Palmeiras domina Seleção LANCE! do Paulistão-2018, mas Corinthians fica com a taça



Tudo parecia conspirar a favor do título palmeirense: a vantagem, o elenco, o jogo da volta dentro de casa, o retrospecto em decisões contra o rival… No entanto, como o diz o clichê, ninguém vence de véspera e o Corinthians mostrou isso no último domingo no Allianz Parque. Vitória no tempo normal com gol logo no primeiro lance do duelo, garantia do placar até o último segundo da partida e precisão nas cobranças de pênalti*.

Como prova de que a final é um campeonato à parte, basta observar que a Seleção LANCE! do Paulistão-2018 foi dominada por jogadores do Palmeiras. Isso porque a melhor campanha na primeira fase e boas apresentações no mata-mata acabaram por aumentar as notas dos oito personagens do Verdão presentes na lista. (Veja a lista completa na galeria acima)

Campeão, o Timão fez uma fase de classificação bastante irregular, assim como a etapa eliminatória do torneio, e foi representado por somente três atletas: Balbuena, Maycon e Rodriguinho. Todos essenciais para a conquista do título. Cássio, responsável direto pelas vitórias nos pênaltis sobre São Paulo e Palmeiras, não tinha notas boas antes da fase final, e não conseguiu superar Jailson na média geral.

Completa o selecionado o zagueiro Lucas Veríssimo, do Santos, premiado por sua regularidade durante toda a competição estadual. Foi o único jogador a se “infiltrar” entre os finalistas.

Borja, artilheiro do campeonato com sete gols, teve também a melhor média de notas na Seleção LANCE! e terminou como o Craque do Paulistão-2018.

IMPORTANTE: A Seleção do Paulistão, como sempre, é definida de acordo com a média das notas dadas pela redação do LANCE! durante a cobertura dos jogos do campeonato. Entram na lista aqueles que tiveram a melhor média entre os jogadores de sua posição e atuaram em mais de 50% dos jogos de seus times.

Técnico: Roger Machado – Palmeiras – 6,4

*O blog reconhece, mas não comentará as polêmicas de arbitragem neste post



MaisRecentes

Palmeiras e Rojas fecham Brasileirão no topo da lista de amarelos por reclamação



Continue Lendo

No Brasileirão-2018, 67% dos jogos no Rio de Janeiro tiveram prejuízo com bilheteria



Continue Lendo

Brasileirão-2018 termina com a pior média de gols dos pontos corridos



Continue Lendo