Enfim, vimos o R10 real



A globalização foi parceira de Ronaldinho Gaúcho durante um bom tempo. Graças a ela, passamos os últimos anos assistindo a vídeos de suas jogadas e gols pelo Milan, acreditando que aquilo era tudo e não penas uma parte (bem pequena) do que ele fez em sua passagem por Milão.

Agora que ele passou a viver no Brasil, a história mudou: a confiança que o torcedor tinha por ter passado anos acompanhando o astro de onge, virou desconfiança e descrença.

Depois de espetacular passagem pelo Barcelona, há longos seis anos, o futebol de Ronaldinho Gaúcho só despencou. No Milan, ele teve algum brilhareco, representado por alguns bons jogos e lances, exaustivamente reprisados pelas TVs.

Se há 20 anos assistir a um jogo internacional era tarefa quase impossível, hoje podemos ver quase tudo. E no caso de R10, vimos muito mais o que ele fez de bom do que o que deixou de fazer. Golaços e grandes jogadas apareceram aos montes.

Seus jogos ruins, suas baladas noturnas, seu desinteresse pelo futebol… Esses vimos em noticiários aqui e ali. Mas a edição dos bons momentos sempre foi muito mais generosa com o jogador. Como não poderia deixar de ser, afinal, nós gostamos de futebol. É mais interessante ver uma jogadaça de R10 do que seu batuque com o grupo Revelação na madrugada.

Acontece que Ronaldinho Gaúcho voltou ao Brasil. E trouxe não só seu talento para jogar futebol, mas tudo mais o que a gente não enxergava direito enquanto ele estava lá fora:  baladas, escapadas durante a concentração e jogos ruins.

A globalização, acelerada pela internet, diminuiu distâncias no mundo e aumentou exponencialmente a quantidade de informações disponível. Mas a informação que chega dos lugares mais longínquos ainda não é tão precisa quanto a que você atesta pessoalmente.

E é esta forma mais primitiva de se obter informação que vem minando a confiança da torcida brasileira sobre R10.

Comemoramos quando Ronaldinho voltou ao Brasil, confiando no craque que a gente via lá fora. Mas aquela era só uma parte do todo.



MaisRecentes

Camisas 9 são os nomes da Copa



Continue Lendo

Seleção enfrenta seu primeiro tremor



Continue Lendo

Segue o líder



Continue Lendo