Três brigam pelo título. Cinco pela Liberta.



Abaixo, análise dos oito times que acredito que ainda brigam pelo título/Libertadores no Brasileiro.

Corinthians – Momento do campeonato em que não importa jogar bem, mas ganhar. Foi o que o Timão fez diante do Avaí,de forma sofridíssima. Retoma a liderança, joga a pressão para o Vasco que tem adversários muito mais complicados pela frente. Se já era favorito antes da rodada, agora, com a primeira colocação nas mãos, fica um pouco mais com a mão na taça.

Vasco – Não importa o adversário para o Vasco: em casa é obrigação vencer. O fator campo, para quem tem uma tabela tão ingrata, é fundamental. O empate contra o São Paulo faz com que o Vasco passe a jogar mais no limite ainda. E contra rivais perigosos nas próximas rodadas. Vai ter que mostrar muita competência para recuperar a liderança. Tarefa dificílima. A sensacional campanha cruz-maltina no ano é o que mantém a esperança.

Botafogo – Começou a rodada pensando em Libertadores e terminou sonhando de novo com o título. A distância da liderança que era de cinco pontos caiu para três. Tem jogos complicados nas próximas rodadas, sobretudo na próxima, contra o Figueirense no Engenhao. O fator casa, que o Fogo soube aproveitar bem no Brasileiro, sera fundamental.

Fluminense – Reafirmou sua briga pela Libertadores com a vitória fora de casa contra o Ceará. De quebra, passou o rival Flamengo. Tem jogo de seis pontos contra o Internacional no Beira-Rio na próxima rodada. Um empate não é para se desprezar. Como nos últimos tempos ficou difícil duvidar do que o Flu é capaz, dá para crer na vaga.

Flamengo – Perder no Olímpico lotado para o Grêmio é normal. Anormal é levar virada e goleada após estar vencendo por 2 a 0. O problema do Fla após a derrota é botar a cabeça de volta no lugar com o time no limite do G5 e pressionado por quem vem subindo. Mas olhando a tabela futura, o bicho não parece tão feio assim.

Internacional – Após empate contra o Corinthians deu adeus ao título, mas parece vivíssimo na briga pela Liberta. A vitória fora de casa contra o Atlético Goianiense fez o time encostar no G5 e passar o São Paulo. Tem jogo decisivo contra o Flu na próxima rodada. Vai ter de arriscar, só a vitória interessa. Mas o viés é de subida na reta final.

São Paulo – A rodada só nao foi totalmente desastrosa porque o Fla
perdeu e porque o time arrancou empate dificílimo do então líder Vasco. Mas todos os outros rivais venceram e a distância para o G5 aumentou em dois pontos. A tabela futura ajuda a ainda sonhar, são três adversários seguidos que estão na parte de baixo. E o time com três zagueiros contra o Vasco melhorou o desempenho defensivo.

Figueirense – Como o cavalo azarão, vem atropelando por fora e ganhando posições. Já é possível mudar o discurso de que a briga é para se manter na primeira divisão para o de que está brigando pela vaga na Libertadores. O jogo contra o Botafogo no Engenhao na próxima rodada é chave. Para entrar ou sair de vez da briga.



MaisRecentes

Existem ‘mentiras’ convenientes, Carille



Continue Lendo

Na forma da convocação, Inglaterra deu show. O Brasil segue careta.



Continue Lendo

A “injustiça” com Buffon



Continue Lendo