Carregou nas costas



Na Copa Davis se costuma rotular o definidor dos confrontos como herói da nação. Andy Murray foi muito mais que isso, não só definiu o confronto como ganhou todos os seus oito jogos de simples e mais três de duplas. Só ficou ausente de um jogo de duplas, diante dos Estados Unidos na primeira rodada.
Podemos dizer com precisão que Andy, número dois do mundo, carregou o time nas costas, ganhou a competição praticamente sozinho.
Agora todos os Big Four já possuem títulos de Copa Davis incluindo o Big Five Stan Wawrinka.
Murray se torna muito mais que o herói de uma nação não só por essa conquista, a primeira do país após 79 anos. Ele acabou com jejum de 77 anos vencendo Wimbledon em 2013 e foi campeão Olímpico também em Londres em 2012.
E agora fica aquela dúvida. Será que ele terá essa mesma dedicação para a Davis ano que vem ? É de praxe os melhores darem aquela relaxada no ano seguinte após conquistas, afinal enquanto está todo mundo de férias ou já voltando aos trabalhos, ele terá que atrasar seu descanso e preparação para 2016.


MaisRecentes

Nadal chega em Paris com sobras. Djokovic pode brigar



Continue Lendo

Nadal não será afetado por derrota em Madri. Zverev cresce, mas precisa confirmar em um Slam



Continue Lendo

Triplo 11 de Nadal ?



Continue Lendo