Pobre Nadal na estreia



Como havia frisado no post após o sorteio da chave, a primeira rodada de Rafael Nadal não era nada fácil com o tipo de jogador que tinha que enfrentar. Um vacilo e ele poderia se desgastar à toa. Mas foi ainda pior. Precisou jogar 5 sets pela primeira vez em 40 partidas no saibro parisiense e teve que ficou quatro horas em quadra.

Nadal liderava tranquilo 6/4 3/1, mas bobeou, deixou o jogou ir pro tie-break, viu o rival sacar demais e ainda explorar seu backhand grudando na rede.

John Isner é pior jogador para se enfrentar em uma estreia onde ainda existe a falta de costume com a quadra e a pressão por ser o favorito. Típico jogador corta-físico, ou seja, não dá ritmo no fundo de quadra. Potente saque, poucas trocas, subidas à rede, indo pros winners no fundo. Fez ainda um dano maior com a nova bola mais dura e rápida.

O braço de Nadal, sobretudo no backhand, parecia estar encolhidinho nos dois tie-breaks definitivamente sentindo a pressão. A sorte do espanhol é que Isner não é aquele ganhador nato. Sentiu a ansiedade pela chance de vitória, mudou a tática indo de forma mais afobada pros winners e se prejudicou.

Certamente ele não deve seguir tão mal assim nas próximas fases. Por isso os fãs do espanhol não precisam se desesperar. Mas caso não melhore aí a encrenca aumenta e quando pegar um tenista de maior calibre pela frente, poderemos ter uma surpresa por aí. Nikolay Davydenko, com confiança, é um candidato, na 3ª Rodada.

Novas bolas geram polêmica – Para Roger Federer as novas bolas são boas pro seu jogo, mais rápidas, influenciam na agressividade e o serviço. Mas por outro lado o suíço reclamou do troca-troca de Roland Garros. Segundo ele, todos os torneios da gira europeia no saibro da ATP mudaram para as bolas que eram jogadas em Paris até o ano passado, mas o Grand Slam francês trocou novamente.

Com justiça o argumento de Federer. Você joga por dois meses com uma bola e depois na principal competição tem que jogar com outra totalmente diferente. Isso não agrada ninguém.

Pagaram caro – Tomas Berdych e Nicolas Almagro eliminados na estreia em batalhas de cinco sets diante de qualifiers após fazer 2 sets a 0. O que eles têm em comum ? Jogaram na semana anterior e foram longe em Nice (França).

Atitude nada positiva. O tenista cansa, chega em cima do lance pro torneio mais importante (Roland Garros dá 2000 pontos e Nice 250) e tem pouco tempo de adaptação. Está aí o resultado.

Não vai me surpreender se Caroline Wozniacki, por exemplo, não alcance o  sonhado 1º Grand Slam e tampouco vá às   rodadas finais já que fez a mesma coisa que os dois citados acima. Legal foi a estreia de Maria Sharapova. Agressiva e consistente. Se mantiver o nível pode dar samba no pó de tijolo francês. Kim Clijsters foi bem também, apesar de alguns viajadas.

Dia de torcer – Thomaz Bellucci x Andreas Seppi nesta quarta-feira por volta das 9h, 9h30. Desta vez teremos sinal de transmissão para o jogo que será realizado na quadra 6, ao lado da Philippe Chatrier.



  • Jose Santana

    O Nadal é grande jogador mas pelo que tenho acompanhado o tenis ultimamente, os demais tenistas estão errando menos, com isso o espanhol está tendo partidas mais duras, Por pouco o Isner não ficou com uma vitória hoje, ou seja dois ou três erros a menos teriamos mais um tie-break e talvez a história seria outra, se Murray, Soderling e outros começarem a errar menos a vida do Nadal vai ficar difícil… O Djokovic ja é numero UMMMMM, ao menos no ANO

    • Góegia Braga

      Que coisa, temos mesmo que referenciar Djokovic por mandar muito dentro e fora das quadras. melhor para nadal que terá que se esforçar para aumentar ainda mais sua qualidade técnica. Quem ganha mesmo somos nós, que temos assistido partidas belíssimas de tênis, de mais alto nível.

  • JANAINA DA SILVA

    O PROBLEMA DO NADAL É QUE ELE VEM PERDENDO PRO NOLE SEGUIDAMENTE E ISSO O TEM DEIXADO SEM CONFIANÇA,E OUTRA COISA O NADAL ESTÁ MAL FISICAMENTE PQ O ANO PASSADO ELE GANHOU MUITOS TÍTULOS E CHEGOU A VARIAS FINAIS SEGUIDAS E POR ISSO ELE Ñ TEVE TEMPO DE SE PREPARAR PARA OS TORNEIOS EM 2011 POR ISSO ELE VEM GANHANDO NA RAÇA! QUAL É A SUA OPINIÃO FABRIZIO GALLAS? BJS!!!

    • Joao Alves

      Hahahaah….. Janaina da Silva, favor voltar para as novelas da globo!!!
      Os internautas e telespectadores do tênis agradecem!!!
      Cada uma viu heheheh….

      • JUSSARA

        Palavras de John Isner, publicadas neste site:

        “Se eu não acreditasse que pudesse vencer, não teria entrado em quadra”, disse o americano. “A forma que ele jogou no quarto e no quinto set – nunca tinha visto tênis daquela forma. Por isso que ele é o número um do mundo e um dos melhores da história.”

        “Ele estava me mexendo muito. Minhas pernas estavam mortas. Quase tive um colapso”, disse. “Eu estava vencendo pontos indo pra rede. Quando eu não controlava os pontos, ia mal.”

        Com exceção de Federer que estreou contra Feliciano Lopes, diga-se de passagem, parecia que estava dormindo ou de ressaca, só Nadal teve uma 1ª rodada com um adversário perigoso, portanto não queiram destronar o Rei do Saibro com apenas duas derrotas no referido piso. Lembrem dos 5 títulos em RG, 6 em Monte Carlo e outros tantos em Madrid, Barcelona, etc….
        São 45 títulos em 25 anos incompletos (aniversário dele é dia 03/06) sendo 9 – digo NOVE Grand Slams.

        “Mesmo que ele não consiga o hexacampeonato, ainda assim ele já fez e fará muito ainda com tão pouca idade, será difícil superá-lo” – Copiei estas palavras de Bjorn Borg em entrevista ao “Le Figaro”.

        Buena suerte para RAFAEL NADAL que mesmo por um fio no ranking, mostra porque é o número 1 há 50 semanas. Por que será, hein? o que ele fez para permanecer por muito tempo? será que esqueceram ou é pura implicância?

      • Rafael

        Deixa os outros opinarem também. Só o teu ponto de vista que vale?

      • Pablo

        Não concordo com a opinião da Janaína… Acho até que o Nadal, apesar de não estar na melhor forma, está muito bem! Só que o Djoko está ainda melhor!
        Agora desrespeitar a opinião dos outros, fazer ironia e ser arrogante não tem nada a ver… Né João??

    • JANAINA DA SILVA

      SE Ñ DÁ PARA DAR A MINHA OPINIÃO PARA QUE O BLOG! EU Ñ SABIA QUE VC SE CHAMA FABRIZIO GALLAS HEIN???

      • Jussara

        Que tal a opinião de Federer?

        “Federer, principal rival do espanhol, aplaudiu a capacidade de reação do natural de Manacor: “Sabemos da capacidade do Isner e que ele pode jogar bem no saibro. Fez uma boa partida e o Rafa não jogou bem os dois tie-breaks. Isso acontece às vezes. De repente você se vê com 2 sets a 1 abaixo, em dificuldade, grande perigo e um erro mais pode ser o fim pois o outro cara sacava muito. Mas o Rafa conseguiu uma excelente virada e foi interessante vê-lo no quinto set aqui pela primeira vez. Ficamos com uma grande atenção em como ele poderia dar a volta por cima”.

  • Paulo Filho

    Em relação ao Nadal, concordo em gênero, número e grau, e eu tb acho que ele vai se adaptar a essa nova bola rapidinho, pois afinal de contas ele deixou de ser um jogador só de saibro há bastante tempo e o seu jogo em condições mais rápidas melhorou consideravelmente. Eis que ele fez duas finais seguidas de Masters 1000 nos EUA neste ano (batendo inclusive o Federer em Miami) e ganhou o US Open ano passado. O problema vai ser (mais uma vez) o Djokovic na final. Ou o Nadal começa a colocar pressão ou então vai perder de 3×0 e vai passar definitivamente a coroa para o sérvio. Ninguém do lado da chave dele tem condições de batê-lo. Talvez o Murray, mas eu acho que o peso de ser um GS vai pesar e do outro lado estar o Nadal, logo…

    O Federer, mais uma vez, mostrou porque é o melhor da história: foi extremamente coerente em relação a troca das bolas e apesar de elas serem melhor ao jogo dele, ele pensa no conjunto. Palmas pra ele.

    Berdych e Almagro vaciliaram. Não há mais o que dizer. Dois fortíssimos candidatos se precipitando em torneios pré-Grand Slam. Atitude infantil e impensada. Bom para os demais. Esse ano o Berdych não entra no ATP Finals nem por decreto. Se terminar entre os 10 será lucro. O Almagro então, jogou a chance de ser top 10 no lixo.

    Em relação à Wozniacki, não acho que ela vai sentir tanto assim o peso de ter jogado antes, afinal de contas os jogos femininos são de 3 sets e os jogos acontecem em 2 dias. É até mais tranquilo do que a gira pré-US Open que ela jogou no ano passado acho que umas 3 ou 4 semanas consecutivas, ganhou tudo, e só não foi até a final no US Open por detalhes. Se for em relação à técnica dela, aí é outra história. No saibro o jogo limitado dela tem vida curta. Cruzadinhas funcionam bem, mas variação é o que vence partida.

    A Clijters eu acho que chega até o momento que tiver que enfrentar uma top 10. Não acredito que ela tenha físico para aguentar a maratona de jogos no saibro recém-saída de lesão, mas vamos ver, afinal ela é a jogadora mais completa do circuito atualmente.

  • Não gostei da estréia de Nadal. No jogo de hoje lembrei de Federer contra Falla em Wimbledon. Federer também precisou do quinto set pra vencer o colombiano. Por pouco Nadal não foi eliminado. Acho que o espanhol cai na semi.

    • DOMENICA

      Toda estreia é complicada, principalmente a pressão de vencer ou vencer o RG – o que toda a imprensa atribui a Nadal. Lembrem de Roger Federer na estreia do Australia Open, que quase caiu diante de Gilles Simon por 6-2, 6-3, 4-6, 4-6, 6-3! E olha que ele ganhou os dois primeiros sets! Mas o que faz a diferença é vencer o desafio, e tanto o Federer naquela ocasião e Nadal ontem, mostraram porque fazem parte da história do tênis.

      Vamos Rafa!

  • Joao Alves

    Quase o espanhol volta pra casa. Isso não teve nada a ver com as bolas, e sim com a falta de confiança do Nadal após 4 chineladas seguidas que levou do Djokovic. Ficou nitido nos tie breaks, que ele segurou legal o braço, errou bolas bobas e não tentou nenhum winner (novidade ne? heheheh)…..O Isner amarelou, e isso colocou o nadal de volta na partida. Uma coisa muito interessante que vc nao comentou hj gallas. O Nadal levou uma advertencia pela demora no saque. Até que enfim alguem aplicou devidademente a regra, pena ter sido so uma vez pois ele continuou demorando….Mas espero que outros arbitros tenham visto isso e comecem a penaliza-lo….Até os comentaristas da Espn que sao fans do nadal meteram o pau nele pela demora excessiva..e só ele se ver perdendo pra começar a apelar!!! Pra variar jogando sujo!! Foi uma pena o Federer ter caído do lado do Djokovic, ou esquema, dos organizadores, nao sei….o fato é que seria na minha opiniao, mto mais interessante um confronto entre Federer e Nadal nas semis e uma revanche entre Murray e Djokovic do outro lado. Esse ano o suíço tinha tudo pra bater o espanhol em Paris pela primeira vez acabando de vez com a reputaçao que ainda alguns teimam em chamar de Rei do Saibro. E assim uma belissima final entre Federer e Djokovic, que são os dois tenistas que melhores chegaram preparado para este Grand Slan. Mas ainda é cedo, vamos ver o que acontece nas proximas rodadas. Ate mais.

    • Fabrizio Gallas

      Não é de hoje que o Nadal demora pra sacar. É até mais fácil fazer ponto a ponto dos jogos dele por isso (rsrs). Agora o Djokovic também abusa da mesma forma que o espanhol 🙂

      De qualquer forma já vi vários warnings nestes três dias de torneio. Só falta alguém ter pulso e dar o segundo warning pra tirar ponto.

    • Fabrizio Gallas

      Não existe esquema de organizadores João. O sorteio é lícito e feito com a presença de jogadores. Já participei e ajudei a sortear em um torneio challenger uma vez. Sempre tem pelo menos um jogador de testemunha e eles ajudam várias vezes ao tirar as bolinhas.

      • Rogerio

        Com certeza, tanto interesse como os que giram em torno de um GS, seria impossível se fazer um sorteio arrumado. Hpa regras específicas para o sorteio, com horário marcado e aberto ao publico, ou ao menos para os tenistas, pelo que sei. Abç

      • deco

        Desculpe Joao, mas ta ficando chato esses comentarios de esquema pro Nadal,sorteio de chaves e etc,logo voce que me parece ser assiduo em acompanhar tenis,e tbem me parece entender pra caramba do jogo e dos torneios em si,e volto a frizar, ta dando gosto de ver o jogar,o proprio Nadal admite isto,,mas o que o Fabrizio falou e corretissimo,do contrario, nao vale a pena acompanhar este esporte tao bacana,,se acreditamos nisto,,chega ne?Sei que nao gosta do Nadal e torce pelo Djoko,parabems ,mas enalteca o jogo em si,nao fica criando comspiracao,e volto a lembrar,este monte de finais e titulos que o Nadal tem a mais que o Serviocomk pouca diferenca de idade entre os dois,so foi na base da comspiracao?O espanhol nao tem valor algum,,,?E so ver os numeros ,,,,,agora que no momento o Djoko ta jogando mais isto ta e e bom para o esporte como um todo,,,abraco a todos

        • JUSSARA

          É isso aí Deco, fiz o mesmo comentário mais acima. Esse João deveria fazer um Blog só inaltecendo o Djoko e dar um tempo daqui….tá ficando repetitivo, incoveniente e injusto com um dos melhores da história, quer você queira ou não queira!

          Saudações Espanholas – Manacor – Mallorca.

          • deco

            Parabems Jussara,,voce escreve bem e com dados,,eu ja tinha lido o seu comentario e concordado,leva em consideracao a idade os numeros em si,,isto e que conta,tudo que for fora disto e puro oportunismo,,so porque no momento o Servio esta melhor ai ficar tripudiando em cima do Rafa, e injusto,,,To adorando ver o Djoko jogar,,mas vai ums dois aninhos no minimo,ele ganhando tudo ,tudo pra igualar aos numeros do Nadal e com um detalhe estara mais velho que o Nadal,,comparado aos numeros do Nadal hoje,e o espanhol e nem ninguem pode ganhar mais nada,esta e a realidade,,, e voce finalizou perfeitamente, o Rafa ja e um dos melhores da historia e o Servio pode ser o melhor de hoje,,a uma grande distancia ainda a ser percorrida,,,So tereia sentido se o Rafa e o proprio Federer ,estivesse encerrando carreira,nao e o caso ne?Ai Joao se o Djoko comeccar a perder,,,e isto e possivel,,vao pegar no seu pe heim,,em funcao desses comentarios tendenciosos,oportunistas e com um alto teor de tietagem,,,,,abracos

    • NASMONE

      João, apesar de vc ser bastante fã do Federer, não parece confiar no potencial deste. Quer dizer que ele só “chegaria” na final se tivesse caido na chave do Nadal? Pois, apesar de não ser fã do Federer, mesmo reconhecendo o fantástico jogador e a forma linda e fácil com que ele joga (pois além de tudo sou fã de tênis), acho que no momento, o jogador mais habilitado para vencer o Djokovic é o Federer. Por dois motivos. Um, ele esse ano não tem a mesma pressão de anos anteriores. Dois, atualmente, para vencer o Djokovic tem que jogar de forma agressiva, e ninguém melhor que o Federer para fazer tal feito. Junte agressividade (claro se ele controlar a ansiedade) com a “falta de obrigação” em ter que vencer RG, vc vai ter como resultado um monstro, ou seja, o bom e velho Federer. Se o Federer chegar bem (digo fisicamente e mentalmente) à semi, e o Djokovic também chegar lá, claro, acho que o Federer “papa” direitinho o sérvio, afinal o Federer está entalado com o Djokovic. Essa é minha opinião, o que vc acha?

    • adriana souza

      Pro Rafael Nadal deixar de ser o REI do saibro, alguem tem que ganhar mais que ele……………..

  • Teles

    JOAO Alves…esquema dos organiZadores…federer junto com o djokovic sao os que chegaram mais prepArados pro torneio…Alguns TEIMAM em chamar o Nadal de rei do saibro(será o Federer então)…vindo de vc Nao esperaria mais nada. Quanta baboseira

  • Marcio

    Não entendo qual a graça no tênis feminino além das saias curtas. Não vejo nenhum talento ao nível de um Federer ou Nadal, inclusive acho mais legal assistir uma partida entre dois tenistas top 50 a assistir o clássico Clisters x Sharapova, a impressão é que todas usam do mesmo artifício, jogo de fundo, nenhuma bola curta, nenhuma variação, uma monotomia única… Espero que a ESPN leia o meu manifesto aqui, não entendi transmitirem jogo feminino enquanto Almagro, Berdych, e Soderling estavam em quadra, mesmo o jogo do Simon deve ter sido mais interessante que o da belga. Deve ser por isso que o Sportv só transmite jogos do masculino. Nada pessoal, acho a Ivanivic e a Wozniack muito gatas, mas só, em 5 minutos eu canso de olha elas jogando tênis…

  • jorge

    Pobre Nadal…não é o que o john isner pensa e diz. “Nunca vi um tenis igual aquele,porisso ele é o melhor do mundo” `Pobre são as suas palavras ao escrever o blog.

  • Bruno

    Essa foi por pouco… reparem q o Nadal nem puxou mto a cueca neste jogo pq c puxasse, ia vir toda melada.. deu mta sorte pq jogo mesmo ele não jogou nada.. pura incompetência do Isner, que acabou cansando e não aguentando o rítmo, pq c ele mantém, com ctz o nadal ia perder nos próprios erros. Assim como já dito aqui, provavelmente isso deve fortalecer e dar mais confiança a ele e dificilmente ele cometerá outra mancada dessa. No mínimo à semi ele chega, mas acho que ao ver o Djokovic c classificando pra final ele entrega pro murray pq sabe q c pegar o djoko nessa fase vai passar vergonha na final!

    Abraços.

    • Rafael

      Deve ser torcedor do Federer. Me lembro em 2001, Guga apanhou para ganhar do Russel na primeira rodada, e depois vocês lembram o que aconteceu. Esse é o tipo de jogo que dá moral….vamos ver até o final.

  • NASMONE

    Gente vamos e convenhamos, ninguém ganha 45 títulos, só com sorte ou por incompetência dos adversários. O Nadal pode não ter o tênis plástico e lindo do Federer, ou o tênis agressivo do Djokovic, mas não é o “banana de pijamas” que muitos por aí pintam. Se fosse, o próprio Federer não teria ficado feliz em se livrar da chave do Nadal e ter caído na chave do até então imbatível Djokovic. É melhor tentar se inteirar primeiro sobre tênis para depois falar sem dizer tanta besteira. Outra coisa, se fosse um outro tenista que estivesse fazendo a campanha que o Nadal está fazendo na temporada deste ano (atrás só do incrível Djokovic), todos estariam aplaudindo. Se fosse o Bellucci que tivesse chegado em seis finais, sendo 5 de master 1000, e dois títulos, muitos estariam dizendo que era o “novo Guga”.

    • Rafael

      O que tem de anti-Nadal, não é brincadeira.
      Deveriam se preocupar mais em torcer a favor de alguém (Bellucci por exemplo), do que ficar secando os outros.

    • JUSSARA

      Exatamente. Até o Jornal Nacional vem noticiando os feitos (?) de Bellucci…imagine se chegasse a 6 finais, arranjariam todas as desculpas do mundo.

  • Mani

    O Nadal nunca jogou muito na primeira fase de Roland Garros. A diferença é que ele, pela primeira vez, pegou um jogador de certa qualidade na primeira fase, um cara que já fez certo estrago no circuito, e ainda mais com um jogo que o incomoda (teve o Soderling em 2006, mas na época ele só viajava).

    Daqui pra frente não tem mais nenhum cara que saca forte, de fato não tem mais nunguém que tenha jogo para vencer o Nadal no saibro. Pelo menos até a semi-final. Caminho tranquilo até lá. O Davydenko, mesmo que alcance a terceira fase, está longe de estar jogando em um nível para bater o Nadal.

    O Murray, se chegar à semi, vai no máximo fazer o que o Djokovic fez em 2008 e 2009.
    Final esse ano: Nadal x Djokovic (ou, se der zebra, Federer).

  • sergio neves

    Federer/Nadal/Nole o resto e coadjuvante.

    • deco

      Concordo Sergio,com todo respeito aos outros e tem gente boa por ai,Murray,Sonderling,ate o Del Potro,qualquer nome fora os tres,(Djoko,Nadal e Federer)que ganhar o titulo, sera considerado zebra neste momento,e pelo momento em si chances maiores ao Djoko,,porem,,os numeros do Nadal e Federer ,records sao astronomicos,,,comparados ao tempo de carreira e idade,e parecidos proporcionalmente,,patamar que o Servio ainda nao atingiu,,,apesar de no momento ertar melhor,
      Logo,,Nadal e Federer sao os monstros do circuito,,,e o Djoko se inclui pelo momento em si e nao ainda pelo historico,,,esta e minha opiniao,,,
      abracos,,,

  • Ricardo _ SP

    João Alves “viúva do Federer” se o suíço cai na chave do Nadal ia tomar também uma chinelada, igual vem tomando do Nole, da mesma forma que o Nadal também vem tomando, a diferença é que o “velho” suíço, maior tenista suíço de todos os tempos vem levando dos dois, os #1 e 2. Pelo andar da carruagem logo o Murray tira o #3 dele e o Del Potro o #4 e aí o suíço vai começar a tomar chineladas mais cedo e não nas semis.

  • Joao Alves

    A galera do Nadal tá mordida hahahaha….chega a ser um pouco engraçado até. Estão todos entalados com o Djokovic e já estão vendo que o número 1 e o título de Roland Garros, além do apelido de Rei do Saibro vão tudo embora!!! Hahaha!!! Eu ao contrário do que vcs estão dizendo estou achando excelente o momento do tênis, pois o Federer saiu do foco e agora a grande questão são as seguidas surras que o Nadal vem levando do sérvio (principalmente as no saibro) e se ele vai conseguir defender o título de RG para não sair de um todo desmoralizado e escurraçado na temporada do saibro. Vcs viuvas do Nadal eram os primeiros a falarem que o Federer ja era quando o suiço perdia uma partida e agora estão chorando que nao podem criticar o espanhol?? Buuuuuuuaaa Buaaaaaaaa tadinho deleessssssssssssss !!! Hahahaha!! Para galera bola pra frente! Nao liguem nao!

  • deco

    O Joao,,eu que sou novato aqui neste blog,,to percebendo que a galera ai diz que voce e viuva do Federer,,cara nao me leva a mal,voce deve ser um brincalhao ne?Mas seu luto pelo suico ja passou e entao voce ja o substituiu pelo Djokovic e isto?RSS,,brincadeira irmao nao leve a mal,falando serio,,pode criticar o Nadal sim,mas com fundamento,,criticar o jogo e uma coisa e isto voce parece que faz bem,o que voce nao faz bem,e nao levar em consideracao as estatisticas,,os numeros do Nadal e Federer sao infinitamente superiores ao do Servio,(to sendo repetitivo porque vc nao comenta nada disto)isto proporcionalmente a tempo de carreira,idade, sao records que colocam eles entre os maiores da historia,como disse bem a Jussara,,entao brother pega mais leve quanto a existir conspiracao a favor do Nadal,,se tem o direito de torcer contra,mas respeite o Rafa porque ele e muito bom,os numeros nao mentem,quanto a mim nao vou ficar no muro,torco pro Nadal,gosto de seu estilo de jogo,,e mesmo assim,nao me decepcionei com suas derrotas no saibro,para o Djoko,pois foi merecido,e quem trabalha e faz por onde nao pode se discutir,hoje o Djoko ta demais,,e tambem sou fa do Federer,,,grande abraco a voce e a todos que acompanham este fantastico esporte que e o tenis,,,

    • O engraçado é que Nadal venceu duas vezes Wimbledon e nem por isso foi chamado de “Rei da Grama”, enquanto depois de todos os títulos conquistados no saibro querem destituí-lo do posto por causa de apenas duas derrotas em masters 1000. Não importa, ele tem o Career Slam – só os grandes possuem – Nem Sampras conseguiu este feito.
      Independente de qualquer resultado no RG 2011, Rafael Nadal é o cara.

      Saudações Espanholas!

      • deco

        Valeu Jussara,sempre com comentarios consistentes,fundamentados,,se for por este raciocionio,vao dizer que o Djoko e o Rei das Duras nao e msmo?Porque a maioria de seus 24 titulos foram por la,,Digo isto porque andaram falando aqui que ele (Nadal)tem 45 titulos e foram a maioria em saibro,,e dai ?saibro nao vale?Dos 45 titulos do Rafa,31 ou 32 nao tenho certeza foram no saibro,e 14 ou treze foram em dura e grama,,,assim como o Federer so ganhou um grand slam em saibro,isto e relativo,tudo e tenis,,,e o Dkoko?Pode ate ganhar este ano sera o primeiro grand slam em saibro,,grama ainda nao ganhou,,,olhando por este lado quem e o mais completo? Que venca o melhor,,e a derrota se vier,,nao vai em nada tirar seu talento e raca,,mas ate que nao perca,,,,,forca RAFA<<<<

MaisRecentes

Federer pode sonhar com o Nº 1



Continue Lendo

Murray segue perdendo chances



Continue Lendo

A insana chave de Indian Wells



Continue Lendo