São Paulo volta a ter a pior defesa do Brasil e Corinthians sobra como a melhor



São Paulo tomou mais dois gols e ocupa a lanterna no ranking de média de gols sofridos (Foto: Mauricio Rummens/ Fotoarena)

São Paulo tomou mais dois gols e ocupa a lanterna no ranking de média de gols sofridos (Foto: Mauricio Rummens/ Fotoarena)

São Paulo venceu o Cruzeiro, de virada, no Morumbi e deixou a zona de rebaixamento do Brasileirão. No entanto esses dois fatores não foram suficientes para tirar um ‘título’ incômodo para o Tricolor na temporada: o de pior defesa entre os clubes de Série A em 2017. Com os dois gols sofridos na vitória por 3 a 2, a média são-paulino subiu e voltou a ser maior do que a do Atlético-GO, que detinha esse posto. (Confira ranking na galeria abaixo)

Para se ter ideia, o time de Dorival Júnior sofre, em média, 1,34 gol por partida oficial na temporada, enquanto a equipe de Goiás tem média de 1,32 gol sofrido por duelo. A distância entre os dois é pequena, porém significante diante da diferença financeira e de estrutura, além, é claro, da expectativa de cada um neste ano.

O rival Corinthians, no entanto, continua nadando de braçada como a melhor defesa do Brasil. Seus números impressionam cada vez mais, já que enquanto os concorrentes entre os clubes de Série A desandam a sofrer gols, os corintianos raramente são vazados. Até aqui a zaga do Timão sofre, em média 0,53 gol por jogo, o que significa um tento a cada duas partidas.

A distância para o Cruzeiro, segundo colocado nesse ranking, é bem grande (0,27 gol por jogo). Não é à toa que o time de Fábio Carille perdeu apenas duas partidas na temporada, lidera o Brasileirão com larga vantagem e sustenta invencibilidade recorde na história do clube. Foi aí que os dois rivais, que começaram o ano com expectativas muito baixas, viram que o futuro seria bem diferente para cada um deles.

Enquanto o Timão se ajeitou a partir da defesa e, de pouco tempo para cá, vem atingindo excelência também no ataque, o São Paulo ainda não tem um setor ofensivo acertado, muito menos uma defesa sólida, herança deixada pelo comandante anterior e que ainda não foi sanada pelo atual, apesar de ter sinalizado que isso é um de seus objetivos no time.

Somente seis equipes da Série A sofrem, em média, menos de um gol por partida oficial em 2017: Corinthians, Cruzeiro, Bahia, Santos, Grêmio e Flamengo.

Veja o ranking completo na galeria abaixo, além dos números de ataque em jogos oficiais na temporada 2017:



MaisRecentes

É possível admirar o estilo Fernando Diniz no São Paulo sem ser um Dinizete fanático



Continue Lendo

Corinthians vai de ‘melhor técnico do Brasil’ ao alto risco de eliminação no Paulista



Continue Lendo

Empolgação ou desonestidade? Estreia no Paulista pareceu rodada da Premier League



Continue Lendo