Melhor visitante venceu 73% das edições do Brasileirão por pontos corridos



Palmeiras é o melhor visitante da temporada entre os clubes da Série A em 2018 (Foto: Cesar Greco/Palmeiras)

O Campeonato Brasileiro pode não ser aquele que mais apresenta a beleza do esporte, nem o que mais exala credibilidade, muito menos o que se mostra mais organizado, mas é um dos mais equilibrados do mundo. Para ser campeão não há uma fórmula definida, mas há alguns eventos que se repetem e merecem atenção, como o aproveitamento fora de casa. Isso porque 11 dos 15 campeões na era dos pontos corridos tiveram a melhor campanha como visitantes.

A importância de somar pontos longe de seus domínios tem sido tão grande nesse período que supera até mesmo o desempenho dentro de casa. Apenas seis campeões foram os melhores mandantes do campeonato. O aproveitamento como visitante só é menos importante do que ser líder do primeiro turno. Das 15 edições, em 12 o campeão foi a equipe com o melhor desempenho na primeira metade do campeonato.

De acordo com os números dos campeões da era dos pontos corridos, o aproveitamento mínimo como visitante foi de 47,4% dos pontos disputados, registrado pelo Flamengo, em 2009, que não foi o melhor nesse quesito naquela edição, posto ocupado pelo Cruzeiro, que teve 56,10%. Na teoria, o clube teria de conquistar, no mínimo, 27 pontos jogando fora de casa para poder brigar pelo título.

Nos últimos sete Brasileiros, os sete campeões tiveram o melhor desempenho como visitante da competição. O Fluminense, em 2012, atingiu o melhor aproveitamento fora de casa na era dos pontos corridos com 68,4% dos pontos disputados e apenas duas derrotas. O Tricolor carioca, inclusive, conquistou 38 pontos como mandante, um a menos do que longe de casa.

Desempenho Visitantes no Brasileirão na era dos pontos corridos



MaisRecentes

Venha sem preconceitos, pois precisamos falar da fase de Felipe Melo no Palmeiras



Continue Lendo

No futebol nossa torcida é mais contra ou a favor? Até que ponto a paixão nos cega?



Continue Lendo

Mesmo sem estar com a barriga cheia, Palmeiras parece não ter fome em 2019



Continue Lendo