Santos bate o São Paulo e brilha na Seleção da 11ª Rodada do Brasileirão-2016



Confira a Seleção e o Craque da 11ª Rodada do Brasileirão-2016

Confira a Seleção e o Craque da 11ª Rodada do Brasileirão-2016

Com os tropeços dos times que figuram em entre as primeiras posições da tabela, aqueles que sentiram o gostinho da vitória na 11ª puderam se aproximar dos líderes e deixar o campeonato ainda mais embolado.

O grande destaque da rodada, com boa vantagem, foi o Santos. A vitória por 3 a 0 sobre o São Paulo foi contundente, sem dar a menor chance de reação ao rival. Vanderlei, Victor Ferraz e Lucas Lima fizeram a diferença e estão na Seleção. Além deles, o Peixe está representado pelo técnico Dorival Junior.

Outro fato que chamou a atenção foi o gol de Luciano, do Corinthians, contra o Santa Cruz. O atacante não marcava desde agosto do ano passado, quando se machucou e ficou fora de combate por algum tempo. Em sua volta aos gramados, nutria um jejum de 19 jogos sem balançar a rede. Por essas e outras ele também está no selecionado.

Quem também lavou a alma foi o Sport, ao golear a Chapecoense por 5 a 1. Nesse resultado, o homem do jogo foi o costarriquenho Rodney Wallace, autor de dois gols, improvisado na lateral esquerda por Oswaldo de Oliveira.

O Craque da Rodada, porém, saiu do jogo mais emocionante do final de semana: Internacional 2 x 3 Botafogo. A vitória botafoguense, talvez, não era esperada nem pelo seus torcedores, mas com a atuação inspirada do estreante meia Camilo, a utopia virou realidade. O posto de Craque não poderia ficar com outro.

Completam a Seleção os zagueiros Juninho, do Coritiba, e Leonardo Silva, do Atlético-MG, o volante Hernani, do Atlético-PR, e os atacantes Richarlison, do Fluminense, e Willian, do Cruzeiro.

A Seleção da Rodada, como sempre, é definida de acordo com as notas dadas pela redação do LANCE! durante a cobertura dos jogos do Brasileirão. Entram na lista os jogadores que receberam a melhor avaliação em sua posição.

Confira as notas e o desempenho de cada um dos integrantes:

Vanderlei – goleiro – Santos – 7,5

Um dos grandes personagens do clássico, fez grandes defesas evitando reação do rival e mostrando a diferença que faz ter um arqueiro seguro.

Victor Ferraz – lateral-direito – Santos – 7,5

Outro que tem grande importância no jogo do Santos. Chegou com qualidade ao ataque e deu ótima assistência para Rodrigão marcar seu gol.

Juninho – zagueiro – Coritiba – 6,5

Jogando fora de casa, foi seguro e se destacou diante da pressão do Figueirense. Essencial para que o Coxa voltasse com um ponto na bagagem.

Leonardo Silva – zagueiro – Atlético-MG – 6,5

Não foi fácil segurar o ímpeto do América-MG, que tentou o gol de todas as formas na segunda etapa. Sua experiência deu tranquilidade ao setor.

Rodney Wallace – lateral-esquerdo – Sport – 8,0

Improvisado na lateral, fez grande partida contra a Chapecoense. Marcou dois gols, contando com a sorte, e trabalhou bem defensivamente.

Hernani – volante – Atlético-PR – 7,0

Atuação seria impecável não fosse o cartão amarelo. Marcou um belo gol que abriu o placar contra o Grêmio e fez oito desarmes, sendo o melhor da rodada no quesito.

Camilo – meia – Botafogo – 8,0 (CRAQUE)

Estreia de gala com a camisa alvinegra. Comandou o meio-campo e os contra-ataques de seu time, além disso deu passe para o gol de Neilton e deixou sua marca ao fazer o terceiro tento, aquele que garantiu a vitória.

Lucas Lima – meia – Santos – 8,0

Fez o que quis com os marcadores são-paulinos. Deu início à jogada do primeiro gol com desarme e belo lançamento. No fim, marcou um golaço de falta.

Richarlison – atacante – Fluminense – 7,5

Não havia marcado gol com a camisa do Flu e quis o destino que seu primeiro tento fosse o da vitória no clássico contra o Flamengo.

Willian – atacante – Cruzeiro – 8,0

Estava devendo sua marca no Brasileirão, mas na grande vitória da Raposa sobre o Palmeiras, fez os dois gols que garantiram os três pontos.

Luciano – atacante – Corinthians – 8,0

Desde agosto de 2015 sem balançar a rede, teve grande atuação contra o Santa Cruz. Marcou um gol e ainda deu assistência para Romero fazer.

Técnico: Dorival Junior – Santos – 7,5

Não tomou conhecimento se o São Paulo colocou time misto ou não no clássico. Desde o início fez com que sua equipe tivesse postura ofensiva para não dar chance ao rival. O placar de 3 a 0 foi pouco perto da superioridade santista. Já é 3º no campeonato mesmo com tantos percalços no caminho.



MaisRecentes

Confira a Seleção LANCE! do Brasileirão-2017 e os candidatos a Craque após a 10ª Rodada



Continue Lendo

Corinthians, Cruzeiro e Palmeiras dominam a Seleção da 10ª Rodada do Brasileirão-2017



Continue Lendo