Atlético-MG, Palmeiras e Ceará dominam a Seleção da 27ª Rodada do Brasileirão-2018



Atlético-MG, Palmeiras e Ceará levaram dez personagens para a Seleção da 27ª Rodada (Foto: Montagem/Divulgação/LC Moreira)

E o campeonato tem um novo líder! O Palmeiras é o sétimo clube diferente a ocupar a primeira posição na tabela nesta edição, o que significa um recorde desde que a competição passou a ser disputada por 20 equipes, em 2006. A diferença entre o primeiro colocado e o quinto permanece de quatro pontos e mostra o equilíbrio na briga pelo título. O Verdão, que confirmou sua arrancada, ao lado de Ceará e Atlético-MG, dominaram a Seleção da 27ª Rodada do Brasileirão-2018.

Com uma goleada por 5 a 2 sobre o Sport, no Independência, o Galo se firmou entre os seis primeiros e foi o time que mais levou personagens para o selecionado. São eles: o lateral-direito Emerson, o lateral-esquerdo Fábio Santos e o meia Cazares, Craque da 27ª Rodada, além deles, o técnico Thiago Larghi.

Já o Palmeiras derrotou o Cruzeiro por 3 a 1, no Pacaembu, e chegou ao primeiro lugar do campeonato após o empate em 2 a 2 do São Paulo com o Botafogo, no Nilton Santos. Destaques da vitória palmeirense, o zagueiro Gustavo Gómez, o meia Lucas Lima, e o atacante Dudu estão entre os melhores.

Outro clube que brilhou na 27ª Rodada foi o Ceará que, de virada, bateu a Chapecoense no Castelão, por 3 a 1, e contou com atuações inspiradas do zagueiro Valdo, do volante Richardson e do atacante Arthur, todos presentes na Seleção.

Completam a lista o goleiro Vanderlei, do Santos, e o atacante Everton, do Grêmio.

IMPORTANTE: A Seleção da Rodada, como sempre, é definida de acordo com as notas dadas pela redação do LANCE! durante a cobertura dos jogos do Brasileirão. Entram na lista os jogadores que receberam a melhor avaliação em sua posição.

Técnico: Thiago Larghi – Atlético-MG – 7,5

Confira as notas e os desempenhos de cada integrante da Seleção da 27ª Rodada:

Vanderlei – goleiro – Santos – 7,0

Fez duas defesas enormes, ainda no primeiro tempo, para impedir o gol em dois belos chutes de Nikão. Responsável pelo resultado na Vila.

Emerson – lateral-direito – Atlético-MG – 7,5

Marcou um golaço, talvez o mais bonito desta edição do Brasileirão. Presença constante no ataque do Galo do começo ao fim da goleada.

Valdo – zagueiro – Ceará – 7,5

Que atuação! Salvou um gol praticamente certo da Chapecoense, e em seguida anotou o gol de empate de seu time, no Castelão.

Gustavo Gómez – zagueiro – Palmeiras – 7,0

Fez outra grande partida no Verdão. Além de seguro na defesa, assumiu a responsabilidade e marcou gol em cobrança de pênalti.

Fábio Santos – lateral-esquerdo – Atlético-MG – 7,0

Assim como Emerson, teve atuação bastante incisiva no ataque, fazendo a diferença para o time e anotou o gol da virada cobrando pênalti.

Richardson – volante – Ceará – 7,0

É um caçador incansável no meio-campo cearense, fez seis desarmes certos contra a Chape e dominou o setor rumo à virada.

Lucas Lima – meia – Palmeiras – 7,0

Teve liberdade no meio, buscou o jogo, fez belos passes e lançamentos aos companheiros, e marcou o gol que abriu o placar para a vitória.

Cazares – meia – Atlético-MG – 8,5 (CRAQUE)

Depois de período de atuações apagadas, voltou a brilhar na goleada sobre o Sport. Deu duas assistências, uma para Elias e outra, primorosa, para Ricardo Oliveira, e deixou a sua marca em lance de oportunismo. Foi o melhor da rodada.

Dudu – atacante – Palmeiras – 7,0

Mostrou a sua importância para o Verdão jogando apenas 60 minutos. Participou do lance do primeiro gol, cobrando escanteio, e fez o cruzamento preciso para Hyoran balançar a rede.

Everton – atacante – Grêmio – 8,0

Começou a partida contra o Fluminense no banco de reservas, mas foi a campo e decidiu o jogo com um golaço, de letra, que determinou a vitória por 1 a 0, no Nilton Santos.

Arthur – atacante – Ceará – 8,0

Brilhou no Castelão ao dar assistência, de cabeça, para Valdo empatar a partida, e depois com um golaço, em que arrancou do meio-campo, brigou com o zagueiro e finalizou com força, no ângulo, sem chance para o goleiro.

Técnico: Thiago Larghi – Atlético-MG – 7,5

Diante da fragilidade do Sport, partiu para cima do adversário, mesmo tendo saído atrás no placar. Explorou os pontos fracos da defesa, como o zagueiro Durval, e colocou seus intensos e velozes atacantes para golear os pernambucanos sem dó.



MaisRecentes

Corinthians x Cruzeiro registra a maior renda do Brasil em 2018; veja ranking



Continue Lendo

Rodada do Brasileirão-2018 tem maior público pagante desde a edição 2015



Continue Lendo

Destino antes incomum, Inglaterra passa a ser refúgio brasileiro na Europa



Continue Lendo