Despesas dos jogos no Pacaembu consumiram 90% do arrecadado com bilheteria neste Paulistão



Pacaembu sediou 13 jogos neste Paulistão, mas os custos do estádio não são atraentes (Foto: Carlos Nardi/WPP/Lancepress!)

Pacaembu sediou 13 jogos neste Paulistão, mas os custos do estádio não são atraentes (Foto: Carlos Nardi/WPP/Lancepress!)

Com a inauguração da Arena Corinthians e a reinauguração do Allianz Parque, têm se tornado cada vez menos frequentes os jogos sediados no Pacaembu. Até mesmo os clássicos que eram marcados para o local não mais têm essa preferência, a não ser que haja necessidade de utilizá-lo, como fez o São Paulo no começo deste ano por conta da reforma no gramado do Morumbi, e o Palmeiras, em virtude dos shows em sua Arena.

Os números apresentados pelas bilheterias dos jogos sediados no Paulo Machado de Carvalho, válidos pelo Paulistão (13 ao todo), não trouxeram bons sinais aos cofres dos clubes que estiveram por lá, pelo contrário. As despesas com o estádio consumiram 91,5% da renda bruta total arrecadada, ou seja, dos R$ 4.426.981,50 faturados em venda de ingressos, apenas R$ 375.276,01 sobraram como valor líquido. Veja os dados na tabela:

Tabela com os dados dos borderôs de cada jogo no Pacaembu neste Paulistão. Em destaque a porcentagem de despesas em cima da renda bruta

Tabela com os dados dos borderôs de cada jogo no Pacaembu neste Paulistão. Em destaque a porcentagem de despesas em cima da renda bruta

O São Paulo foi o mais afetado com um prejuízo acumulado de R$ 94.719,68 nas sete partidas que mandou no Pacaembu. Já o Palmeiras ficou com 22% da renda bruta em quatro jogos e o Santos ficou com 13% da arrecadação em dois duelos. Confira a tabela de cada um dos três clubes como mandantes no estádio municipal:

Tabela com os jogos de cada clube no Pacamebu e seus respectivos dados de borderô. Em destaque, a porcentagem de despesas em cima da renda bruta

Tabela com os jogos de cada clube no Pacaembu e seus respectivos dados de borderô. Em destaque, a porcentagem de despesas em cima da renda bruta

Com esses números, o Pacaembu se torna cada vez menos atraente aos clubes que gostariam de mandar suas partidas por lá. O Tricolor, em outras palavras, acabou pagando para jogar. O Verdão lucrou muito menos do que no Allianz, assim como o Peixe na Vila.



  • Gigante da América

    Tem q doar p Pacaembú p as sardinhas pq aquela vila é uma porcaria

MaisRecentes

Juntos, Corinthians e Palmeiras chegam a R$ 50 milhões em bilheteria no Brasileirão-2017



Continue Lendo

Botafogo e Flamengo têm novo prejuízo e cariocas ainda não lucraram no segundo turno



Continue Lendo

Cueva brilha e São Paulo domina a Seleção da 24ª Rodada do Brasileirão-2017



Continue Lendo