Federer favorito para a Austrália. Não se esqueçam do Nadal…



Roger Federer começou 2011 como terminou 2010: com título. E jogando seu melhor tênis nas rodadas finais sem se assustar contra tenistas perigosos como Jo Tsonga e Nikolay Davydenko. Por incrível que pareça seus maiores problemas foram na estreia contra o qualifier Thomas Schoorel, salvando set-points.

Sem dúvida o nível e os resultados da semana credenciam Federer como o principal favorito ao Aberto da Austrália que começa no próximo dia 17.

Mas não podemos deixar Rafael Nadal de lado. O espanhol ganhou em Abu Dhabi e sofreu com uma gripe esta semana perdendo energia e levando até pneu. Não concordei muito com o fato dele jogar duplas em Doha, pode ter contribuído para sua queda fácil em simples contra Davydenko na semifinal, mas chegando descansado e sem qualquer doença, o número 1 é forte candidato.

Murray com Federer ou Nadal nas quartas – Novamente Andy Murray pode ser um divisor de águas na Austrália. Isto depende de Robin Soderling. Se o sueco vencer Andy Roddick vencer ATP de Brisbane neste domingo se torna o número 4 do mundo e joga o escocês para enfrentar Federer ou Nadal nas quartas de final. No ano passado Rafa pegou o britânico nesta fase e se deu mal.

Curtinhas:

A viagem pro Oriente Médio rendeu quase US$ 2,2 milhões para Roger Federer. Dois milhões somente em garantias para jogar a exibição de Abu Dhabi (Emirados Árabes) e o ATP 250 de Doha (Qatar). É comum o tenista top receber grana pra disputar eventos mais fracos.

Rafael Camilo está na final de São Paulo. Já salvou ao todo quatro match-points no torneio (1 contra Menendez, 2 contra Zeballos e 1 contra Daniel Silva) mostrando coragem e sangue frio. Está tudo dando certo pra ele na semana e está garantido entre os 315 do mundo (é o atual 448º). Se for o campeão pula pra perto do top 250. Vamos ver como se comporta na final. Se sente a pressão e administra a ansiedade de jogar a final em casa.

Ricardo Mello bem pertinho da final também. A um game. Mas amanhã é um jogo diferente contra Del Bonis. A chuva veio na hora errada.

Ricardinho me atendeu super bem 1h30min após o adiamento do jogo pela chuva na Sala dos Jogadores falando sobre a situação de ter que jogar um game apenas na semi neste domingo. A matéria está no Tênis News.

Em breve publicaremos entrevistas com o diretor do torneio, que é um argentino (curioso não ?) e o dono do evento.



MaisRecentes

Nadal chega em Paris com sobras. Djokovic pode brigar



Continue Lendo

Nadal não será afetado por derrota em Madri. Zverev cresce, mas precisa confirmar em um Slam



Continue Lendo

Triplo 11 de Nadal ?



Continue Lendo