Brasil tem muita chance de jogar em casa na repescagem



Após a boa e esperada vitória sobre o Uruguai com a definição já nas duplas deste sábado é hora de olhar para nossas possibilidades de adversário que será sorteado na próxima quarta-feira em Londres.

A boa notícia é que nossa chance de jogar em casa é muito grande.

Como é feita esta definição do sorteio na quarta-feira ? Muitos pensam que são os oito derrotados da primeira rodada contra os oito classificados dos zonais. Enganados.

A ITF atualiza na segunda-feira o ranking da Copa Davis e os oito melhores classificados entre os 16 países dos Playoffs são definidos como os cabeças de chave só podendo enfrentar, logicamente, os não favoritos.

Hoje temos os seguintes países nos Playoffs:  República Tcheca, Rússia, Israel, Croácia, Índia, Chile, Áustria, Romênia, Bélgica, Brasil, Suíça. Restam mais cinco vagas a serem definidas nos seguintes duelos: Itália x Eslovênia, África do Sul x Holanda, China x Austrália, Equador x Canadá e Japão x Uzbequistão.

Baseado no ranking de hoje teríamos os seguintes cabeças República Tcheca, Rússia, Israel, Croácia, Índia, Chile, Áustria e Romênia. Mas temos a possibilidade da Bélgica, Suíça e até mesmo do Equador entrarem como cabeças de acordo com o novo ranking.

O Brasil jogaria fora de casa somente contra a Romênia, Equador e diante da Rússia e Israel – estes se perdermos também o sorteio da sede.

Em casa teríamos os tchecos, chilenos, indianos, belgas, croatas, austríacos e suíços.

Agora é torcer para um bom sorteio. Certamente os belgas e indianos em casa seria uma boa. Se for pra ser fora de casa, que seja contra Romênia e Israel. Nada de Rússia fora ou Suíça, Rep. Tcheca e Croácia em casa.



MaisRecentes

Nadal de outro planeta. O Adeus da Rainha Maria Esther Bueno



Continue Lendo

Pode Zverev segurar Thiem ? Djokovic comendo pelas beiradas



Continue Lendo

Nadal com caminho mais aberto. Bellucci regrediu



Continue Lendo