Nadal fez o Federer jogar mal. Tava difícil pro suíço



Muitos comentários após o jogo deque Roger Federer jogou muito mal. Fato é que ele esteve abaixo de seu melhor, mas motivado por uma ótima atuação de Rafael Nadal desde o princípio, a melhor do espanhol na temporada e a primeira ótima atuação contra um Top 10 de forma constante, sem altos e baixos.

O início de partida fulminante de Nadal foi crucial. Saque muito bem (83% de 1º serviço potente no 1º set), bolas firmes fundas e muitas altas na esquerda de Federer. A quebra logo no início e a não abertura de brechas foi minando a confiança de Federer que a cada game passava a errar mais.

O momento chave que poderia mudar os rumos do jogo e revigorar a confiançade Federer foi no início da segunda etapa. Nadal cometeu alguns erros, Federer teve break, mas o dia parecia ser do canhoto que teve sorte. Um pouco mais a frente um 0/30, mas dois erros na devolução, umdeles bobo. Nem mesmo a torcida em peso foi capaz de erguer o suíço que na metade da segunda etapa estava perdido em quadra.

Aspectos a se levantar. Digo e repito. Federer tem um jogo extremamente agressivo que funciona muito bem quando está confiante. Por isso é importante para ele tomar as rédeas da partida, abrir uma margem para seu volume crescer.

Quando joga atrás do placar e tem suas deficiências exploradas, tem muitos problemas para reverter tais situações. Daí vem certa teimosia em não mudar a tática, ir pra rede, usar mais slices curtos pra trazer o rival pro ‘quadradinho’, algo que Nadal não gosta. Federer pouco fez isso na partida de hoje.

Ainda sinto que Federer tem muito a dar e conquistar pelo tênis como fez em Londres em novembro. Sua decadência, como apontam jornalistas, não existe. O que ocorre é uma ascenção gradual de Nadal e Djokovic. O suíço precisa é trabalhar em suas deficiências.

Sobre Nadal e Djokovic. Esperança de um grande jogo mais uma vez. Se Nadal mantiver o nível de hoje no serviço e no fundo, conseguindo aproveitar suas chances, tem totais chances de vitória. Djokovic segue jogando muito bem, mas deu umas patinadas hoje, se safou pois foi muito bem nos breaks contra e Mardy Fish contribuiu. O

– Detalhe curioso. Djokovic salvou todos os 15 breaks contra que teve no torneio. Nadal perdeu o saque apenas uma vez, contra Tomas Berdych, que lhe custou o único set cedido na competição.

Agora quero a opinião de você leitor. Comente sobre este Nadal x Federer e sobre a final Nadal x Djokovic na tarde de domingo. Teremos a supremacia de Nole mantida em 2011 ? Ou Nadal pode desbancá-lo ?

Curtinhas:

Federer ainda não ganhou de um Top 10 em 2011. Quatro jogos e quatro derrotas. Três para Djokovic e uma para Nadal.

Nadal iguala o retrospecto no piso duro com Federer: 4 a 4. No total são 23 jogos e Nadal ganhou 15.



MaisRecentes

Djokovic a caminho de recordes



Continue Lendo

Indomável, Djokovic agora postula ida ao Nº 1. Brasil tem por quem torcer



Continue Lendo

Del Potro pisa mais forte que Nadal no US Open. NextGen ainda não embala



Continue Lendo