Djokovic e a derrota PROVIDENCIAL. Nadal deu o popular migué ?



É raro que um tenista top, especialmente do Big 3, dispute um torneio na semana prévia a um Grand Slam. As circunstâncias da Austrália e da pandemia obrigaram os atletas a disputarem a ATP Cup e os ATPs 250 prévios, só que alguns estão dando, digamos, um “jeitinho”.


Rafael Nadal alegou problemas nas costas, nada grave, e ainda não jogou pelo torneio de nações e não está escalado para a semifinal deste sábado contra a Itália. Mas sabe-se que segue treinando normalmente e tem prática marcada com Carlos Alcaraz. Nadal NUNCA jogou numa semana prévia a um Major. Não seria agora que jogaria, certo ? Estaria dando aquele migué ? Não duvido. Ele tem 34 anos, não é nenhum menino e o foco é chegar fresco fisicamente para o Australian Open.

Veja o caso de Novak Djokovic. Duas partidas duras na quarta-feira e mais duas nesta sexta onde ficou QUATRO HORAS em quadra. Venceu Alexander Zverev e perdeu nas duplas. A Sérvia deixa escapar a chance do bicampeonato, mas a derrota é PROVIDENCIAL para Nole ter um descanso depois de dois dias desgastantes. Se fosse para a semi seriam mais um ou dois jogos duríssimos contra a Rússia (Daniil Medvedev sempre lhe impõe dificuldades) e uma final também complicada contra Espanha ou Itália. Chegaria como para o principal torneio melhor de cinco sets começando um ou dois dias depois ? Não precisa ser expert para imaginar.


Fora esses temos ainda algumas desistências curiosas. Serena Williams desistiu após ir à semi contra Ashleigh Barty. Stan Wawrinka foi às quartas e desistiu da rodada dupla que faria nesta sexta-feira. Simona Halep perdeu fácil nas quartas. 


Saber se preservar fisicamente antes de um Slam é ser inteligente.
Quem está aproveitando, e MUITO BEM , é Thiago Monteiro. Primeira semi de ATP em três anos, primeira no piso duro, ótimas vitórias e uma rodada dupla com êxito e sem muito desgaste batendo Carlos Alcaraz e Jordan Thompson, 52 do mundo. No mínimo igualará o melhor ranking (74º) e vai buscar sua primeira final de ATP. Isso faz uma enorme diferença para a confiança e também abre oportunidades em torneios maiores. Falamos mais dele quando o torneio terminar.



MaisRecentes

Djokovic, contra tudo e contra todos, mantém a coroa na Austrália



Continue Lendo

Djokovic x Medvedev. Quem tem a maior pressão na final ?



Continue Lendo

Djokonisevic



Continue Lendo