Novorizontino é o time mais disciplinado do Paulistão; Corinthians dá exemplo



A disciplina é um dos fatores primordiais para a manutenção da espinha dorsal de um time. Estar livre de suspensões ou do perigo de ter um jogador pendurado em campo, faz com que o treinador possa colocar em prática o esquema ideal que tem na cabeça.

Apesar de não estar em boa condição na tabela, o Grêmio Novorizontino, do treinador Guilherme Alves, merece atenção no aspecto disciplinar. Em sete rodadas, a equipe levou apenas nove cartões amarelos e nenhum vermelho. Veja o ranking de cartões amarelos do Paulistão até a 7ª rodada:

Quantidade de cartões mostrados a cada time neste Paulistão

Quantidade de cartões mostrados a cada time neste Paulistão

Não é à toa que o Novorizontino ocupa a primeira posição entre os mais disciplinados, já que é também o time que menos cometeu faltas na competição, com 73 até aqui, média de 10,4 por jogo. Logo atrás do clube de Novorizonte, como pudemos ver, está o Corinthians, com apenas dez cartões amarelos em sua conta. Enquanto isso, no ranking de faltas cometidas, é o terceiro que menos utilizou infrações para parar o jogo no campeonato. Média de 12,6 por partida. Confira na tabela os dados referentes às faltas que cada time cometeu:

Ranking de faltas cometidas no Paulistão 2016 (Fonte: Footstats)

Ranking de faltas cometidas no Paulistão 2016 (Fonte: Footstats)

Tite e seus comandados não são apenas disciplinados em termos táticos e técnicos. Não cometer faltas sem sentido e não levar cartões são itens que fazem parte de uma estratégia e fortalecem a continuidade do trabalho.

Por enquanto o Grêmio Novorizontino não deslanchou na tabela, já que o aspecto disciplinar, sozinho, não ganha jogo, mas Guilherme Alves e companhia têm um belo exemplo de que esse é o caminho certo para a estruturação de um grupo e de um sistema de jogo de sucesso.



MaisRecentes

Cueva é o Craque e Corinthians tem maioria na Seleção da 1ª Fase do Paulistão-2017



Continue Lendo

Brasil não tem jogadores entre os maiores artilheiros da Europa. E daí?



Continue Lendo

No Paulistão, Palmeiras lucra mais por jogo do que o total arrecadado pelo Santos



Continue Lendo