A Maldição de Marcos Daniel atacou de novo…



E o que eu escrevi no início do torneio aconteceu. Mais uma vez a Maldição de Marcos Daniel atacou Rafael Nadal. Coincidência ou não o número 1 do mundo não consegue vencer um torneio quando enfrenta o brasileiro. Nem mesmo no saibro, em Roland Garros 2009, onde é o habitat do espanhol, nem na grama, de Queen´s em 2010, onde faturou Wimbledon por duas vezes, e agora na Austrália 2011 onde sonhava com o ‘Rafa Slam’.

Tirando as brincadeiras, David Ferrer foi sublime e teve muitos méritos. Mas o número 1 perde totalmente sua essência quando o físico não está bom. Problemas na coxa esquerda o fizeram chegar mal nas bolas, cometer muitos erros e mostrar apatia desde a metade do segundo set.

Nadal, desolado, já está cansado de ouvir que deu desculpas sobre o físico. Veja o que ele falou na coletiva de imprensa: Em Doha eu não estava bem, hoje tive outro problema. Parece que eu sempre tenho problemas quando perco, e não quero passar essa imagem. Prefiro não falar sobre isso hoje, faz parte do esporte. Vou continuar trabalhando e pensar no próximo torneio”

Minha aposta é a final entre Federer x Murray novamente. Mais tarde volto a comentar. Preciso dormir um pouco, afinal praticamente emendei com os jogos de hoje. A caixinha de comentários está aberta!

Mudanças no Ranking – Com as semis definidas, o ranking fica 99% modelado para a semana que vem. Nadal não descarta nada e como Federer defende o título manterá a mesma distância. Só deixou de somar pontos. David Ferrer ultrapassa Tomas Berdych e é o sexto. Se for o campeão do torneio desbanca Andy Murray no quinto lugar. Jurgen Melzer entra pela primeira vez no top 10 e Stanislas Wawrinka volta ao top 15.



MaisRecentes

Djokovic a caminho de recordes



Continue Lendo

Indomável, Djokovic agora postula ida ao Nº 1. Brasil tem por quem torcer



Continue Lendo

Del Potro pisa mais forte que Nadal no US Open. NextGen ainda não embala



Continue Lendo