA DE MAFIOSOS E ESPECIALISTA EM CARTEIS , ISTO É BRASIL , E O PAULINHO DO TIME DA MARGINAL , QUANDO DA CONVOCAÇÃO PARA SELEÇÃO BRASILEIRA , ALGUEM FEZ ALGUM COMENTARIO , VÃO TODOS SE DANAR , INCLUSIVE O DENILSON DA BAND CRITICANDO O VALDIVIA , ESTE MEDIOCRE ESTAVA AFASTADO DOS CLUBES , FOI BARRADO NO SÃO PAULO , FOI ACOLHIDO NO PALMEIRAS E COMO PAGAMENTO FAZ ESTE TIPO DE COMENTARIO , MAL CARATER

  • Rodrygo

    Não lembro de comentário parecido seu quando foi o Paulinho que forçou o 3 amarelo antes de “desfalcar” seu time para servir a seleção, e o o Tite disse que pediu para o jogador fazer essa ação. São 2 pesos e duas medidas? ou o cartão do Valdivia foi mais desonesto?

  • luiz claudio

    Deixe de hipocrisia!

  • Gustavo

    Eu discordo. Minha visão é diferente, porque, independentemente de onde o Valdívia estará, ele não estará jogando a partida ao qual foi suspenso. Em outros países (não todos), quando há amistosos de seleção, as rodadas de seus campeonatos não ocorrem, se isso ocorresse aqui, não passaríamos por esse tipo de “problema”, mas aí já entramos em outra discussão também. O que quero mesmo dizer é que Valdívia não estará na partida em que foi suspenso, o árbitro lhe deu o amarelo, podia ter escolhido não dar e ter procurado outra forma de punição, mas como foi dado a punição ao jogador pelo amarelo, sua punição já foi atribuída. Enfim, acho que foi um pouco confuso, mas minha opinião. Valeu.

MaisRecentes

Segue a tempestade no São Paulo



Continue Lendo

Lições do Brasileirão



Continue Lendo

O Imortal Grêmio ressuscitou o jogo bonito no Brasil



Continue Lendo