Palmeiras finge ser o que não é



Até antes de a bola rolar, quase 100% dos torcedores, analistas, etc… diziam que a vantagem do Palmeiras era muito boa, mas o Coritiba tinha chances. Não era só ficar em cima do muro com medo de errar um palpite, mas era o que o Coritiba mostrava ser. E era principalmente o que o Palmeiras de Felipão transmite: uma impressão de fragilidade muitas vezes falsa.

Este Palmeiras de Felipão tem problemas. Não tem um grande elenco, não tem nem sequer um craque. Marcos Assunção? Vá lá. É um jogadoraço, sem dúvida. Mas não é craque.

O Palmeiras de Felipão corre riscos. Controlados. O perigo a toda hora ronda a área defensiva verde, os zagueiros rebatem bolas. Mas pense bem: em toda a Copa do Brasil, em que momento o Palmeiras sofreu uma pressão verdadeira e sufocante? Com esforço, dá para dizer que o time foi dominado pelo Coritiba em São Paulo semana passada em uma parte do primeiro tempo. Só. Nesta quarta-feira em Curitiba, nem de longe.

Sim, de novo os zagueiros rebateram bolas, o Coxa teve uma chance clara no primeiro tempo… Mas o jogo foi caminhando e risco real de perder o título o Verdão sentiu durante quatro minutos, entre o gol de Ayrton e o gol de Betinho. Com o empate, o jogo acabou. Bastava o Palmeiras de Felipão colocar em prática uma de suas maiores virtudes: fazer o tempo correr.

Este Palmeiras tem uma característica típica do Felipão: a dissimulação. O time se mostra como se pudesse perder a qualquer momento, mas em algumas circunstâncias é difícil demais de ser batido. Como no mata-mata da Copa do Brasil.

Pergunte aos torcedores e jogadores do Coritiba por qual motivo eles perderam o título. Vão falar em arbitragem, em falta de pontaria, em sorte… todos argumentos que não se sustentam totalmente. Entende como este Palmeiras finge ser o que não é? Mas uma coisa ele não consegue esconder: o fato de ser copeiro e dono da Copa do Brasil 2012.



MaisRecentes

Bem-vindo à Seleção, Tite!



Continue Lendo

Evolução



Continue Lendo

Vai começar uma nova Copa



Continue Lendo