Chororô de Nadal



Rafael Nadal retornou às quadras esta semana, ganhou duas partidas que prefiro não comentar pois não vi por conta do horário, e não deixou de lado seu lado afiado em soltar o verbo, o qual vejo mais que um chororô para fazer pressão nos diretores dos eventos.

Se não é a quadra são as bolas o problema para o espanhol. Ele disparou conta os modelos usados em Pequim e ainda citou que são as mesmas do Rio Open que andou reclamando por aqui também. Veja o que ele disse:
“A bola é muito ruim aqui. Se você jogar ela no chão, o quique vai pra qualquer lugar. Não é uma questão de vencer ou perder. Eu ganhei no Rio com essa bola”, disparou o número dois do mundo.

 

 
O modelo em questão é o HEAD Pro, utilizado nos dois torneios. 
Cada jogador tem acesso ao Fact-Sheet do torneio semanas antes da competição. O Fact-Sheet dá detalhes de hotel, árbitro-geral, tipo de bola, tipo de quadra, enfim, informações gerais e úteis para os atletas. Se o jogador em questão sabia que as mesmas bolas que não gostou anteriormente seriam utilizadas, por que veio então ?
Alguns pontos a se analisar.
Primeiro o atleta top como ele recebe uma boa quantia para jogar eventos do ATP 500 e ATP 250. Ganhando US$ 1 milhão (ou mais!) na conta será que você, meu caro leitor, desistiria do evento ? Difícil não é ?
 O tenista voltando de lesão precisa de ritmo para competições mais fortes no calendário e com muitos pontos em jogo (ele corre o risco do número dois, por exemplo). Neste caso ele poderia ter escolhido Tóquio não é ? Torneio de mesma pontuação, na mesma semana. Some a obrigatoriedade que a ATP fornece aos top 30 em número de torneios para pontuar no ranking e não sofrer punições de pontuação Zero, questão que já aprofundei em outros posts e posso retomar futuramente.
Nadal está cotado para voltar ao Rio Open ano que vem. A organização nega qualquer acerto, mas o dono do ATP de Buenos Aires cravou que o espanhol jogará na capital carioca.
O Rio Open ainda não foi lançado oficialmente e ainda não se sabe sobre o tipo de bola, mas fico curioso para ver se será o mesmo modelo. Seria um tantinho incoerente ele vir não é ?
Outra reclamação, que aí sim acho válida, é a troca constante de bolas semana após semanas no calendário. Nadal e Andy Murray apontaram que pode causar lesões no ombro, cotovelo e ainda se tem a demora para se adaptar, causando um problema para se atingir um grande nível com o pouco tempo de adaptação.
No mundo ideal o circuito, que já tem uma divisão em mini-temporadas por regiões e pisos semelhantes, deveria ter bolas iguais para cada uma dessas fases. Seria uma completa utopia.
Em primeiro lugar iria minimizar o mercado que precisa se diversificar com vários tipos de bolas para cada jogador, quadra, etc. Os principais torneios do circuito promovem a venda dos mesmos nas lojas para tenistas amadores, profissionais, iniciantes e afins.
Em segundo lugar cada evento é disputado numa cidade, país diferente, com promotores, empresas, moedas e patrocinadores diferentes. E os produtores das bolas também visam o lucro,  têm interesses em atingir determinado mercado ou outro para poder apoiar esse ou aquele determinado evento. Some aí o desejo do promotor do torneio que pode querer, invariavelmente, atender esse ou aquele tipo de jogador ou tipo de jogo para sua competição.
No fim das contas todo jogador reclama e tem o direito a tal, mas sem dúvida o espanhol é mais, diria, rabugento do circuito hoje em dia.
Curtinhas:
Em 2011 o torneio de Roland Garros trocou as bolas Dunlop por Babolat que provocou reclamações de nomes como Roger Federer e David Ferrer. Nadal na época não chiou. Será que foi porque ele é patrocinado pela marca ? Para pensar.


  • Bruno

    Discordo de você. Não se trata de choro, até porque já está mais que provado que ele não precisa disso pra ganhar. Ele fez uma crítica à bola, mas como esta é utilizada no Brasil Open, os blogueiros e demais comentaristas brasileiros tomam as dores. Os tenistas top tem todo o direito de reclamar, afinal são eles que dão emoção ao torneio e chamam o público para o evento.

  • lina

    Murray e Nadal e quem mais aderir às reclamações, estão certíssimos em criticar, se prejudica o desempenho deles, se prejudica ombro,punho, braço e etc. ponham a boca no trombone mesmo, afinal, são eles que dão espetáculos, não precisaria de bolas se não tivesse ninguém para jogar com elas. Gosto de tenistas destemidos, falam o que sentem, além de jogarem muito. Simples assim. Parabéns, ao Andy, ao Rafa e a quem mais levantar a bandeira.

  • Neto

    Toni Nadal reclamou da capitão da Davis, Nadal das bolinhas, esses espanhóis são muito reclamões.

  • Tibraco

    Nadal e Murray reclamam acerca do mesmo assunto. No entanto, o seu título diz “chororô de Nadal. Confesso que não percebi, uma vez que ambos são tenistas de topo.

    Reclamou, e então? É um direito dele, não foi ofensivo para ninguém. E essa sugestão dele não ir a Pequim é engraçada. Você deixava de ganhar o maravilhoso prémio de presença apenas devido à marca das bolas? Não, né?

    Em 2011, Federer e Ferrer reclamaram. Não são rabugentos. Em 2014, Nadal reclama. É rabugento.

    Gosto de ler o que você escreve mas este texto, na minha opinião, não foi dos mais fundamentados que escreveu. t

  • Leonardo

    Mais uma vez mostrando a sua parcialidade!!
    Qual seu problema com Nadal?
    Deve estar cansado de ver o federer perder pra ele!!
    Post infeliz!

    • Fernando

      Comparar Federer e Nadal é complicado… nos confrontos diretos Nadal leva vantagem, no entanto, Federer já conquistou tantos recordes incomparáveis que talvez nunca serão alcançados. E pelo que acompanho ultimamente o Rafael Nadal talvez seja o jogador que mais dependa de seu físico para ganhar torneios, com recorrentes lesões começo a pensar que ele pare de jogar até mesmo antes de Federer já que este tem como seu principal jogo o talento e não preponderantemente o físico. Sou fã do tênis, mas todos falam muito de Nadal e se esquecem de um Djokovic que está ganhando tudo…. Federer dispensa comentários.

  • Marcos Gomes

    Todos tem o direito de reclamar sim, o politicamente correto é um teatro para o consumo sem noção a atualidade. Se a bola não potencializa o jogo dele ele vai ficar calado?

  • Caio

    “Se o jogador em questão sabia que as mesmas bolas que não gostou anteriormente seriam utilizadas, por que veio então ?”

    É a mesma coisa de eu não gostar de uma pessoa, e deixar de ir a uma festa por causa disso…
    exagerou ein!

  • Yona Pereira da Silva

    Chororo porque nao sao om vocês! E fácil falar de fora….. As constantes mudanças de bola comprometem e muito o físico o jogados aumento o risco de lesões.

  • Eduardo lambiasi

    Abordagem estúpida e cheia de veis. .o gênio Nadal tem o direito de reclamar. Quem é você para falar sobre isso?

  • Carlos Renato

    Ótimo post, Fabrício!

  • Felipe Gonçalves

    Não é à toa que o Nadal é chamado nos blogs de tênis mundo afora de “drama queen”. É muita reclamação, sempre. Dá impressão que, se não fosse tanta coisa de ruim acontecendo com ele, já teria 20 Grand Slams e seria o número um nos últimos seis anos, ininterruptamente.

    E não posso deixar de lembrar aqui a famosa e talvez mais deslavada desculpa da picada de abelha em um dos intervalos contra o Clement em Marselha-2006, que prejudicou o seu jogo e o levou à derrota. É muita frescura para um jogador só.

  • ECE

    Jura Fabricio, que vc, um cara que escreve sobre tenis tão bem, tem coragem de escrever um texto com esse titulo? Vc qdo joga não reclama se a bola estiver uma porcaria? Desculpe, mas foi um texto totalmente equivocado. Tanto assunto bom sobre tenis pra colocar em pauta e vc perdendo seu tempo com isso. Parei!!!

  • Todo mundo tm o direito d reclamar!Pq Nadal ñ pode? Ele tm todo o direito d reclamar sim!!!!

    • Fabrizio Gallas

      Claro, tem que reclamar, mas ele reclama demais. Essa semana de Pequim ele tinha outra opção, mas pelo visto o $$$ de Pequim era maior né ?

  • Antonildo S Costa

    Ao invés de reclamar, por que não resolveu participar do torneio de Tóquio, como já conhecia a bola que seria usada no evento chinês e que jugou ser muito ruim, seria mais descente que ficar só reclamando. O espanhol deveria se preocupar mais com o tempo que leva pra sacar, é tanta mania, tanta mandinga que acaba excedendo o tempo para o saque, parabéns para o árbitro da partida que independentemente se o jogador ta ou não sendo pressionado pelo adversário, se é reincidente tem que punir o sacador, afinal de contas, fazendo isso estará apenas cumprindo a regra, e vcs nadaletes menos choro!

  • Eduardo

    Felipe Gonçalves: voce como o dono do post sao dois infelizes com comentarios mais infelizes ainda .

    Caso você não tenha se aprofundado no assunto Rafael Nadal esta com apendicite ou seja vai passa na faca. E isso é serio ! Entao antes mesmo de vcs avaliarem o caso sem o resultado concreto. Não defequem sua inveja . E unica coisa concreta que disseram foram se Nadal não tivesse tantos problemas (Reais) realmente poderia ter ganhado mais titulos #Fato , pois todos sabem como esse cara é OSSO !

    Enfim blogueiro no puro recalque , seguidores federistas e a infelicidade de expor de expor publico totalmente imparcial .
    Vocês teêm um futuro brilhante .

    Abraços e Boa sorte !

  • Wania Duarte

    Valeu Fabrizio. Tudo o que fala além de nos informar nos acrescenta sempre. Nadal tem sempre o seu CHORORÔ mesmo.
    Adoro ler o que escreve, e é apaixonado por tênis, o esporte clássico, lindo e que eu ainda não vi ninguém se matar em arquibancada, e presenciar baixarias. Por isso adoro.
    Tchau

  • Eduardo

    Meu comentario vc nao teve coragem de publicar neh o Federista !!! Vai xorar no HEAD TO HEAD !!!

  • JOEL

    Não é choro é so questão de opinião mesmo o Murray tb reclamou, eu achei estranho ver o jogo a bola bate e vai para qualquer canto muito efeito nas trocas de bola parecia video game, isso poderia favorecer o nadal por causa do seu modo de jogar mais deve ser muito dificil jogar assim.

MaisRecentes

Nadal no Olimpo



Continue Lendo

O enorme coração de Del Potro



Continue Lendo

Federer, Nadal ou Zverev ? Quem é o favorito ao US Open ?



Continue Lendo