Nenê não deve ser descartado da Seleção de basquete



Mano Menezes explicou a ausência de Marcelo na Seleção: o jogador havia mandado um email por engano ao próprio técnico brasileiro dizendo que havia conseguido se livrar de um chamado. Em resumo: foi punido pela falta de comprometimento e descaso com a camisa amarela.

Só que a situação começou a ficar complicada. O futebol do time de Mano não evoluía. Veio a Copa América: um pênalti chutado na Lua contra o Paraguai. Dias depois, uma bobeada na zaga e gol da Alemanha. E estes foram os dois últimos lances marcantes que sepultaram a passagem de André Santos pela Seleção.

A pressão pela volta de Marcelo ao time, que já existia, só aumentou. O lateral do Real Madrid voltou contra Gana.

Nenê recusou seguidas convocações para a Seleção Brasileira de Basquete. Sem a sua presença, o time está classificado para os Jogos Olímpicos de Londres.

Qual a diferença entre o caso de Marcelo no futebol e de Nenê no basquete? Se o julgamento for pelo ponto de vista patriótico, nenhuma. Os dois se recusaram a servir o país.

Mas no julgamento sumário do torcedor apaixonado, Nenê já está condenado por deserção. Já Marcelo voltou ao time de Mano e a torcida respirou aliviada por não ter que aturar mais André Santos.

Por mais paradoxal que seja, julgar esta questão pelo lado patriótico é o pior para o país. Porque tecnicamente Nenê pode fazer falta à Seleção de basquete. Não há um jogador no elenco com suas características.

Antes de descartar o pivozão da NBA, comissão técnica e jogadores devem avaliar se a volta dele seria benéfica. E depois perguntar ao jogador se ele quer ser convocado. O que não pode é abrir mão em nome do “grupo fechado que roeu o osso”.

Aliás, Dunga foi massacrado exatamente por defender este conceito de grupo fechado e descartar Neymar e Ganso, não foi?

No calor da classificação para Londres, fica fácil descartar Nenê. Na fria em que se encontra a Seleção de futebol, não se abre mão de Marcelo. O julgamentos da torcida e parte da mídia não têm o mesmo peso para um e outro caso.



MaisRecentes

Bem-vindo à Seleção, Tite!



Continue Lendo

Evolução



Continue Lendo

Vai começar uma nova Copa



Continue Lendo