De Arrascaeta brilha em clássico e é o Craque da Seleção da 7ª Rodada do Brasileirão



Confira a Seleção da 7ª Rodada do Brasileirão-2016

Confira a Seleção da 7ª Rodada do Brasileirão-2016 (Crédito: Arte Lance!)

Em uma rodada marcada pela indisciplina, com 62 cartões amarelos e sete expulsões, ainda assim o futebol também acabou aparecendo. Tivemos dois clássicos emocionantes, viradas, empates nos minutos finais e alguns golaços para encher os olhos.

Sem uma equipe com grande destaque na rodada, a Seleção foi composta por jogadores de oito times diferentes. Três deles forneceram dois jogadores cada. O Figueirense levou Rafael Moura que marcou o golaço da vitória sobre o Flamengo e Gatito Fernández que a garantiu.

Já o Internacional foi representado pelo lateral-direito William (duas assistências) e pelo goleador Aylon (dois gols). O Cruzeiro, por sua vez, teve Bruno Rodrigo (autor do gol da vitória) e De Arrascaeta, Craque absoluto da rodada, que só faltou fazer chover no clássico contra o Atlético-MG.

Completam a Seleção o zagueiro Victor Ramos, do Vitória, o lateral-esquerdo Zeca, do Santos, o volante Hernani, do Atlético-PR, o meia Diego Souza, do Sport e o meia Cleiton Xavier, do Palmeiras.

A Seleção da Rodada, como sempre, é definida de acordo com as notas dadas pela redação do LANCE! durante a cobertura dos jogos do Brasileirão. Entram na lista os jogadores que receberam a melhor avaliação em sua posição.

Confira as notas e o desempenho de cada um dos integrantes:

Gatito Fernández – goleiro – Figueirense – 7,5

Fez ao menos seis defesas durante a partida contra o Flamengo, algumas delas mais do que decisivas para a manutenção do resultado de 1 a 0.

William – lateral-direito – Internacional – 7,0

Tem sido um dos principais nomes do Inter. Consistente na defesa e eficaz no atacante. Mais duas assistências para a conta, dessa vez contra o América-MG.

Victor Ramos – zagueiro – Vitória – 7,0

Marcou o gol de empate do Vitória contra o Botafogo já nos últimos minutos da partida, fora de casa. Salvou seu time de derrota.

Bruno Rodrigo – zagueiro – Cruzeiro – 7,0

Outro zagueiro responsável positivamente pelo placar. No clássico contra o Atlético-MG fez, de cabeça, o tento que garantiu o triunfo para a Raposa.

Zeca – lateral-esquerdo – Santos – 7,0

Além de sua tradicional regularidade tanto na defesa quanto no ataque, marcou um golaço pegando chute de primeira de fora da área.

Hernani – volante – Atlético-PR – 7,0

Entrou no segundo tempo, mas foi o autor do gol que decretou a virada e a vitória de seu time sobre o São Paulo, no Morumbi.

Diego Souza – meia – Sport – 7,0

Apesar da derrota para o Coritiba, parecia jogar sozinho pelo Sport. Ainda assim marcou dois gols, que não foram suficientes para mudar o resultado.

De Arrascaeta – meia – Cruzeiro – 8,5 (CRAQUE)

Assumiu a responsabilidade no clássico e desde o início foi participativo, tentando decidir a partida. Ele conseguiu. Deu assistência para os três gols do Cruzeiro e não teve concorrência para o Craque da rodada.

Cleiton Xavier – meia – Palmeiras – 7,0

Saiu do banco de reservas para fazer o gol da vitória palmeirense sobre o Corinthians. Além disso conseguiu dosar a posse bola e criar chances.

Aylon – atacante – Internacional – 7,5

Vem cavando sua posição como titular do time e foi novamente decisivo. Dessa vez marcou dois gols na vitória sobre o América-MG

Rafael Moura – atacante – Figueirense – 7,0

Principal jogador e capitão do Figueirense, assumiu esse status e definiu a vitória de seu time com um golaço sobre o Flamengo.

Técnico: Paulo Autuori – Atlético-PR – 7,5

Foi o verdadeiro responsável pela vitória de virada sobre o São Paulo. Time não conseguiu jogar em um monótono primeiro tempo dominado pelo adversário. Mudou a equipe na segunda etapa e aproveitou o relaxamento tricolor para conseguir o êxito, fora de casa.



MaisRecentes

É possível admirar o estilo Fernando Diniz no São Paulo sem ser um Dinizete fanático



Continue Lendo

Corinthians vai de ‘melhor técnico do Brasil’ ao alto risco de eliminação no Paulista



Continue Lendo

Empolgação ou desonestidade? Estreia no Paulista pareceu rodada da Premier League



Continue Lendo