Nadal com caminho mais aberto. Bellucci regrediu



A chave sorriu para Rafael Nadal em Roland Garros o que só aumenta seu favoritismo. Seus maiores rivais, Dominic Thiem e Novak Djokovic, ficaram do outro lado da chave com Alexander Zverev (Thiem e Zverev em potencial jogo de quartas de final) e do lado do espanhol temos Denis Shapovalov, Kevin Anderson até as quartas e na semi voltando de lesão e cheio de dúvidas Juan Martin del Potro – difícil imaginar que possa chegar lá – e Marin Cilic que tampouco inspira confiança para chegar tão longe.
Thomaz Bellucci deu esperanças ao furar o quali e vencer três seguidas após mais de três meses, mas mostrou estar bem longe de seu nível perdendo facilmente para Federico Delbonis. Ganhou um set é verdade, mas nos três que perdeu foi completamente dominado e mostrou que sua bola não tem o mesmo peso de antes e os erros seguem acentuados.
Ele segue jogando challengers e buscando retomar o ritmo adequado. Vai precisar trabalhar bastante.


MaisRecentes

Djokovic a caminho de recordes



Continue Lendo

Indomável, Djokovic agora postula ida ao Nº 1. Brasil tem por quem torcer



Continue Lendo

Del Potro pisa mais forte que Nadal no US Open. NextGen ainda não embala



Continue Lendo