Palmeiras e Santos sobram e dominam a Seleção LANCE! da 1ª Rodada do Paulistão-2018



Palmeiras e Santos foram os destaques da Seleção da 1ª Rodada do Paulistão-2018 (Foto: Montagem)

Depois de apenas duas semanas de pré-temporada dos grandes clubes, o Campeonato Paulista começou e com ele não veio o futebol de alto nível, como já era esperado. No entanto, ainda assim tivemos alguns destaques, principalmente de Palmeiras e Santos, que dominaram a Seleção da 1ª Rodada do Paulistão-2018.

Por parte do Verdão, quatro jogadores estiveram no selecionado. São eles: o volante Felipe Melo, o meia Lucas Lima, e os atacantes Keno e Willian. Os quatro foram os diferenciais na vitória sobre o Santos André, por 3 a 1, no Allianz Parque.

Já o Peixe foi representado também por quatro personagens: o zagueiro Lucas Veríssimo, o meia Vecchio, o técnico Jair Ventura e o atacante Arthur Gomes, Craque da Rodada, após marcar dois gols no triunfo sobre o Linense, fora de casa.

O São Bento também teve seu destaque, levando dois jogadores para a lista dos melhores: o lateral-direito Régis Souza e o lateral-esquerdo Marcelo Cordeiro, que contribuíram para a vitória por 2 a 0 sobre o São Paulo, em Sorocaba.

Completam a Seleção o goleiro Júlio César, do Red Bull, e o zagueiro Guilherme Mattis, do Bragantino.

IMPORTANTE: A Seleção da Rodada, como sempre, é definida de acordo com as notas dadas pela redação do LANCE! durante a cobertura dos jogos do campeonato. Entram na lista os jogadores que receberam a melhor avaliação em sua posição.

Técnico: Jair Ventura – Santos – 7,5

Confira as notas e os desempenhos de cada um dos integrantes:

Júlio César – goleiro – Red Bull – 7,0

Fechou o gol e fez pelo menos seis boas defesas que garantiram um empate contra a Ferroviária.

Régis Souza – lateral-direito – São Bento – 6,5

Vai sempre muito bem contra o São Paulo, foi uma arma pela direita e deu passe para o primeiro gol do time.

Lucas Veríssimo – zagueiro – Santos – 7,0

Iniciou a temporada com o pé direito e uma grande apresentação. Ajudou a equipe a não levar gol.

Guilherme Mattis – zagueiro – Bragantino – 6,5

Outro zagueiro que fez grande partida na primeira rodada. Foi um dos que mais rebateu e deu mais segurança ao time.

Marcelo Cordeiro – lateral-esquerdo – São Bento – 6,5

Experiente, leva o time consigo com boa atuação na defesa e ajuda ao ataque. Fez parte da jogada ensaiada no gol de falta.

Felipe Melo – volante – Palmeiras – 7,5

Talvez tenha feito a sua melhor partida com a camisa do Verdão. Muito bem na marcação e nos lançamentos. Um deles brilhante, que originou o primeiro gol da equipe.

Vecchio – meia – Santos – 8,0

Participou diretamente dos três gols do Peixe. Ditou o ritmo do meio-campo e assumiu a responsabilidade após a saída de Bruno Henrique, machucado.

Lucas Lima – meia – Palmeiras – 7,5

Estreia fantástica do novo meia palmeirense, não poderia ser melhor. Marcou um golaço e, após tabela, deu ótimo passe para o gol de Keno.

Keno – atacante – Palmeiras – 7,5

Entrou no segundo tempo, mas mudou a partida que estava ficando perigosa para o Verdão. Quase marcou um golaço e em seguido deixou a sua marca. Mostrou ser uma peça importante no esquema.

Arthur Gomes – atacante – Santos – 8,0 (CRAQUE)

Substituiu Bruno Henrique, machucado, e deu conta do recado. Marcou duas vezes e foi fundamental para a vitória por 3 a 0 sobre o Linense.

Willian – atacante – Palmeiras – 7,5

Como sempre, não decepciona. Com oportunismo, marcou o primeiro gol e participou do lance do segundo ao desarmar no meio-campo e entregar para Borja.

Técnico: Jair Ventura – Santos – 7,5

Mesmo com todas as limitações, a falta de reforços, o pouco tempo de trabalho e a perda precoce de Bruno Henrique na partida, seu time fez uma grande estreia e venceu de forma incontestável.



MaisRecentes

É possível admirar o estilo Fernando Diniz no São Paulo sem ser um Dinizete fanático



Continue Lendo

Corinthians vai de ‘melhor técnico do Brasil’ ao alto risco de eliminação no Paulista



Continue Lendo

Empolgação ou desonestidade? Estreia no Paulista pareceu rodada da Premier League



Continue Lendo