Fica, Carlos Alberto!



Com Carlos Alberto inspirado e chamando o jogo no primeiro tempo, o Vasco dominou amplamente as ações. Com Carlos Alberto apagado no segundo tempo, o time caiu de produção e
foi muito pior do que o Figueirense, em Florianópolis. Ou seja, torcedor vascaíno: os próximos dias, que definirão a permanência ou não do jogador na Colina, serão muito importantes. É
bom que ele fique!

O árbitro do jogo era Leandro Pedro Vuaden, que deixa o jogo correr e não marca falta em qualquer lance. Bom para quem carrega a bola e aguenta trancos. Bom para Carlos Alberto.
Dorival Júnior escalou o jogador como atacante, desejando uma performance à la Kleber do Cruzeiro. E Carlos Alberto cumpriu muito bem seu papel, brigando, lutando por to-
das as bolas e abrindo espaços para os companheiros. Acabou premiado com um belo gol, de canhota, chute rasteiro, que entrou no canto do goleiro Wilson, aos 29 minutos do primeiro tempo de jogo. Encerrou um incrível jejum do Vasco de sete horas e 48 minutos fazer um gol.

Verdade que Carlos Alberto brilhou também porque o meio-de-campo vascaíno engoliu o do Figueira. Até os seis minutos de jogo, o time catarinense não havia nem sequer passado do meio-de-campo. Parte do mérito para Léo Lima, que teve também boa atuação, deixando companheiros na cara do gol duas vezes.

No segundo tempo o Vasco recuou, Carlos Alberto sumiu e o técnico do Figueira Roberto Fernandes fez uma mudança que ajudou a equilibrar a marcação no meio-de-campo: tirou Pedrinho e colocou Jairo. A partir daí, seu time dominou o jogo e acabou empatando com Clodoaldo, aos 24 minutos.

Voltando a Carlos Alberto: após fazer seu gol ergueu as mãos para o alto, olhou para o céu, agradeceu e chorou, muito emocionado. Para o bem da torcida vascaína, que seja o choro de quem está feliz por sua permanência na Colina. Se for um choro de despedida… o Vasco vai sentir muito.



MaisRecentes

O clássico esvaziado e o golpe da CBF



Continue Lendo

Mimimi ou verdadeiro?



Continue Lendo

Acharam um novo culpado: a religião



Continue Lendo