Fluminense passa dos R$ 3 milhões de prejuízo e clubes do Rio têm saldo negativo no Brasileirão



Já está ficando repetitivo, mas não tem jeito, os números falam mais alto a cada rodada do campeonato. Com mais um resultado negativo na bilheteria após a partida contra a Ponte Preta, o Fluminense acumula mais de R$ 3 milhões de prejuízo no Brasileirão. Foi a 16ª vez na competição em que o Tricolor carioca teve mais despesas do que receitas em um jogo. (Veja na galeria acima todos os jogos em que o Fluminense teve prejuízo no Brasileirão)

Mas esse rombo financeiro não é apenas do Flu. Se somarmos a renda bruta de todos os quatro grandes do Rio de Janeiro (R$ 32.675.518,00) e subtrairmos as despesas de todos os jogos do Brasileirão no estado (R$ 33.080.954,69), teremos um saldo negativo de mais R$ 400 mil.

Relação entre Renda Bruta e Renda Líquida dos clubes do Rio de Janeiro no Brasileirão-2017

Botafogo, Flamengo e Vasco também se destacam no quesito quantidade de partidas com prejuízo. Dos 76 jogos que tiveram renda líquida negativa no Brasileirão, 44 foram com mando de campo de um dos quatro cariocas, o que significa quase 60% do total, número alto se considerarmos uma lista que reúne outros clubes com menor apelo.

Ranking de Prejuízos do Brasileirão-2017

Outro fator que chama a atenção quando falamos do aspecto financeiro é o ranking de renda líquida do Brasileirão. Apenas três clubes não acumulam saldo positivo na competição, dois deles são do Rio de Janeiro: Botafogo e Fluminense, além da Ponte Preta, representante do estado de São Paulo.

Ranking de Renda Líquida do Brasileirão-2017 até a 36ª Rodada



MaisRecentes

A cada dez jogos de clubes de Série A em 2018, três tiveram prejuízo com bilheteria



Continue Lendo

Borja brilha, Palmeiras atropela o Bahia e domina a Seleção da 6ª Rodada do Brasileirão-2018



Continue Lendo

Mais de 30% das partidas dos clubes de Série A tiveram prejuízo com bilheteria



Continue Lendo