Nadal manda recado para Federer. Halep, enfim, realiza



nadalpequim17cam

 

A semana de Rafael Nadal em Pequim tinha tudo para ser o início daquele pesadelo de fim de ano que costuma a atormentar o espanhol. Dois match-points abaixo contra Lucas Pouille. Eis que ele virou e foi ganhando bons jogos até esmagar Nick Kyrgios na grande final. Kyrgios seu último algoz em Cincinnati.

Um começo e tanto de parte final de temporada para o espanhol que agora soma 12 vitórias seguidas e vai com tudo para tentar finalmente vencer Xangai pela primeira vez. Torneio onde tem uma final em 2009 e duas outras semis, ou seja, pedra no sapato. O piso não o favorece, na estatística é o torneio com superfície mais rápida entre os Masters.

Apesar dos pesares, a semana que Pequim foi um recado de Nadal para Roger Federer nessa briga pelo número 1 no fim de ano. De que o espanhol está bem em termos de nível e que Federer vai ter que jogar muito e papar praticamente tudo para finalizar no topo. A diferença é de 2.370 pontos com 4 mil em jogo. Se Nadal for campeão em Xangai e Federer não fizer semifinal, o espanhol já vai garantir o topo da tabela.

Com Roger admitindo ter problema nas costas no US Open, difícil imaginar que possa fazer um fim de ano perfeito, mesmo com sua brilhante temporada e bom histórico em quadras cobertas.

Halep enfim realiza – Depois de bater QUATRO VEZES na trave perdendo jogos diretos, Simna Halep venceu na semi em Pequim e estreia como número 1 nesta segunda-feira. Mas foi derrotada na final pela ascendente Caroline Garcia que venceu dois torneios seguidos. Simona terá apenas 40 pontos para Garbiñe Muguruza na ponta e ainda com um WTA Finals a disputar.

O ano vem sendo de troca de posições no topo do feminino. Kerber ficou até Wimbledon, depois Pliskova, Muguruza e agora Halep, duas delas sem títulos de Majors. Dificil arriscar quem vai terminar lá. Jogo por jogo seria Muguruza, mas seus problemas físicos recentes e inconstância não me fazem cravar o palpite.



MaisRecentes

Federer acirra disputa com Nadal



Continue Lendo

Laver Cup faz história e dá um tapa na cara da Davis. E Bia Maia muda seu patamar no circuito



Continue Lendo

Nadal no Olimpo



Continue Lendo