Santa Cruz, Grêmio, Corinthians e Palmeiras formam a base da Seleção da 3ª Rodada do Brasileirão



Confira a Seleção da 3ª Rodada do Brasileirão-2016 (Crédito: Arte Lance!)

Confira a Seleção da 3ª Rodada do Brasileirão-2016 (Crédito: Arte Lance!)

A 3ª rodada do Brasileirão-2016 apresentou novas lideranças ao campeonato. Agora, apenas três times dividem a ponta da tabela: Santa Cruz, Grêmio e Internacional. No entanto, os jogos de meio de semana contaram também com boas vitórias de Corinthians e Palmeiras, em casa.

Essas equipes, com exceção do Internacional, formaram a base da Seleção da Rodada. O único intruso foi o atacante Neilton, do Botafogo, que marcou o gol da vitória de seu time em cima do Atlético-PR.

Do Grêmio, que venceu de forma contundente o Atlético-MG, fora de casa, estão Pedro Geromel, Marcelo Oliveira e Luan. Já do Timão, que despachou a Ponte Preta, estão Bruno Henrique e Guilherme.

Os representantes palmeirenses após a convincente vitória sobre o Fluminense são Fernando Prass e Vitor Hugo. Dois grandes personagens do duelo no Allianz Parque.

Por fim, o grande destaque da competição até aqui, o Santa Cruz, que novamente goleou em casa. A vítima da vez foi o Cruzeiro sofrendo quatro gols, dois deles do Craque da rodada, Grafite, pela segunda vez consecutiva com o prêmio. Além do centrovante, estão também Léo Moura e Keno, sem contar o técnico Milton Mendes, comandante da boa fase.

A Seleção da Rodada, como sempre, é definida de acordo com as notas dadas pela redação do LANCE! durante a cobertura dos jogos do Brasileirão. Entram na lista os jogadores que receberam a melhor avaliação em sua posição.

Confira as notas e o desempenho de cada um dos integrantes:

Fernando Prass – goleiro – Palmeiras – 7,0

Fez uma defesa milagrosa em lance de Fred, do Fluminense, quando o jogo ainda estava empatado em 0 a 0. Fase é espetacular.

Léo Moura – lateral-direito – Santa Cruz – 6,5

Veterano lateral, tem participado bem dos feitos do Santa, dessa vez deu assistência para gol.

Pedro Geromel – zagueiro – Grêmio – 6,5

Mesmo a zaga do Grêmio tendo sofrido baixas durante a partida contra o poderoso ataque do Galo, mais uma vez Geromel garantiu a proteção.

Vitor Hugo – zagueiro – Palmeiras – 6,5

Depois de ficar um período sem marcar gols, o zagueiro palmeirense deixou o seu e ainda fez jogo seguro no setor defensivo.

Marcelo Oliveira – lateral-esquerdo – Grêmio – 7,0

Ficou menos de 40 minutos em campo, mas fez gol em grande jogada coletiva de seu time, abrindo o placar contra o Atlético-MG.

Bruno Henrique – volante – Corinthians – 7,0

Contestado pela torcida, foi deslocado para segundo volante por Tite e teve boa atuação contra a Ponte. Foi coroado com um golaço.

Guilherme – meia – Corinthians – 7,5

Outro que estava devendo grande atuação. Pagou a ‘dívida’ contra a Macaca. Melhor jogador em campo e muita categoria em golaço de fora da área.

Luan – meia-atacante – Grêmio – 7,5

Rápido, habilidoso e sagaz para encontrar seus atalhos dentro de campo. Chamou a responsabilidade e marcou dois bonitos gols no Independência.

Keno – atacante – Santa Cruz – 7,5

Forma uma dupla terrível com Grafite, complementando o poder do companheiro. Deu uma assistência e deixou o seu contra o Cruzeiro.

Neilton – atacante – Botafogo – 7,5

Saiu do banco de reservas para decidir a partida para o Fogão. Mostrou poder de conclusão ao marcar o gol da vitória de seu time.

Grafite – atacante – Santa Cruz – 8,0 (CRAQUE)

Pela terceira partida seguida marcou dois gols. Um de pênalti, que ele mesmo sofreu, e outro com direito a jogada individual e cavadinha em Fábio. Artilheiro isolado do Brasileirão.

Técnico: Milton Mendes – Santa Cruz – 8,0

Comanda o time há 16 jogos, nos quais ainda não foi derrotado. Nesse período levou dois títulos e em três rodadas do Brasileirão já mostra serviço, com a liderança e o melhor ataque. Contra o Cruzeiro, montou equipe mais uma vez eficiente que aproveitou as chances e goleou.



MaisRecentes

É possível admirar o estilo Fernando Diniz no São Paulo sem ser um Dinizete fanático



Continue Lendo

Corinthians vai de ‘melhor técnico do Brasil’ ao alto risco de eliminação no Paulista



Continue Lendo

Empolgação ou desonestidade? Estreia no Paulista pareceu rodada da Premier League



Continue Lendo