Federer favorito para a Austrália. Não se esqueçam do Nadal…



Roger Federer começou 2011 como terminou 2010: com título. E jogando seu melhor tênis nas rodadas finais sem se assustar contra tenistas perigosos como Jo Tsonga e Nikolay Davydenko. Por incrível que pareça seus maiores problemas foram na estreia contra o qualifier Thomas Schoorel, salvando set-points.

Sem dúvida o nível e os resultados da semana credenciam Federer como o principal favorito ao Aberto da Austrália que começa no próximo dia 17.

Mas não podemos deixar Rafael Nadal de lado. O espanhol ganhou em Abu Dhabi e sofreu com uma gripe esta semana perdendo energia e levando até pneu. Não concordei muito com o fato dele jogar duplas em Doha, pode ter contribuído para sua queda fácil em simples contra Davydenko na semifinal, mas chegando descansado e sem qualquer doença, o número 1 é forte candidato.

Murray com Federer ou Nadal nas quartas – Novamente Andy Murray pode ser um divisor de águas na Austrália. Isto depende de Robin Soderling. Se o sueco vencer Andy Roddick vencer ATP de Brisbane neste domingo se torna o número 4 do mundo e joga o escocês para enfrentar Federer ou Nadal nas quartas de final. No ano passado Rafa pegou o britânico nesta fase e se deu mal.

Curtinhas:

A viagem pro Oriente Médio rendeu quase US$ 2,2 milhões para Roger Federer. Dois milhões somente em garantias para jogar a exibição de Abu Dhabi (Emirados Árabes) e o ATP 250 de Doha (Qatar). É comum o tenista top receber grana pra disputar eventos mais fracos.

Rafael Camilo está na final de São Paulo. Já salvou ao todo quatro match-points no torneio (1 contra Menendez, 2 contra Zeballos e 1 contra Daniel Silva) mostrando coragem e sangue frio. Está tudo dando certo pra ele na semana e está garantido entre os 315 do mundo (é o atual 448º). Se for o campeão pula pra perto do top 250. Vamos ver como se comporta na final. Se sente a pressão e administra a ansiedade de jogar a final em casa.

Ricardo Mello bem pertinho da final também. A um game. Mas amanhã é um jogo diferente contra Del Bonis. A chuva veio na hora errada.

Ricardinho me atendeu super bem 1h30min após o adiamento do jogo pela chuva na Sala dos Jogadores falando sobre a situação de ter que jogar um game apenas na semi neste domingo. A matéria está no Tênis News.

Em breve publicaremos entrevistas com o diretor do torneio, que é um argentino (curioso não ?) e o dono do evento.



MaisRecentes

51 vezes Nadal. Uma boa ideia



Continue Lendo

Djokovic está de volta!



Continue Lendo

Um racha no circuito ? 



Continue Lendo