Gilberto é o Craque e São Paulo domina a Seleção da 2ª Rodada de Quartas do Paulistão-2017



Com três grandes e a Ponte Preta, as semifinais do Paulistão-2017 estão definidas. Se São Paulo, Palmeiras e Corinthians fizeram valer o peso de suas camisas, o Santos encontrou um páreo muito mais duro e ficou pelo caminho. Mérito da Macaca.

Quem sobrou nas quartas, com auxílio de um adversário frágil e por jogar as duas partidas em sua casa, foi o São Paulo. O time de Rogério Ceni forneceu cinco personagens à Seleção da 2ª Rodada de Quartas de Final do Paulistão, após golear o Linense por 5 a 0.

São eles o lateral-direito Buffarini, os volantes Jucilei e Thiago Mendes, o meia Thomaz e o centroavante Gilberto, o Craque da Rodada.

Já o Corinthians contribuiu com três jogadores: O zagueiro Pablo, o lateral-esquerdo Guilherme Arana e o meia Jadson.

O Palmeiras incluiu seu técnico Eduardo Baptista, o zagueiro Mina e o meia Guerra entre os melhores da volta das quartas.

Completa a Seleção o goleiro Aranha, da Ponte Preta.

IMPORTANTE: A Seleção das Quartas de Final, como sempre, é definida de acordo com as notas dadas pela redação do LANCE! durante a cobertura dos jogos do campeonato. Entram na lista os jogadores que receberam a melhor avaliação em sua posição.

Seleção da 2ª Rodada de Quartas de Final do Paulistão-2017

Seleção da 2ª Rodada de Quartas de Final do Paulistão-2017 com Gilberto como Craque

Confira a nota e o desempenho de cada um dos jogadores:

Aranha – goleiro – Ponte Preta – 7,5

Além de ter feito boas defesas no tempo normal, pegou pênalti e virou o herói da classificação da Macaca.

Buffarini – lateral-direito – São Paulo – 6,5

Talvez tenha feito seu melhor jogo na temporada e foi quem mais desarmou no Tricolor.

Mina – zagueiro – Palmeiras – 7,0

Não basta ser zagueiro, ele quer atacar. Foi implacável atrás e ainda tentou marcar um golaço.

Pablo – zagueiro – Corinthians – 7,5

É o melhor e mais constante jogador do Timão, contra o Botafogo-SP, mais uma atuação irretocável.

Guilherme Arana – Corinthians – 7,0

Contra o Pantera, teve atuação equilibrada na defesa e no ataque. Impediu jogada forte do adversário pelo seu lado.

Jucilei – volante – São Paulo – 7,0

Estava no banco, poupado, mas precisou entrar ainda no primeiro tempo e deu outra cara à partida. Também deu belíssimo passe para Thiago Mendes.

Thiago Mendes – volante – São Paulo – 8,0

Partidaça do meio-campista, principalmente no ataque com infiltrações letais. Marcou dois gols e ainda poderia ter feito mais.

Jadson – meia – Corinthians – 7,5

É o jogador diferenciado dentro de uma equipe limitada. Não à toa decidiu a partida com um passe na cabeça de Rodriguinho.

Thomaz – meia – São Paulo – 7,5

Estreou como titular em grande estilo, criou boas oportunidades, deu assistência para Thiago Mendes e marcou o seu.

Guerra – meia – Palmeiras – 7,0

Melhor partida com a camisa do Verdão, abusou dos passes de primeira, jogou livre e deu assistência para Borja marcar.

Gilberto – atacante – São Paulo – 8,5

Destoou dos demais na rodada, estava inspiradíssimo e brilhou contra o Linense. Marcou dois gols, o primeiro deles um golaço e ainda deu assistência para Thomaz.

Técnico: Eduardo Baptista – Palmeiras – 7,0

Seu time é o melhor dos semifinalistas e foi o melhor das quartas, jogou fácil contra o Novorizontino e visivelmente não usou todo o seu arsenal.



MaisRecentes

No Brasileirão, Corinthians se dá melhor quando não tem vantagem na posse de bola



Continue Lendo

Aproveitamento do Corinthians na temporada 2017 seria Top 10 na elite da Europa



Continue Lendo

Corinthians é o time que menos (e melhor) utiliza jogadores no Brasileirão-2017



Continue Lendo