Bellucci será um outro tenista daqui pra frente



Faltou pouco, mas bem pouco, para Thomaz Bellucci ser o Homem a acabar com a série invicta de Novak Djokovic. 6/4 3/1 jogando um tênis extremamente sólido e dando raras chances ao rival que se mostrava cabisbaixo e cansado mentalmente.

Mas eis que Djokovic achou o revés do brasileiro na corrida no quinto game do 2º set, forçou erros do brasileiro e conseguiu religar na tomada, injetar aquela confiança para mudar a situação. Isso não é novidade na série de 33 jogos sem derrotas de Nole. Contra Rafael Nadal nas finais de Miami e Indian Wells ele também parecia derrotado e em um dado momento recuperou-se.

Bellucci deve se orgulhar e muito da campanha esta semana. Ganhou com autoridade de dois top 8 de respeito, Andy Murray e Tomas Berdych, e levou ao extremo, às cordas, aquele que é o tenista a ser batido em 2011.

Depois destes últimos dias e de hoje posso afirmar que Thomaz será um outro jogador daqui pra frente. A confiança, abalada nos últimos meses, ganha uma injeção estratosférica e certamente ele passará a acreditar mais em si próprio, de que tem tênis para não só estar entre os 20 melhores, o que deve acontecer em breve, como conquistar ainda mais.

O top 10 não deixa de ser um sonho distante e passa a se tornar uma meta real. Para tal ainda precisa trabalhar seu jogo na superfície rápida (onde é disputado a maioria dos pontos no circuito) e seguir na evolução ao lado de Larri Passos. É só não deixar de trabalhar. Mas com o auxílio de Larri, certamente isso não vai ocorrer.

Vida longa ao seu bom tênis! Parabéns, Thomaz!

Curtinhas sobre o Thomaz – É bom lembrar. As condições de Madri favorecem muito o jogo dele. Altitude de 600m, bola viaja mais rápido, assim o saque e os potentes golpes causam mais dano. Bellucci tem golpes amplos, com longa preparação e por isso se dá melhor no saibro onde pode escorregar e a bolca quica mais alto. Vamos ver como ele sesai em Roma e lá terá uma pedreira. Um quali na estreia e Nadal na 2ª Fase.

Sobre Roland Garros. Bellucci defende 45 pontos semana que vem (referentes a Madri que mudou de semana com o torneio italiano). É importante fazer pelo menos 2ª fase para permanecer entre os 24 melhores, assim Bellucci foge dos 8 melhores do mundo na terceira rodada pelo sorteio dirigido. Só poderia enfrentar feras como Nadal, Djokovic, Federer a partir das oitavas.

Federer x Nadal – Federer conseguiu uma ótima recuperação no 1º set que parecia meio perdido. Jogou um tênis agressivo desde a devoluções, sufocou Nadal e parecia que seria o dia dele. Mas o despedício de algumas chances capitais nos outros dois sets custaram caro e Nadal não deixou barato.

Esta faltando aquela confiança extra de Federer para ganhar do Nadal e do Djokovic, algo que só será conquistado quando ele vencê-los ou ganhar algum título importante. Mas o suíço mostrou que está na briga e NUNCA deve ser desprezado.

Final Nadal x Djokovic – 4º Masters do ano e 3ª final entre os dois melhores do mundo. Favoritismo ? Não me arrisco. Se por um lado Nadal leva vantagem de 9 a 0, por outro as condições rápidas favorecem a Djokovic.

Alguém lembra daquele jogão de 2009 na semi ? Nadal ganhou em 4h salvando match-points. Pois é, eu estava lá e minutos depois entrevistei Emilio Sanchez Vicario, que comandaria a Espanha ao título da Copa Davis meses depois.

O detalhe legal é que uma invencibilidade cairá neste domingo. A dos 37 triunfos seguidos no saibro de Nadal ou a dos 33 de Djokovic no ano. Alguém arrisca um vencedor ?



  • Rafael Burgos

    Tem isso de 24 primeiros em Grand Slams é!? Não sabia. Achava que um cabeça 1 podia pegar tanto o 17 quanto o 32 na 3a rodada.

  • thiago campos

    feliz pela excepcional semana do bellucci… e um poco frustrado pois a vitória estava tão perto… aquele 15-0 no 6° game do 2°set e aquela deixadinha que o faria chegar a 30-0 pra abrir 4×2 no placar e caminhar em passos largos pra final de madri…mais estou extremamente contente com a postura positiva do brazuca essa semana…parabéns thomaz e larri poe essa semana que jamais será esquecida pelos fãs brasileiros de tênis e até aqueles que não apreciam muito a modalidade…essa semana foi chave na carreira do brasileiro…agora é só colher os frutos…abs gallas!!!

  • Berg

    Federer deixou um gostinho de quero mais. Foi um primeiro set de uma recuperação linda. O segundo set ele perdeu o foco com aquela bola no break do Nadal. E no terceiro, Nadal mostrou por que é o rei do saibro. Mas esta cada vez mas claro que Federer é um dos unicos que pode bater Nadal no saibro, os outros são Murray (que sabe jogar contra o nadal), soderling (que não tem medo do espanhol) e Nole (que precisa vencer a primeira pra ganhar confiança). Ferrer tem tenis pra vencer, mas é um lambe chão do Nadal e Del potro precisa se recuperar, os outros são todos ridiculos no saibro.

    Amanha, está cheirando a mais um titulo do Nadal, mas para o bem do tênis mundial Djokovic precisa vencer. Ninguem, a não ser os fãs do Nadal ou aqueles que gostam de recordes, aguentam mais ver Nadal sobrando no saibro. Porém hoje e em MC contra o Murray, Nadal leovu sufoco.

    Tomara que Nole vença amanham.

  • Camilo Lemos

    Gostei muito da atuação do Bellucci digna de top 10. Porém, ele tinha que se manter firme para que não ocorresse um empate que foi nesse momento que o Djokovic se encontrou na partida e tomou a frente do jogo (parecido com a semi do Nadal vs Federer). Mesmo assim foi um grande salto na carreira do Bellucci e certamente jogará em alto nível em Roland Garros.
    Acredito que o Nadal freia o Djokovic amanhã.

  • Carlos Eduardo Pessoa

    Bom, ele disse, depois da vitoria sobre o Murray, que estava começando a sentir o gostinho que o Guga sentia, posso dizer que depois de 8 anos, como torcedor, senti o mesmo gostinho que sentia quando via o Guga jogar (longe de mim comparar)

    • Mario Abrahim Manaus

      Que gostinho nada!!! O Thomaz vai ter que treinar muito, acertar detalhes no seu arsenal e trabalhar mais o seu mental porque agora vai começar a enfrentar o tops com mais frequência. E esses jogos são todos dramáticos, disputado nos detalhes e decidididos na raça. E Carlos, se ele assim o fizer, eu, vc, o Guga e o Brasil vamos voltar a sentir o gosto da vitória.

  • Branca

    Olá Fabrizio,
    Primeiramente quero parabenizar o Bellucci. Não ganhou o Djokovic por pouco, acho que foi cansaço, falta de costume de avançar em um torneio desse porte. Mas, de qualquer forma é um orgulho pra nós termos um tenista competidor, ele agora terá mais confiança e o respeito dos outros tenistas.
    Nadal x Djokovic, é sempre um duelo difícil, mas no saibro, acredito no Nadal.
    Abraços.

  • Paulo Filho

    Sinceramente eu não estou tão interessado na final se comparado a preocupação que todos os brasileiros devem estar sentindo pela contusão do Thomaz. Será que é sério? Será que ele vai ter condições de jogar bem Roma e RG? Em relação a final de amanhã, o Nadal leva. Ele está menos cansado, joga com a torcida e vem embalado de ter batido o Federer, fora que o jogo é no saibro.

  • guilherme

    djokovic vai perder denovo. Infelizmente.

    • Vânia

      Eu ri do PERDER DENOVO. Tem 33 jogos que ele não perde, de onde saiu o denovo ?

      Nadal que perdeu as duas ultimas finais, inclusive na lenta quadra de Miami.

      Imagino que o seu ”denovo” se refira aos 9 a 0 no saibro. Mas se o Nadal for perder alguma partida

      no saibro esse ano, será amanhã, pq nas lentas quadras de Roma e RG, sem chances.

  • Fernanda Mello

    Vou apostar no Djokovic! Aquela derrota de 2009, está engasgada até hoje! Ele já comentou várias vezes. Perder depois de duras 4 horas, num tie break, no terceiro set de 9 a 7.

  • Theago

    Realmente o bellucci fez uma campanha brillhante em madri graças as suas três atuações de top 10 que foram bem convincentes. Quanto ao jogo Federer X Nadal, foi nítido a evolução do jogo do Federer nessa partida, provando que ainda não está morto e que tem muita lenha pra queimar ainda acredito que chegará muito bem em Roma e RG. O que faltou hoje no jogo do Federer foi mais capricho nas várias chances que teve para quebrar o saque do Nadal e também pq usou pouco o primeiro saque, mas no resto foi excelente principalmente nas devoluções. Vamos Bellucci, vamos Federer!

  • ANANIAS

    Belucci, que surpresa agradável. Jogou muito, depois deste jôgo pode ser considerado
    um tenista a ser batido.
    Federer, também, gostei muito do seu jôgo, embora tivesse perdido. Mostrou que está
    de volta com tudo… te cuida Nadal.

  • Vânia

    PELO BEM DO TÊNIS DJOKOVIC TEM DE VENCER AMANHÃ!

    AJDE NOLEEEEEEEEEEEEEEEEEE

    • Regina Avila

      Não sei o porque do b
      em do tennis! Vamos Rafa!

  • Felipe Rabello

    Dois jogadores que atuam exatamente da mesma maneira, esperando o erro do adversário na maior parte do tempo e correndo que nem loucos. Não importa quem ganhe, a taça estará em péssimas mãos.

  • aconteceu de novo O belluci estava indo muito bem e então……começou se achar o maior mudou o seu jogo e então começou a perder jogue com amis humildade e sera o tenista aser batido torço por voce

  • Carlos

    Fabrizio, você acha que o Bellucci diminuiu a intensidade a partir da metade do segundo set porque ele vinha de duas vitórias sobre top 10(jogar contra eles exige muito mais fisicamente) ou porque o preparo dele ainda é ruim se comparado aos outros? Digo isso porque, contra o Berdych, por exemplo, pela primeira vez na carreira ele aguentou bem a troca de pancadas do fundo da quadra(fisicamente falando) contra um marreteiro top.

  • wagnaomga

    Fabrizo, Eu acho que o BELLUCCI tem tudo pra ser um top 10, com + um pouco de trabalho do Larri ele com certeza chega lá … Mas não esperem mais que isso ele vai ser um Rubens Barriquelo do tenis estrategista otimo jogador mas ganhar campeonato de nivel 1000 pra cima acho dificil ( tomará que eu queime a linguá). Acho mais facil aparecer um Pelé que um Guga.
    Torso a cada bola e minuto por Bellucci o jogo dele com Nole foi Muito Muito bom; ele perdeu pro melhor do ano.

  • Simplicio Junior

    A mudança de postura(mais agressiva), de aspectos técnicos(melhor aproveitamento do 1º saque, mais top spin no revés), maior poder de concentração, dentre outros, como as quadras mais rápidas de Madrid(aspecto ressaltado por vc, Fabrizio) foram determinantes para os grandes resultados do Bellucci em Madrid. Nem sei se vai dar tempo perceber a medida da influência deste último fator em Roma, já que o Bellucci pode cair na segunda rodada frente ao Nadal. E pode até vencer! Não sei, não! O Rafa pode sentir o baque da perda do Masters em casa, no saibro. Da iminente perda do nº 1 e, uma boa atuação do Thomaz pode inibir o natural de Manacor(difícil porém, não impossível). Mas, deixando de lado os méritos do Bellucci(e foram muitos), fiquei com a nítida impressão de que o Nole estava com o freio de mão puxado no 4/6 do primeiro set contra o Brazuca. Como se estivesse poupando energia para um embate mais complicado frente a Nadal. Me entendam! Prá mim a mudança do sérvio no 5º game não foi só questão de achar o revés do Thomaz na corrida, mas o feeling de que, contra um jogador que vinha sacando bem, tirando bom proveito disso e mentalmente fortalecido, aquele seria o momento de passar a ser o Djokovic invicto, de até então cinco títulos na temporada e focado na liderança. Teria que dar aquele “algo mais” e o fez. Bellucci não fraquejou, absolutamente. Apenas sentiu que ali estava um jogador diferenciado(não é como nos referimos ao Nadal, o Novak e o Federer?). Se fosse contra qualquer outro, o nosso tenista, pelo que vinha jogando, estaria na final. E se continuar jogando o que jogou, o novo Bellucci entra no Top 10 ainda este ano, independente do piso. O Tenis dele em Madrid se encaixa no que o Nadal disse do Del Potro: combina com um ranking bem superior.

  • Defildis

    Gostei muito do Belluci até ele não se cansar! Cansou porque gasta muita energia em todas as bolas! Tem que trabalhar mais os pontos quem nem o Djokovic! Perceberam que o Sérvio evoluiu a partir do momento que quando não está com o corpo preparado ele apenas coloca a bola com força moderada com spin no fundo e bem colocado! Ao contrário do que fazia, tentava winner em qualquer bola se desgastando fisicamente e mentalmente! É o que o Belluci está fazendo agora, evolui bastante, tá trocando mais, mas precisa fazer menos força qdo estiver chegando numa bola difícil, bota a bola em jogo com spin e menos força no fundo. Qdo ele tiver fazendo isso que o Novack tá fazendo, terá mais bola vencedora do que qualquer outro jogador do circuito. A bola do Belluci é muito forte! Mas na hora certa com o corpo arrumado meu camarada!

MaisRecentes

Orlandinho Luz, mais um talento se perdendo ?



Continue Lendo

Zverev é mais que uma realidade. Federer deveria jogar Cincinnati ?



Continue Lendo

Qual o limite de Roger Federer ?



Continue Lendo