Coutinho faz sua temporada mais artilheira e fica entre os brasileiros com mais gols



Philippe Coutinho é um dos brasileiros com mais gols na atual temporada da elite europeia (Foto: Stringer/AFP)

Philippe Coutinho é uma das maiores esperanças do Brasil na Copa do Mundo da Rússia e fez uma temporada digna desse status. Apesar de ter ido para o Barcelona no meio da temporada e visto seu ex-clube, o Liverpool, ir para a final da Liga dos Campeões, seus números foram excelentes, tanto é que os 21 gols marcados em 2017/2018 representam sua melhor marca desde que fez sua estreia na Europa.

Mas não é só. O meia-atacante também é o terceiro brasileiro com mais gols entre aqueles que atuam por clubes da elite europeia (Alemanha, Espanha, França, Inglaterra e Itália), ficando atrás apenas de Roberto Firmino, com 27, e Neymar, com 28. Gabriel Jesus, outro que está na lista de Tite para a Copa, fechou a temporada com 17 tentos.

Coutinho balançou a rede 12 vezes pelo Liverpool e outras nove pelo Barcelona, sendo três na derrota por 5 a 4 para o Levante, no último domingo. O ex-vascaíno chegou ao Velho Continente em 2010/2011, para jogar na Inter de Milão. De lá foi emprestado para o Espanyol, em 2011/2012, voltou para a Itália na temporada seguinte e meses depois foi vendido para o Liverpool, clube em que se consolidou e virou desejo do Barcelona.

Antes da temporada atual, o melhor ano de Coutinho havia sido 2016/2017, quando marcou 14 gols. Já em 2015/2016, o meia-atacante anotou 12 tentos e ajudou o Liverpool a estar na final da Liga Europa, na qual foi derrotado pelo Sevilla. Nesse último ciclo de Copa, ao todo, o camisa 14 do Barça balançou a rede em 55 oportunidades na partidas oficias por clubes na Europa.

Veja o número de gols de Coutinho temporada a temporada e sua posição no ranking de brasileiros:



MaisRecentes

Corinthians x Cruzeiro registra a maior renda do Brasil em 2018; veja ranking



Continue Lendo

Rodada do Brasileirão-2018 tem maior público pagante desde a edição 2015



Continue Lendo

Destino antes incomum, Inglaterra passa a ser refúgio brasileiro na Europa



Continue Lendo