Emoções no US Open



As emoções prometem tomar conta de Nova York logo nos primeiros dias do US Open. Na abertura do torneio já teremos um Stan Wawrinka x Grigor Dimitrov com o suíço voltando a jogar bem e a revanche de Wimbledon. Rafael Nadal x David Ferrer no que pode ser o último Grand Slam de Ferrer. Para a sorte de Rafa a fase de David é tenebrosa, mas sempre é bom respeitar alguém que foi top 3 e já lhe ganhou algumas vezes.
Apesar de ter escapado de Novak Djokovic e ter para a semi um Juan Martin del Potro com problemas no punho, a chave de Nadal não é de todo o fácil. Pode pegar uma pedra no sapato, Gilles Muller, na terceira rodada ou o ascendente russo Karen Khachanov, e para as quartas Kevin Anderson que com seu saque é sempre perigoso. Nadal vai tentar defender um título de um Slam que não seja Roland Garros pela primeira vez na carreira.
Do outro lado a probabilidade é alta de um Djokovic x Federer nas quartas, a menos que Nick Kyrgios entre para valer no torneio e faça frente numa eventual terceira rodada contra o suíço. O caminho de djokovic é bem confortável até lá, o de Roger nem tanto.
Entre as mulheres, Simona Halep tem uma estreia um tanto perigosa e nas oitavas pode ter uma das irmãs, Serena ou Venus Williams, que podem se cruzar na terceira rodada. No mesmo lado da chave as sempre perigosas Karolina Pliskova e Garbiñe Muguruza, sempre devem ser levadas muito à sério mesmo em má fase.


MaisRecentes

Indomável, Djokovic agora postula ida ao Nº 1. Brasil tem por quem torcer



Continue Lendo

Del Potro pisa mais forte que Nadal no US Open. NextGen ainda não embala



Continue Lendo

Djokovic, o mais completo de todos ?



Continue Lendo