Até o último apito!



Antes de qualquer coisa: a última rodada do Brasileirão 2010 começou com sete torcidas diretamente envolvidas em alguma disputa. Cruzeiro, Corinthians, Fluminense disputavam o título; Vitória e Atlético Goianiense a permanência na Série A; Grêmio e Botafogo uma possível última vaga para a Libertadores.

Posto isso, vale destacar que os times que ninguém esperava que pudessem complicar, complicaram e muito os candidatos ao título. O Guarani no Engenhão fez partida que não havia feito neste Brasileiro (se tivesse, não teria caído).

E o Goiás chegou a sair na frente do Corinthians, que empatou em seguida.

Na Arena do Jacaré, o Palmeiras também endurecia para o Cruzeiro. Nem lembrava o apático time que havia perdido para o Fluminense semana passada em São Paulo.

Na parte de baixo da tabela, o Atlético Goianiense segurava o Vitória no Barradão e ia se garantindo na primeira divisão em 2011. O time baiano caía, no ano em que o rival Bahia subiu.

O único jogo com cara de final em que o destino das equipes parecia selado ao fim da primeira etapa era Grêmio x Botafogo. O Tricolor sobrava em campo e vencia por 2 a 0.

O intervalo da rodada dava a impressão de que o título iria para o primeiro time que fizesse um gol entre os postulantes.

Porque com tanta pressão pela vitória de todos eles, o anúncio de um gol adversário poderia colocar os nervos em frangalhos.

A torcida e o time do Fluminense, por exemplo, já davam claros sinais de nervosismo no primeiro tempo.

A segunda etapa da rodada começou com mais surpresa dos coadjuvantes. O Palmeiras abriu o placar contra o Cruzeiro.

O título ainda estava com o Fluminense, mas a má atuação já deixava muita gente acreditando que o Corinthians levaria o caneco.

Aos 16 minutos no Engenhão surgiu o pé salvador de Emerson. Gol do Flu. E na Arena do Jacaré o Cruzeiro virou.

Os últimos minutos que valiam o fim de um jejum de 25 anos em Brasileiros foram dramáticos para o torcedor do Fluminense.

Até Simon dar a última apitada da carreira, decretando o fim do jogo.

E tem gente que acha que isso não é emoção.



MaisRecentes

Bem-vindo à Seleção, Tite!



Continue Lendo

Evolução



Continue Lendo

Vai começar uma nova Copa



Continue Lendo