Corinthians, Cruzeiro e Palmeiras dominam a Seleção da 10ª Rodada do Brasileirão-2017



Corinthians e Grêmio fizeram o jogo mais esperado deste primeiro terço do campeonato. Líder e vice-líder se enfrentaram em Porto Alegre e quem levou a melhor foi o time paulista, que venceu por 1 a 0 e também ganhou destaque na Seleção da 10ª Rodada do Brasileirão-2017, com cinco personagens. Ao lado dos corintianos, Cruzeiro e Palmeiras dominaram o selecionado. (Vote abaixo no Cara da 10ª Rodada)

O Timão foi representado pelo decisivo goleiro Cássio, pelo regular lateral-direito Fagner, pelo surpreendente volante Paulo Roberto, pelo preciso meia Jadson e pelo maestro Fábio Carille, como melhor treinador da rodada.

Já a Raposa, que venceu o Coritiba por 2 a 0, fez grande partida no Mineirão e forneceu três atletas para estarem entre os onze melhores: Diogo Barbosa, lateral-esquerdo, Thiago Neves, meia e Rafael Sóbis, atacante.

O Verdão foi até Campinas e derrotou a Ponte Preta por 2 a 1, em jogo duro que quebrou um tabu de mais de quatro anos. O zagueiro Luan estreou como titular e entrou para a Seleção, Guerra, com mais atuação espetacular, foi o Craque da Rodada.

Completam o selecionado o zagueiro Wanderson, do Atlético-PR, e Joel, atacante do Avaí.

IMPORTANTE: A Seleção da Rodada, como sempre, é definida de acordo com as notas dadas pela redação do LANCE! durante a cobertura dos jogos do Brasileirão. Entram na lista os jogadores que receberam a melhor avaliação em sua posição.

Técnico: Fábio Carille - Corinthians

Técnico: Fábio Carille – Corinthians

Confira as notas e os desempenhos de cada integrante da Seleção. Vote também no Cara da Rodada:

Cássio – goleiro – Corinthians – 8,0

Está, talvez, em sua melhor fase técnica de sua carreira. Defendeu pênalti cobrado por Luan em momento decisivo da partida, evitando o empate. Antes disso, fez defesa em lance cara a cara com o próprio Luan. Essencial em confronto direto com o vice-líder.

Fagner – lateral-direito – Corinthians – 6,5

Regularidade impressionante na lateral, dosa muito bem a fase ofensiva e defensiva de seu jogo. Foi um dos atletas que mais desarmou certo na rodada.

Luan – zagueiro – Palmeiras – 7,0

Estreou como titular e fez grande partida contra a Ponte Preta. Não perdeu disputas com os atacantes adversário, foi bem nas recuperações, nas antecipações e nos desarmes por baixo.

Wanderson – zagueiro – Atlético-PR – 7,5

Outra vez se mostrou decisivo para o Furacão. Marcou mais um gol quando foi ao ataque e garantiu a segurança defensiva de seu time.

Diogo Barbosa – lateral-esquerdo – Cruzeiro – 7,5

Há tempos não fazia uma partida tão boa. Quase marcou um golaço em chute de longe e deu passe para o gol de Thiago Neves.

Paulo Roberto – volante – Corinthians – 7,0

Substituiu Gabriel e teve atuação acima das expectativas. Foi seguro na marcação pelo meio, quase marcou após desarme e arrancar para o gol, e deu o passe para Jadson anotar, concluindo grande jogada pela esquerda.

Jadson – meia – Corinthians – 7,5

É o toque de qualidade do time. Qualidade no passe e visão de jogo privilegiada. Estava muito bem colocado para marcar o gol da vitória corintiana sobre o Grêmio.

Guerra – meia – Palmeiras – 8,5 (CRAQUE)

Mais uma partida espetacular do meia venezuelano. Joga com uma facilidade acima da média e decidiu para o Verdão. Marcou dois gols de muita categoria e inteligência na conclusão, encontrando seus espaços. Deu passe açucarado para Róger Guedes que quase anotou no início.

Thiago Neves – meia – Cruzeiro – 8,0

Tem encontrado cada vez mais o seu caminho na Raposa. Foi bastante participativo, tomando conta das ações de ataque a marcou um gol em chute preciso, abrindo caminho para a vitória.

Rafael Sóbis – atacante – Cruzeiro – 7,5

Finalizou quatro vezes no alvo e acabou marcando o seu para fechar a vitória sobre o Coritiba. Ao lado de Thiago Neves, tem crescido de produção. Peça importantíssima.

Joel – atacante – Avaí – 8,0

Contra o ex-clube, anotou os dois gols da vitória, fora de casa. Finalizou três vezes no alvo e em duas balançou a rede, Grande partida.

Técnico: Fábio Carille – Corinthians – 7,5

Elogios já estão se esgotando para o trabalho de Carille no comando do Timão neste Brasileirão. Em confronto direto fora de casa, manteve o mesmo nível de atuação, com segurança defensiva e precisão no ataque. Abre distância considerável em dez rodadas.

 



MaisRecentes

No Brasileirão, Corinthians se dá melhor quando não tem vantagem na posse de bola



Continue Lendo

Aproveitamento do Corinthians na temporada 2017 seria Top 10 na elite da Europa



Continue Lendo

Corinthians é o time que menos (e melhor) utiliza jogadores no Brasileirão-2017



Continue Lendo