Lesão na coxa tirou última chance de Renato Augusto na Copa das Confederações



Em evento no Morumbi ontem, Pelé voltou a falar sobre a necessidade de a Seleção usar a base de uma equipe brasileira para aproveitar o entrosamento. De novo, apontou o Corinthians como o time ideal, como eram no passado o Santos e o Botafogo.

Felipão não gosta da ideia. Diz que o Brasil não tem uma potência como o Barcelona ou o Bayern de Munique, capaz de abastecer com qualidade as seleções da Espanha e da Alemanha, respectivamente.

Pelo futebol (não) apresentado no amistoso contra o Chile, na quarta-feira, está na hora de o técnico rever seus conceitos. Principalmente porque terá pouco mais de 15 dias para montar e preparar o time para a estreia contra o Japão, em Brasília, no dia 15 de junho, pela Copa das Confederações.

Não é por causa do peso da camisa que Ronaldinho Gaúcho, Neymar e Jadson não conseguem repetir as atuações que têm no Atlético-MG, no Santos e no São Paulo. É por falta de conjunto. Felipão sabe.

Por isso, o Corinthians pode, sim, ser o ponto de partida da criação de uma equipe para a Seleção. Na falta de um cabeça-de-área diferenciado, Ralf pode ser a solução ao lado do já titular Paulinho. No ataque, Pato ainda cabe com a 9. Na defesa, Gil pode disputar posição.

Para a armação, Renato Augusto é uma esperança. Pena que a lesão tenha quebrado a sequência que fez o meia convencer Tite de que é jogador decisivo. Agora, falta tempo para fazer o mesmo com Felipão. Renato também caberia na base pedida por Pelé na Seleção.



  • Jefferson

    Eu concordo com o Pelé, e admito que é a primeira vez. kkkkkkkk

    O Corinthians pode sim, servir de base, com o plus de alguns craques brasileiros o time ficaria muito forte, vejo com potencial para titulares da seleção:

    Cássio
    Ralf
    Paulinho
    Renato Augusto
    Pato

    Ainda poderiam brigar: Gil e Romarinho

    Assim a espinha dorsal do time já estaria montada, o grande problema é a lesão mesmo do Renato Augusto.

    Pensando em um time pra copa das confederações com:
    Cássio
    Daniel Alves
    Thiago Silva e David Luiz
    Marcelo

    Ralf e Paulinho
    Lucas, Renato Augusto e Neymar
    Pato

    Com certeza o futebol apresentado seria muito melhor

MaisRecentes

Dois gols que o time de 2015 não tomaria. Isso levará tempo…



Continue Lendo

Quatro anos da morte de Sócrates: Doutor fala da Fiel Torcida



Continue Lendo

Desmotivado e desentrosado, Timão tem seu pior jogo no BR-15



Continue Lendo