Coritiba manda São Paulo para o Z4 e domina a Seleção da 18ª Rodada do Brasileirão-2017



Os dois clubes paranaenses do Campeonato Brasileiro foram destaques da rodada desse meio de semana. O Atlético-PR goleou o Avaí por 5 a 0, na Arena da Baixada, e o Coritiba brilhou no Morumbi ao vencer o São Paulo por 2 a 1. Com os resultados ambos se afastaram do Z4 e mandaram o Tricolor paulista para a zona da degola. Não é à toa que eles formam a base da Seleção da 18ª Rodada do Brasileirão-2017.

O Coxa foi representado por quatro personagens. O goleiro Wilson, o zagueiro Márcio, o atacante Rildo e o técnico Marcelo Oliveira. Já o Furacão forneceu dois atletas para a o selecionado. O volante Eduardo Henrique e o meia-atacante Guilherme, o Craque da Rodada.

Outro destaque foi o Vitória, que venceu a Ponte Preta por 3 a 1, no Barradão. Por isso, o time baiano tem dois jogadores entre os melhores da rodada. Os atacante Neilton e o colombiano Tréllez.

Completam a Seleção o lateral-direito Daniel Guedes, do Santos, o zagueiro Renato Chaves, do Fluminense, o lateral-esquerdo Egídio, do Palmeiras e o meia Rodriguinho, do Corinthians.

IMPORTANTE: A Seleção da Rodada, como sempre, é definida de acordo com as notas dadas pela redação do LANCE! durante a cobertura dos jogos do Brasileirão. Entram na lista os jogadores que receberam a melhor avaliação em sua posição.

Técnico: Marcelo Oliveira - Coritiba - 7,0

Técnico: Marcelo Oliveira – Coritiba – 7,0

Confira as notas e os desempenhos de cada integrante da Seleção:

Wilson – goleiro – Coritiba – 7,5

Fez defesas inacreditáveis na vitória por 2 a 1 sobre o São Paulo, no Morumbi. Foram pelo menos quatro intervenções difíceis.

Daniel Guedes – lateral-direito – Santos – 7,5

Vinha fazendo uma boa partida na marcação e no apoio, mas foi decisivo ao puxar contra-ataque e fazer o cruzamento para o gol de Ricardo Oliveira, o da vitória.

Renato Chaves – zagueiro – Fluminense – 6,5

Voltou ao time titular depois de muito tempo e foi premiado com um gol de cabeça, o segundo do Flu no empate com o Sport, fora de casa.

Márcio – zagueiro – Coritiba – 6,5

Foi praticamente impecável no jogo aéreo e nas disputas com Pratto. Teve tranquilidade também para sair com a bola para o ataque.

Egídio – lateral-esquerdo – Palmeiras – 7,0

Após críticas nos últimos jogos, teve grande atuação contra o Botafogo ao participar dos lances dos dois gols do Verdão.

Eduardo Henrique – volante – Atlético-PR – 7,0

Saiu do banco de reservas para marcar dois gols na goleada por 5 a 0 sobre o Avaí, na Arena da Baixada.

Rodriguinho – meia – Corinthians – 7,5

Fez o que quis no comando da criação no meio-campo corintiano. Teve espaço e dificilmente foi desarmado. Em grande atuação, foi coroado com um belo gol após jogada coletiva e seu talento individual na conclusão.

Guilherme – meia – Atlético-PR – 8,0 (CRAQUE)

Voltou ao time titular após quase três meses e não decepcionou. Marcou dois gols de muito oportunismo e ainda deu assistência para um dos tentos de Eduardo Henrique na goleado sobre o Avaí.

Neilton – atacante – Vitória – 7,5

Teve boa atuação contra a Ponte Preta. Anotou um gol e também deu assistência para um dos tentos de Tréllez.

Rildo – atacante – Coritiba – 7,5

Aterrorizou o lado direito da defesa do São Paulo e participou dos dois lances de gol do Coxa. No primeiro sofreu pênalti de Bruno, e no segundo deu passe preciso para Filigrana marcar.

Trellez – atacante – Vitória – 8,0

No Barradão, motivado pela torcida a favor, mostrou serviço e marcou duas vezes na vitória por 3 a 1 sobre a Macaca.

Técnico: Marcelo Oliveira – Coritiba – 7,0

Foi muito sagaz ao explorar o lado direito da defesa são-paulina com Rildo. Time fez a festa por ali e achou seus dois gols na vitória sobre o Tricolor paulista. Teve problemas em seu setor defensivo e superou os desfalques para resistir à pressão do adversário.



  • Erivaldo Cardoso Ramos

    O próprio lance deu nota 8,0 Bruno Henrique atacante, e na seleção coloca o Rildo com 7,5, jornalistas cheguem a um acordo e se organizem,

    • Denis

      Erivaldo é o que eu disse esses dias esses caras são uma comédia pra dar notas e palpites.

      • Erivaldo Cardoso Ramos

        Fugiram da aula de matematica e lógistica

    • Erivaldo Cardoso Ramos

      E agora que vi o Lucas Verissimo também, teve nota 7,0, enquanto o zagueiro do fluminense Renato Chaves 6,5, estes estagiários estão de brincadeira.

MaisRecentes

No Brasileirão, Corinthians se dá melhor quando não tem vantagem na posse de bola



Continue Lendo

Aproveitamento do Corinthians na temporada 2017 seria Top 10 na elite da Europa



Continue Lendo

Corinthians é o time que menos (e melhor) utiliza jogadores no Brasileirão-2017



Continue Lendo