Brasil tem enormes chances de jogar em casa se avançar no Playoff da Copa Davis



Antes precisamos derrotar o Uruguai que, se tiver um Pablo Cuevas inspirado, será tarefa muito dura. Mas, caso confirmemos o favoritismo em Montevidéu em julho, voltaremos a disputar os Playoffs do Grupo Mundial em setembro e , ao que tudo indica, as chances de jogarmos em casa são bem grandes.

O sorteio dos Playoffs é feito não com todos os derrotados da 1ª Rodada do Grupo Mundial contra os classificados dos zonais e sim pela definição dos oio cabeças de chave baseados no ranking feito após os confrontos de julho.

Pelo novo ranking da Copa Davis que saiu nesta semana podemos definir com 90% de certeza os oito cabeças de chave que estão disponíveis pro sorteio dos Playoffs que será feito após os duelos de julho que seriam República Tcheca, Rússia, Israel, Croácia, Índia, Chile, Áustria e Romênia com uma chance de Suíça ou Equador entrarem como favoritos no lugar da Romênia.

O Brasil só jogaria fora de casa contra os romenos, iria para sorteio diante de Israel e Rússia, pelo qual nunca jogamos, e estaríamos em casa contra os tchecos, croatas, indianos, chilenos, austríacos e suíços. Diante dos equatorianos seria fora.

No meu entender o melhor cenário pro nosso país é jogar contra Israel em casa e em seguida os indianos também no Brasil e não seria de todo mal enfrentar a Romênia fora e seria ótimo pegar o Equador fora. O pior seria a Rússia fora e até mesmo croatas, tchecos e suíços aqui.

O Brasil não joga o Grupo Mundial desde 2003 quando perdemos da Suécia por 3 a 2 e fomos rebaixados diante do Canadá. De lá pra cá foram tentativas frustradas de retorno desde 2006. Perdemos da Suécia em casa, em seguida Áustria (fora), Croácia (fora), Equador (casa) e Índia (fora). As duas últimas foram as mais doloridas.



  • Jorge Ramos

    Fabrizio, as chances com certeza são boas. O problema é que o Brasil não está aproveitando, nas últimas duas vezes tivemos confrontos considerados fáceis e perdemos. discordo de vc que acha que Israel seria o melhor adversário, pra mim seria a Índia. No saibro considero o Bpana e o Deverman mais ganháveis que o Sela. O foda seria Rússia fora de casa, só com muito azar isso acontece. A chave para ganhar dos uruguaios e cansar ao máximo PABLO CUEVAS ja no 1º dia com o Mello, tentar no mínimo no mínimo levar para o 5º set. Nas duplas Bruno e Marceloestão ano luz na frente da dupla colombiana mais todo cuidado é pouco. Agora é hora do Thomaz bater no peito e assumir o papel de líder. Concorda com a minha opinião?? Um abraço!

    • Fabrizio Gallas

      Jorge,

      Bopanna e Devvarman são fracos no saibro, mas o time de Israel está com um Sela em decadência e não tem um segundo singlista (Harel Levy se aposentou) e a dupla não é a mesma coisa. A Índia, ou bem ou mal, incomodaria mais e ainda tem a dupla forte.

  • Gaspar

    Prezado Fabrizio,
    Sua analise e bastante correta, mas acho que a Romenia fora e duro, o Hanescu e um jogador muito experiente e solido e tambem, a dupla Hanescu/Tecau bateu nossa dupla em Acapulco. Nao sei quem seria o segundo singlista, mas penso que seria jogo duro. Eu, particularmente, adoraria que o confronto fosse com os Tchecos, pois seria legal ver um jogador como o Berdych por aqui e, por que nao, o mala do Stepanek. Acredito que veriamos um tenis de primeira. Forte abraco!!!

    • Fabrizio Gallas

      Se for pra ver o Berdych aqui, tomara que peguemos a Suíça com o Federer não é ? 🙂

      • Gaspar

        Aí seria a glória, Federer e Wawrinka, mas o problema é que o Federer quase nunca joga a Davis. Eu iria ate a pé!!!:)

        • Anderson

          Te acompanho nessa caminhada Gaspar, e levo mais alguns amigos!!!

  • Carlos

    O Brasil tem suas chances, na ordem, contra Israel, Índia, Croácia, Romênia, Suíça(sem Federer, caso ele viesse aí seria a pior opção), República Tcheca, Chile, Áustria e Rússia(fora). O Equador vai perder pro Canadá de Raonic, Dancevic e Nestor. Se dermos azar de enfrentar a Rússia fora(1/16 de chances), vai ser mais um ano de lembranças dos sorteios contra Índia e, principalmente, Equador aqui.

  • MARCO AURÉLIO

    COM O FEDERER AQUI IRIA A PÉ TAMBÉM COM CERTEZA……DE CARRO. ONIBUS. AVIÃO, TREM ,,O QUE FOR……BRASIL E SUIÇA….IMAGINA….

MaisRecentes

Federer pode sonhar com o Nº 1



Continue Lendo

Murray segue perdendo chances



Continue Lendo

A insana chave de Indian Wells



Continue Lendo