Interior se destaca e domina a Seleção da 7ª Rodada do Paulistão



Confira a Seleção da 7ª Rodada do Paulistão

Confira a Seleção da 7ª Rodada do Paulistão (Crédito: Arte Lance!)

A Seleção da 7ª Rodada, pela primeira vez nesta edição do Paulistão, traz um time com apenas um jogador proveniente dos times considerados grandes. Trata-se de Rodriguinho, salvador do Corinthians no final de semana.

O Red Bull Brasil, sem dúvidas, foi o destaque, uma vez que enfrentou o Santos, talvez o grande que tenha jogado melhor na rodada, e venceu cirurgicamente. Os zagueiros Anderson Marques e Diego Sacoman, o atacante Roger e o meia-atacante Thiago Galhardo, o craque, foram os representantes da equipe campineira.

A Ponte Preta levou dois jogadores para a Seleção. Reinaldo, autor do gol da vitória sobre o São Paulo e Jonas, um carrapato na marcação de Ganso. Já a Ferroviária, que derrubou o Palmeiras no Allianz, garantiu a presença de Rafinha, iluminado, e do técnico português Sérgio Vieira, em outra bela atuação.

Completam o selecionado o goleiro Neneca, do Botafogo, o lateral Léo Príncipe, do Oeste e o atacante Marcelinho, do Ituano.

Confira o desempenho e as notas de cada um:

Neneca – goleiro – Botafogo – 7,0

Defendeu um pênalti e fez outras defesas complicadas que garantiram um ponto contra o Rio Claro.

Léo Príncipe – lateral-direito – Oeste – 7,0

Foi talvez o único jogador do Oeste a ter tentado algo diferente da proposta de marcação. Um dos melhores da partida.

Anderson Marques – zagueiro – Red Bull Brasil – 7,0

Fez um gol mal anulado. Foi bem nas jogadas aéreas defensivas e foi um dos responsáveis por parar a artilharia pesada do Santos.

Diego Sacoman – zagueiro – Red Bull Brasil – 7,0

Sem inventar, foi outro a parar as investidas do Peixe com sucesso. Deu conta do recado por baixo e por cima.

Reinaldo – lateral-esquerdo – Ponte Preta – 7,0

Emprestado pelo São Paulo, foi o melhor da partida contra seu ex-clube, fez o gol e quase marcou outro de falta.

Jonas – Volante – Ponte Preta – 6,5

Marcação implacável contra o São Paulo, desarmes precisos e ainda não deixou Ganso pensar ou jogar no meio.

Rodriguinho – meia – Corinthians – 7,0

Alguns passes laterais, mas com pouca efetividade. No fim fez o gol da vitória e foi o escolhido para ser o iluminado da vez no Corinthians.

Thiago Galhardo – meia-atacante – Red Bull Brasil – 7,5 (CRAQUE)

No gol, ótima tabela e tranquilidade para finalizar. Ainda participou da jogada que gerou o segundo tento do Red Bull.

Rafinha – atacante – Ferroviária – 7,0

Entrou no final, mas com tempo suficiente para decidir. Aproveitou boa jogada do companheiro para fazer o gol da vitória.

Marcelinho – atacante – Ituano – 7,0

Comandou a virada do Ituano sendo participativo nas jogadas de ataque e convertendo dois pênaltis.

Roger – atacante – Red Bull Brasil – 6,5

Veterano, esperou o melhor momento para ser efetivo. Deu assistência para gol de Thiago Galhardo e fez o seu no fim.

Técnico: Sérgio Vieira – Ferroviária – 7,0

Deu uma aula tática no Allianz Parque. Mais uma vez enfrentou um clube grande e não se intimidou. Foi superior e dessa vez venceu.



  • JORGINHO FJUNIOR

    FICA COM EDILSON E LÉO PRINCIPE VOANDO… VAI ENTENDER!

  • Donizeti Rodrigues

    Alexandre, volta pro banco da escola que na chamada da matéria, na pagina principal do portal, vc escreveu: “deram espaço para o brilhos dos jogadores do interior do estado”. O brilhoS??????? francaralhamente………

MaisRecentes

Neymar e Lucas disputam a artilharia entre brasileiros da elite europeia



Continue Lendo

Público do Santos no Paca só perde para o do Palmeiras no Allianz; Na Vila é quatro vezes menor



Continue Lendo