A copa na cidade do apagão



Estava em casa, esperando a chegada de visitas de outra cidade no sábado quando acabou a luz.  Um problema numa subestação provocou o estrago que, em alguns pontos da cidade não passou de uma pequena queda de energia. Em outros, ela insistia em não voltar.
Depois de uma hora a luz chegou e as visitas logo em seguida. Contaram a saga que viveram no aeroporto com tudo apagado. Os banheiros estavam interditados, funcionários não deixavam ninguém entrar. Ou se usava o banheiro na marra ou sei lá.
Passada a irritação, vamos aproveitar o dia de sol na cidade. Uma das vantagens de morar onde moro e que adoro falar é que dá para fazer tudo sem carro.
Vamos ao metrô. E ele está fechado, ainda reflexo do apagão.
Não nos deixamos abater e aproveitamos bem o dia. À noite, meus amigos foram ver Guga x Agassi no Maracanazinho.
Adoraram, mas lamentaram que não havia lugar marcado para os espectadores. Passaram parte do jogo sentados separadamente.
Na volta para casa, surpresa: a queda de energia provocou um problema na distribuição de água. Ou seja, racionamento. Com um calor de 30 graus.
Se estivéssemos em 2014 ou 2016, Eduardo Tironi fosse a cidade e meus amigos turistas chegando, o desastre já estava feito.  Menos mal que eram SÓ meus amigos. Mas 2014 está logo ali. É sempre bom lembrar.


  • lelia maria g.marizeiro

    para jose reinaldo dantas carvalho vc pensa que ainda esta escondido mas aonde vc for com essa sua doenca de botafoguense eu te acho..ate um dia

  • reinaldo de barros

    Previsao de nao ter mao de obra para grandes construções, quero ver isso. Alem de, o que fazer com os estadios depois de prontos, como vão pagar o financiamento e a manutenção destes, com poucos jogos. POr exemplo, o PULEIRAO DA FIEL, quem vai jogar lá dos times grandes de SP alem dos penáceos ? Pago pra ver esse mico.

  • jose reinaldo dantas carvalho

    Gostaria de lembrar aos dirigentes do fogão que a torcida está esperando eles começarem a se moverem para contratar e não deixar para ultima hora e ficar pegando só pereba; depois ficam pedindo para a tocida comparecer no estádio para dar renda; a torcida está cansada de ver bola ¨mucha¨; queremos jogadores que entre em campo e resolva e não jogadores omissos.

  • Roger

    Seria um pouco mais digno se dizer no país do apagão, assim não pareceria que é um evento isolado de uma cidade, mas sim um problema do país, mas o blogueiro como paulista não quer incluir a sua “bela” cidade né? Como já disseram a imprensa desse país, principalmente a esportiva não tem credibilidade alguma para criticar nada.

  • Rafael

    Acho errado reconhecerem a Taça Brasil como título Brasileiro mas a Taça de Prata ou Roberto Gomes Pedrosa eu acho correto. Isso porque a Taça Brasil era um torneio que reunia apenas alguns campeões estaduais e num sistema mata-mata bem curto(como a extinta copa dos campeões) sendo que o campeão carioca e paulista levavam muita vantagem pois já entravam direto na semifinal por disputarem um campeonato mais competitivo. A Taça de Prata é diferente pois reunia vários clubes do Brasil incluindo nisso os principais(grandes) sendo que existia uma 1ª fase e depois sim um mata-mata como era o campeonato brasileiro de 1971 a 2002. Acredito que até poderiam reconhecer a Taça Brasil como Copa do Brasil ou Copa dos Campeões, mas nunca como campeonato brasileiro. Bom, acho que o que estou falando faz algum sentido.

    Obs: além disso tudo, um campeonato para ser considerado campeonato brasileiro precisa ter pelo menos 2 divisões e com acesso e rebaixamento coisas que a Taça Brasil e a Taça de Prata ou Robetão não tinham.

  • Sergio

    Teremos também a Copa do Mundo na cidade do alagadão… São Paulo… A verdade é que tem “jornalista” que não consegue escrever nada que preste… Parece até que este tipo de problema é exclusividade do Rio ou do Brasil…

  • Fezão

    O Lance está precisando, melhorar URGENTEMENTE de colunistas hein!!
    Por Favor, a cada dia que leio esses blogs, menos vontade tenho de acessar o site!

    Olha Tironi, porque você e todos estes jornalistas pessimistas, CHATOS, q gostam que querer ir sempre contra tudo e contra todos, não segura a palavra um pouco meu amigo!
    O Brasil ja deu um passo sensional, sediando os 2 maiores eventos esportivos do mundo, em 2014 e 2016.
    Calma lá, estamos evoluindo! Não tem como se MELHORAR TUDO de uma vez só!
    Pense melhor, e veja as diferenças do Brasil de agora com o de 20 anos atrás!
    Querendo ou não, ainda somos um país em desenvolvimento, e não uma potência!
    Mas prefiro acreditar e tenho fé, que estamos no caminho para nos tornamos uma, e que para isso muitas mudanças ainda devem ocorrer!
    Acho q esse tipo de POst, é para gente que tá sem assunto, que não tem o que escrever, e dai mete um asssunto qualquer sem pensar, e gosta de ficar “AZEDANDO” a tudo e a todos!
    Não precisamos de gente aqui assim não!
    Se vc não gosta, SOME daqui!! Vá pra outro país!

  • Fogao

    Cara…

    Apagão existe em qualquer lugar do mundo…

    Já passei por um em Madri…

    Aqui existem tanto problemas quanto lá fora…

    Ou vc nao viu que explodiram um carro na suécia semana passada num puro ato terrorista???

    Pelo jeito, vc deve ser paulista né?

  • Maurilio

    Eu até gostaria de falar mal da CBF ou dos politicos, mas falar mal através de uma midia corrompida, que escolhe times e vestem bandeiras e são parciais.No Brasil tudo é “faxada”, tudo é esquema, nada presta ex…rsss olha a justiça deste pais, seriam eles que poderiam investigar as falcatruas dos possiveis esquemas da construção dos estadios..rssss
    ou os politicos investirem essa grana na saude, segurança publica rssss

    Mas o pior de todas é a democracia indo agua abaixo, os meios de comunicações totalmente envolvidos com times de futebol e não tem mais a liberdade de falar o que deveria.

    Um exemplo bem claro é a construção do estadio do corintias, olha como tudo foi armado desde a copa da Africa, e o São Paulo e Palmeiras ficaram a ver “navios”

    E qual midia teve a coragem de falar que o lula foi quem impôs esta condição por ser corintiano e principalmente querendo angariar votos em São Paulo.
    Mas a midia demosntrou seu lado, medo de falar contra um presidente popular, de um time popular e ainda artigos feitos por “jornalistas torcedores”.

    Assim se faz mais pagina da historia do Brasil, agora uma ditadura popular, onde falar a vdd contra pessoas populares ou clubes populares é contra a venda e perda de receita dos meios de comunicação.

    Iremos fazer estadios para “inglês ver”, enquanto isso setores precisando de dinheiro como a saúde, segurança, escolas,novos presidios, etc..

    Gostaria de o dinheiro fosse gasto para os brasileiros, e que os impostos fossem revertidos aos brasileiros.

    Acabaram de reformar o maracanã, o estadio de manaus, tudo com dinheiro publico e agora derrubam td, e fazem de novo, vergonha.

    Como se outras áreas não estivessem precisando de dinheiros para atender aos doentes terminais….

    Olha a campanha para o hospital do cancer de Barretos, tudo aquilo para arrecadar 10 milhões, só um estadio gasta-se em torno de 300 milhões…….

  • Felipe

    Bom mesmo é São Paulo!

  • Marcos

    Dane-se a FIFA e a opinião pública estrangeira se houver apagão, assaltos, obras inacabadas ou outro problema qualquer. Eles tem que conhecer a cidade como ela é, sem maquiagem, sem artifícios para enganar trouxa. Esses mesmos problemas ocorrem no Brasil inteiro, em outras cidades que também sediarão a Copa. Isso é Brasil. Em 2014 e 2016, os políticos e empresários serão os mesmos de hoje. As coisas não mudarão em 4 anos nem em 10. Agora mesmo querem aumentar os salários dos poderes executivo e legislativo em mais de 60%. E o judiciário quer o mesmo. É preciso muito mais tempo que isso, décadas ou quem sabe séculos, para mudar alguma coisa! E nem por isso os gringos deixarão de investir no Brasil, afinal o retorno do investimento é muito mais alto que na maior parte do resto do mundo. O importante é que haverá o aumento de ofertas de emprego em vários setores da economia durante esse período. Só isso já vale a Copa no Brasil.

  • Luiz

    Parem de criticar. Tanto a Copa do Mundo como as Olimpíadas serão realizadas no inverno. Logo, não há tantos problemas de apagão.

    No último verão europeu estive em Bruxelas e houve apagão de 12 horas. Engraçado você não comentou.
    O problema do formador de opinião é que somente faz críticas…

  • Eduardo, acho que para a Copa ainda temos tempo para corrigir questões de infra, mas receio pelo planejamento. O certo é que vivemos em uma cidade em que nós moradores somos encantados com a beleza e os turistas também. Mas não é só isso apenas !! A questão é que teremos competições internacionais e muita gente vindo a trabalho. Vamos torcer para esta estrutura acontecer de fato!!!!

MaisRecentes

E se der tudo errado?



Continue Lendo

Muita calma com Rueda



Continue Lendo

Muitos jogadores, nenhuma ideia



Continue Lendo