Em fase turbulenta, São Paulo registra sequência de prejuízos e piores públicos no Morumbi



Público pequeno no Morumbi, levou São Paulo a ter prejuízo na bilheteria (Foto: Mauricio Rummens/Fotoarena/Lancepress!)

Público pequeno contra o Coritiba, no Morumbi, levou o São Paulo a ter prejuízo na bilheteria (Foto: Mauricio Rummens/Fotoarena/Lancepress!)

Como tem sido possível ver, a má fase do São Paulo não está apenas dentro de campo. Isso, inclusive, tem sido refletido nas arquibancadas do Morumbi, que receberam poucos torcedores recentemente. Nas duas últimas partidas como mandante, contra o Juventude, pela Copa do Brasil, e contra o Coritiba, pelo Brasileirão, foram registrados os piores públicos do estádio em 2016. Veja a lista:

1.São Paulo 1 x 2 Juventude – 6.643 pagantes – Morumbi – Copa do Brasil
2.São Paulo 0 x 0 Coritiba – 7.836 pagantes – Morumbi – Brasileirão
3.São Paulo 3 x 0 América-MG – 8.198 pagantes – Morumbi – Brasileirão
4.São Paulo 2 x 1 Oeste – 10.052 pagantes – Morumbi – Paulistão
5.São Paulo 2 x 1 Fluminense – 10.323 pagantes – Morumbi – Brasileirão

Conforme vimos acima, outros três públicos tiveram números decepcionantes, mas ainda não haviam trazido prejuízo ao clube. Sim, é verdade, o total arrecadado com bilheteria nesses últimos dois confrontos em casa não foi suficiente para cobrir as despesas do estádio e da realização partida, ou seja, duas rendas líquidas negativas em sequência. Confira:

São Paulo 1 x 2 Juventude – (-R$ 51,690,57) – Morumbi – Copa do Brasil
São Paulo 0 x 0 Coritiba – (-R$ 5.919,65) – Morumbi – Brasileirão

Contra o Juventude, foi a primeira vez na temporada que o borderô de uma partida no Morumbi apresentou prejuízo, a segunda foi logo em seguida, no duelo contra o Coritiba. No entanto, no Paulistão, quando o Tricolor mandou a grande maioria de seus jogos no Pacaembu, foram três as partidas que não registraram resultado positivo:

São Paulo 2 x 0 Mogi Mirim – (-R$ 121.086,03) – Pacaembu – Paulistão (2.297 pagantes)
São Paulo 2 x 0 Novorizontino – (-R$ 101.423,23) – Pacaembu – Paulistão (3.293 pagantes)
São Paulo 1 x 0 Botafogo-SP – (-R$ 131.120,83) – Pacaembu – Paulistão (3.070 pagantes)

A esperança são-paulina de retomar sua relação com a torcida é no próximo jogo em casa, contra o Figueirense, dia 11/9, um domingo, às 11h, horário que traz bons números ao clube. Neste ano, 54.996 pagantes estiveram no Morumbi para assistir à São Paulo e Chapecoense, o maior público do campeonato até aqui. Já em 2015, contra o Coritiba, 59.482 torcedores foram ao estádio logo pela manhã para registrar o segundo maior público da edição anterior da competição. Observe:

São Paulo 2 x 2 Chapecoense – 54.996 pagantes – Morumbi – Brasileirão-2016
São Paulo 3 x 1 Coritiba – 59.482 pagantes – Morumbi – Brasileirão-2015



MaisRecentes

Chapecoense bate o Inter e se destaca na Seleção da 25ª Rodada do Brasileirão-2018



Continue Lendo

Palmeiras x Corinthians foi o jogo mais ‘caro’ do Brasileirão-2018; veja a lista



Continue Lendo

Palmeiras, São Paulo, Flamengo e Fluminense dominam a Seleção da 24ª Rodada do Brasileirão-2018



Continue Lendo