Uma hora iria pifar…



Já deveria ter sido ontem. Só não foi porque Tomas Berdych falhou na hora de fechar o 1º set e bateu aquele desânimo de ter que virar contra um cara que está imbatível este ano.

Mas hoje não deu. Novak Djokovic é ser-humano e não uma máquina. Com 59 partidas no ano e agora duas derrotas uma hora iria pifar. E como o mesmo afirmou logo após o jogo, as dores no ombro datavam de dez dias atrás e vinham só aumentando, aumentando.

Fato é que Djokovic conseguiu essa bela sequência por: 1) incrível nível técnico 2) confiança adquirida pelas vitórias 3) forma física invejável 4) calendário inteligente.

A melhor marca de um ano é de John Mcenroe com 82 vitórias e 3 derrotas em 1984. Sua segunda derrota veio apenas na 61ª partida, justo em um 21 de Agosto e também em Cincinnati. A diferença é que ela veio na primeira rodada. Naquele ano McEnroe perdeu mais um jogo de Copa Davis e conquistou o US Open. Bom presságio parta Djokovic em Nova York ?

E Andy Murray ganha uma confiança a mais pro US Open com este título, mas o sérvio continua como o grande favorito.



  • DOMENICA

    Quero estar viva para ver tudo que Djokovic precisa defender em 2012. Aí ele deixa de ser o “fenômeno” para cair no esquecimento, assim como fizeram com Rafael Nadal, que depois de tudo que fez em 2010, inclusive o carrear slam, teve seu talento posto à prova, com posts de alerta laranja etc. Alguém já viu a foto das bolhas na mão de Nadal? Se não viram, deveriam ver, ele mostrou na última coletiva de imprensa.
    Hoje não acreditei nos comentário de Dácio Campos, ele chegou a falar, pasmem, que os deuses estavam chorando em forma de chuva pela desistência do sérvio. O sérvio não deveria nem ter chegado a final, pois Berdych estava impossível não fosse o problema que teve ontem.

    • Cristiane

      Muito bem no seu comentário!
      Queimaduras mexem com sua cabeça, pois é um dor absurda e só quem teve sabe o que estou falando.
      Rafa é alguém que merece respeito de todos, pois o que fez foi um trabalho e talento inquestionável!
      Mas, as pessoas não tem memória e o detonam por não estar na melhor fase.
      Vamos ver até qdo Djo aguenta tudo isso!

      • avany

        Concordo com o seu comentário,Cristiane, quando vc diz que Nadal merece respeito de todos!
        Sou fã incondicional do fenômeno Nadal!Não podemos esquecer também do Federer, muitos anos como o número 1 do mundo.Djokovic está sim,em uma ótima fase mas para chamá-lo de fenômeno ainda é muito cedo!
        E vamos ver mesmo, até quando o Djokovic vai aguentar !!!

        • DOMENICA

          É isso aí meninas. Fico pasma com os comentários absurdos em relação a Nadal, ele tão jovem com tantas vitórias GS, líder absoluto em Masters 1000, talentoso, guerreiro, etc. Mas não tem nada não, ele já provou que ressurge como fênix, assim como fez de 2009 para 2010. Vamos ver até onde vai o “fenômeno” Djokovic, já está começando a falhar! Ele que curta seus pontos já computados no ranking e vamos em frente até quando a cobrança começar….2012 tá chegando.

  • Gabriel

    Andy Murray não pode ganhar confiança baseando-se nisso. Ele teve um bom desempenho no campeonato, é claro, mas não pegou nenhum dos Top 3. Ai de quem falar que o Djokovic que jogou hoje era aquele que jogou o ano todo. O US Open está em aberto, para mim. Temos de esperar até o começo do campeonato e avaliar o desempenho dos tenistas nas 3 primeiras rodadas.
    Como fã de Nole desde 2007 e pelo que já vi nesse ano, estou mais do que confiante de que ele se recuperará e estarei torcendo por ele.

    • Fabrizio Gallas

      Gabriel,

      Pra quem não havia ganho nenhum Masters 1000 esse ano e estava penando nos mesmo, ganhar um título aqui mesmo com um Djoko baleado tira uma pressão. Ele ganhou do Fish que está bem e o havia batido 3 vezes seguidas.

  • Felipe Gonçalves

    Se o Djokovic tivesse ganho do Federer em Roland Garros, provavelmente também teria vencido a final e sofreria uma pressão infernal para fechar o Grand Slam no US Open. Mas como essa pressão deverá ser menor agora, acho que ele leva o título.

  • jorge

    É notoria a implicancia que o tal do dácio campos tem com o NADAL. O referido senhor que se diz comentarista, que foi um zero a esquerda como tenista, deveria ficar calado antes de dizer semelhante besteira, já citada acima. Anti-ético e anti-desportista a retirada do atual numero 01. Não respeitou o publico, nem o adversário.E eu querendo dar mais corda para ele…

    • Fabrizio Gallas

      JORGE,

      Discordo totalmente de sua posição. Djokovic não tinha condições de jogar. Já vinha estafado e com muitas dores.

      • Leônidas Vieira

        Fabrizio,

        Discordo de você. O Dácio é muito parcial, pois é fácil perceber suas vibrações mediante a queda do Nadal. Sei que todos tem seu jogador favorito, mas um profissional tem que saber comentar com equidade e jamais afirmar uma balela como aquela no momento da chuva. O Djoko está em um grande momento, mas na minha modesta opinião, ele poderia ser cavalheiro e ficar até o fim, em respeito ao adversário. Está longe de ser um Federer ou Nadal, tendo este agido de tal maneira em sua derrota por Ferrer no Aberto da Austrália.

    • avany

      Olá, Jorge!Dácio Campos está sempre dando umas viajadas irritantes ! Ele não sabe o que diz ! A frase dele na final de Cincinatti foi infame meeeeesmo!!! “Os deuses estavam chorando em forma de chuva pela desistência do sérvio”. Quanta besteira!Nadal é um fenômeno!Com 14 anos de idade,somente,já estava no tênis profissional!

      • DOMENICA

        Já tem gente no twitter fazendo a campanha ‘Cala a boca Dácio’! eu, sinceramente fico sem entender como ele pode ser comentarista nessas condições, tecla MUTE nas abobrinhas dele. Bem lembrada atitude de Nadal frente a Ferrer no Australia Open, com fissura muscular foi até o fim.
        Agora eu assisto os jogos pela internet direto da ATP com comentários em inglês, sem os deslizes da turma do Sportv2 que além de tudo interrompe qualquer jogo, seja top 1,2,3 etc. para passar seleção juvenil de volei ou Arábia Saudita x Congo….e dia de quarta-feira então, nem se fala!

  • Lívia

    É incrível como o povo não perdoa mesmo!! basta uma coisinha e o povo já cai matando!!

    Ainda tem gente que duvida da capacidade do Djokovic em ser um dos grandes!! e claro pegam no pé por qualquer coisas!!

    Os mesmos que julgam anti-desportivo ele ter abandonado ontem, deve ter torcido pra ele jogar até o final e se arrebentar pra ficar fora do USOpen, pq né??

    Mais incrível ainda é que, alguns fãs do Nadal, fazem com o Djokovic hoje, o que os fãs do Federer faziam (ou ainda fazem) com o Nadal quando este tbm conquistou o topo do ranking e tudo quanto é título!!

    Inveja é uma porcaria!!

    P.S.: E pra qm vier discutir títulos e bla bla bla, perde mais ainda a razão, afinal de contas, se fulano ou ciclano tem tudo isso, pq raios então o sucesso alheio te incomoda?? o.O

  • matheus

    Prezado Gallas, acho os seus posts bem pertinentes.

    Gosto do tênis bem jogado e quando todos estão 100% fisicamente, mentalmente e tecnicamente, creio que o melhor sempre foi, até hoje, Roger Federer. Nadal e Djokovic são extremamente talentosos, ótimos tenistas e o que o Nole vem fazendo este ano é digno de um número 1. Não tem o que falar. Agora algumas perguntas ficam no ar.
    1. Porque o Federer não entra focado em todas as partidas, visto que fala pra toda a imprensa que está melhor do que nunca fisicamente (o que não se viu diante de Berdych, quando me parece que faltaram pernas).
    2.O Nadal me parece meio mal, principalmente fisicamente, sem a mesma explosão muscular.
    3.Djokovic estaria mesmo lesionado (historico recente de desistencias) ou com uma pressão do tamanho do mundo nas costas.
    4. Murray….esse não considero jogador do mesmo nivel dos três anteriores, nem aqui nem na China (arrogante, displiscente, volúvel).

    Abração !

    • Joao Alves

      Vai dormir matheus.

  • Deco

    Djokovic indiscutivel mesmo abandonando e o melhor do ano,,como penso que o segundo melhor do ano ainda e o Nadal,,,pois chegou em muitas finais,,,mas o Rafa parece nao estar tao bem,e acredito que ele vem com tudo para defender o US Open,,Mas ninguem e imbativel,,o Djokovic tinha tomado um verdadeiro vareio em um set do Monfis(o francesinho que parece o Sr.Jorge),,,que ele teve dor eu nao tenho duvida,,,mas as dores cheiram desculpas para a derrota,,e perder e normal como foi dito ele nao e maquina e apenas um excelente jogador em otima fase,,,o que quero dizer que pelo que ele jogou neste torneio,,,e tambem no Canada,,ele se nao tivesse dores poderia sim ter perdido tambem para o Murray,,que em minha opiniao e um jogador medio,,comparado com os 3 primeiros,,,dito isto vitoria merecida do Murray ,acho que o abandono do Djoko nao deve tirar o merito de sua vitoria,,,,Agora imaginem se fosse o Nadal que tivesse desistido heim,,,o que nao iriam dizer?Com certeza iriam dizer injustamente em minha opiniao.,,que ele inventou uma dor para justificar a derrota,,,,so que foi com o Djoko e ninguem questionou isto,,,,,mas ta valendo que venha o US Open,,e espero ver todos eles em forma,,,e quanto ao comentarista,,,apesar de ele ser engracado,,,,ontem acho que ele forcou,,,dizendo que o Djoko e heroi ou coisa parecida,,,volto a dizer acredito na dor do Djoko mas isto nao e pra ser tratado como heroi,,,ele foi ate aonde aguentou e desistiu,normal,,e humano,,mas acho que seu tenis neste torneio nao foi do nivel de seus jogos em torneios anteriores,,,
    abracos,,

  • Altaisio Paim

    Djokovic é o melhor do ano. Uma temporada fantástica. Fenomenal. Palmas para ele.
    Acho impressionante como as pessoas esquecem os feitos de determinados jogadores. Seja no tênis, futebol..
    Sou fã de Federer. Acho Federer inigualável. Gênio. GÊNIO. O melhor de todos. Nadal é outro mito. Um gigante do tênis. Para mim um dos maiores esportistas de todos os tempos. Sim. De todos os tempos. O que Nadal já conquistou é um absurdo. E olhem a sua idade!!
    É isso.

    • avany

      Muito bom o seu comentário, Altaisio Paim!Sou fã do Nadal mas não posso deixar de concordar com o seu comentário sobre o Federer. Acompanho o tênis desde o aparecimento do Guga mas, para mim, atualmente, os maiores fenômenos são Nadal e Federer !

      • Jussara

        Gente,
        Não há o que discutir, Djokovic é o melhor do ano, Federer melhor de todos os tempos e Nadal um mito. Federer e Nadal já fazem parte da história do tênis e o sérvio ainda está dando os primeiros passos, assim como outros que foram apenas o melhor de um determinado ano. Que memória é essa?

  • Mirna Perez

    Rafa está desanimado. Na minha opinião , depois de Bjorn Borg ele foi o melhor jogador que apareceu. Murray é uma piada, Federer é o máximo, Nole, subiu muito rápido e provavelmente vai descer rápido. É um excelente jogador, mas não é e não será um Nadal ou um Federer. Independente disso, observei a quadra na final Cincinatti, impressão minha ou o público foi menor?ATP ja deve estar de cabelo em pé, Federer e Nadal lotam quadras … Sentindo falta do Delpo outro jogador sensacional

    • Jussara

      Também percebi que o público não prestigiou o atual nº 1. Os americanos e europeus tem memória.

  • Ednardo

    Que adianta mandar comentários quando se fala de seu comentarista vocês não o publica. Fui educado e comedido em minha opiniões. Fiquei dececpicionado. Cadê libertade do leitor? Meus protestos.

    • Fabrizio Gallas

      Comentários desrespeitosos não serão publicados ok ?

  • matheus

    Estou curioso por sua opinião, nem sei qual sua idade fisica e mental, mas penso que aqui é um espaço para pessoas educadas e para discussões saudáveis.

  • Inácio de Freitas

    Fabrizio, neste USO 2011 novamente ficaram do mesmo lado da chave Federer e Djokovic! Coincidência?!… O que vc acha? Assim como a outra coisa óbvia: Nadal contra o [eterno perdedor?] Andy Murray [e sua mãe que parece não ter mais o que fazer da vida, do que seguir o filho em quadra e fora dela].
    Será que a chave foi [mais uma vez?] manipulada?
    Abraços a todos e a vc, caríssimo.

MaisRecentes

Federer acirra disputa com Nadal



Continue Lendo

Nadal manda recado para Federer. Halep, enfim, realiza



Continue Lendo

Laver Cup faz história e dá um tapa na cara da Davis. E Bia Maia muda seu patamar no circuito



Continue Lendo